0

Concurso do TJ-MA aplicará lei de Rodrigo Lago sobre o Maranhão…

Provas terão, pela primeira vez, questões específicas sobre os aspectos históricos, culturais e literários do estado, na forma como estabelecido na Lei Gonçalves Dias (nº 11.983/2023), de autoria do deputado estadual comunista

 

O concurso público do Tribunal de Justiça, lançado esta semana, será o primeiro a exigir dos participantes o conhecimento específico sobre o Maranhão; a exigência consta da Lei Gonçalves Dias (nº 11.983/23), que é de autoria do deputado estadual Rodrigo Lago (PCdoB).

Pela nova regra, sancionada pelo governador  Carlos Brandão (PSB) ainda no ano passado, todo concurso público realizado no estado deve ter, obrigatoriamente, conhecimentos específicos sobre o Maranhão.

Rodrigo Lago entende que é preciso valorizar a cultura maranhense, sobretudo entre candidatos a servidor público que venham de outros estados

Para o deputado, a lei fortalece a cultura maranhense.

– Quem quiser ser servidor público no Maranhão tem que conhecer o nosso estado; a lei Gonçalves Dias, de minha autoria, exige conhecimentos específicos sobre o Maranhão, sua história, sua cultura e sua literatura, que é muito rica – comemorou Lago.

O Edital do TJ-MA prevê vagas para cargos de nível básico, Ensino Médio e Superior, com salários de até R$ 10 mil…

0

Mandou Legal: Quadro ‘Diário Junino’ conta a trajetória do Cacuriá do Jhon

Programa que vai ao ar neste domingo, 28, na Band, será conduzido pelo jornalista Davi Max, que promete desvendar os bastidores dos grupos juninos que anima os arraiais maranhenses

 

Domingo é dia de sintonizar na Band-MA para uma viagem emocionante através do ‘Diário Junino’, um novo quadro no programa Mandou Legal, a partir das 8h, conduzido pelo experiente jornalista e ativista cultural, Davi Max. Este segmento vai desvendar os bastidores dos grupos juninos que animam os arraiais maranhenses.

Para a estreia, escolhemos o encantador Cacuriá do Jhon, diretamente do Bairro da Vila Esperança, na Zona Rural de São Luís. Com suas músicas autorais, especialmente a cativante ‘Amor’, o grupo promete levar seu carisma aos quatro cantos do Maranhão.

‘’Estão prontos para uma jornada pelos bastidores do São João do Maranhão? Segurem-se, porque estamos prestes a levá-los para dentro do universo de um grupo junino: ensaios, festividades culturais e toda a energia singular que nosso estado oferece. Com o Diário Junino, vamos invadir os terreiros do Maranhão e revelar cada detalhe no Programa Mandou Legal, a partir das 8h, na tela da Band. Então, vamos lá: qual grupo de dança você gostaria de ver em ação?”, declarou entusiasmado o jornalista.

Quadro com pegada diferente

Uma abordagem única e descontraída para compartilhar com o público toda a beleza dos arraiais do estado. Este quadro busca destacar histórias e pessoas que contribuem para enriquecer o cenário cultural maranhense.

0

Idealizado por Allan Garcês, Talentos do Reggae dará R$ 50 mil em prêmios…

Evento foi lançado no último sábado 30 – mesmo dia em que começaram as inscrições pelo perfil no Instagram –  e terá  sua solenidade de premiação no dia 1º de junho, com destaque para várias categorias vinculadas ao movimento regueiro no Maranhão, com transmissão ao vivo, participação de bandas, DJs, dançarinos, os chamados magnatas e presença de atrações internacionais

 

Logomarca do evento está disponível no site talentosdoregge.com.br e no perfil @talentosdoreggae

A casa de eventos Versátil foi palco neste último sábado, 30, do lançamento do projeto “Talentos do Reggae”, premiação que busca incentivar toda a cadeia produtiva do reggae no Maranhão; o projeto é idealizado pelo deputado federal Allan Garcês (PP) e vai distribuir R$ 50 mil em prêmios.

A festa de premiação dos escolhidos ocorrerá no dia 1º de junho.

Na noite de lançamento Allan Garcês reuniu talentos de todos os setores da cadeia produtiva do reggae maranhense

No evento do último sábado, Allan Garcês recebeu artistas, dançarinos, DJs, magnatas, bandas de reggae, jornalistas e ativistas culturais para apresentar o projeto “Talentos do Reggae”, em uma noite de muita ginga jamaicana.

– Trtata-se de um evento dedicado à valorização dos artista do reggae, com objetivo de reconhecer seus talentos e gerar reconhecimento pelo seu trabalho; visa dar visibilidade ao reggae maranhense e mostrar sua beleza para o Brasil – explicou Allan Garcês.

Serão premiadas bandas, cantores e outros artistas da cadeia produtiva do reggae.; dançarinos e DJs terão participação especial bonificada pelo evento

No perfil do projeto no instagram (@talentosdoreggae) os interessados podem conhecer as categorias e fazer a inscrição para concorrer aos prêmios; seis inscritos serão selecionados e um sairá ganhador no dia da festa de premiação, em 1º de junho.

– O evento “Talentos do Reggae” promove a cultura do reggae, oferecendo visibilidade aos talentos maranhenses e contribuindo para o desenvolvimento do turismo cultural no Maranhão – prega Allan Garcês.

O lançamento do “Talentos do Reggae” reuniu algumas das principais estrelas do reggae no Maranhão, como Fauzy Beydoun, Natty Naifsson, Raiz Tribal, projeto Reggae Aulas jornalistas e ativistas…

0

Allan Garcês lança projeto “Talentos do Reggae”…

Evento que vai premiar artistas e ativistas do movimento no Maranhão será apresentado em encontro neste sábado, 30, como mais uma forma de fomentar a cultura regueira no estado, foco de ações do deputado federal em Brasília

 

Allan Garcês tem se tornado um dos maiores influenciadores e defensores da cultura reggae no Maranhão

O deputado federal Allan Garcês (PP) faz neste sábado, 30, o lançamento oficial do evento “Talentos do Reggae”, que vai premiar artistas e ativistas da cultura regueira no Maranhão; o modelo do evento será apresentado para uma plateia de convidados.

– durante o lançamento, teremos o prazer de apresentar detalhadamente o evento, seus objetivos e como ele funcionará – diz o parlamentar, que tem dedicado o seu mandato a fomentar a cultura reggae no Maranhão.

A ideia é criar um evento anual que estimule o regueiro em todos os seus aspectos, com premiações que farão parte do calendário cultura maranhense.;

O evento de lançamento acontece no Versátil Eventos e Buffet, no Olho d’Água…

0

Allan Garcês divulga Museu do Reggae…

Único acervo do gênero musical fora da Jamaica – convênio do Governo do Estado com as entidades de curso superior, que oferece treinamentos e aprendizado em diversos aspectos, a casa é mais um setor da cadeia produtivo do movimento no Maranhão, que o deputado federal busca fomentar com ações na  Câmara Federal

 

Apaixonado pelo reggae, Allan Garcês tem usado o mandato para buscar formas de fomentar esta cultura maranhense

O deputado federal Allan Garcês divulgou nesta segunda-feira, 25, em suas redes sociais, uma visita ao Museu do Reggae, único acervo deste movimento cultural fora da Jamaica; o deputado tem desenvolvido ações e projetos para fomentar a cultura reggae no Maranhão.

– O Museu do Reggae mantém a memória viva dessa cultura; único museu temático deste segmento fora da Jamaica. E está em São Luís do Maranhão – disse o parlamentar, paramentado coma s indumentárias reggae.

Desde que assumiu o mandato parlamentar, em setembro, o deputado Allan Garcês vem se reunindo com lideranças do movimento reggae para encontrar formas de fomentar a cadeia produtiva do segmento; além de buscar alianças com os representantes do reggae, ele já promoveu aspectos desta cultura, tanto no cinema, quanto na música e no cotidiano.

– O museu representa uma das cadeias produtivas do reggae; aqui se vê a moda reggae, adereços do reggae, uma cultura de amor e paz – diz.

O vídeo postado pelo parlamentar – que tem quase 50 mil seguidores nas redes sociais – também foi distribuído em grupos de deputados federais de todo o país e em outros setores, como forma de divulgar o reggae maranhense. 

– Seja no agarradinho, no robozinho ou no reggae roots, isso não importa. O reggae nos leva para outra dimensão, a dimensão de Jah, a dimensão do amor – pregou Allan Garcês.

0

Allan Garcês recebe artistas, jornalistas e autoridades em sessão de “Bob Marley: One love”

Deputado federal reservou uma das salas de cinema no São Luís na estreia do longa-metragem que conta a histórica do músico jamaicano, lenda do reggae, para fazer o lançamento do projeto “Maranhão Jamaica Reggae, de fomento a uma das raízes culturais do Maranhão

 

Esmênia Miranda foi uma das autoridades convidadas para a sessão do filme One Love, recepção do deputado federal Allan Garcês

Artistas, jornalistas e autoridades maranhenses lotaram nesta quinta-feira, 15, uma das salas do cinema do São Luís Shopping para assistir à sessão de estreia do filme “One Love”, que conta a história do músico jamaicano Bob Marley, lenda do reggae mundial.

A sala foi reservada pelo deputado federal Allan Garcês (PP), para lançamento do seu projeto “Maranhão Jamaica Reggae”, que visa fomentar o desenvolvimento econômico de toda a cadeia produtiva do movimento reggae, uma das raízes culturais do Maranhão.

– Hoje damos início ao Projeto Maranhão Jamaica Reggae, de investimento, fortalecimento e fomento de uma das raízes culturais maranhense, o reggae. Teremos a premier do filme One Love, que conta a história do Rei Bob Marley. Vamos investir na nossa cultura maranhense – pregou Allan Garcês.

A Avant premier contou com a presença da vice-prefeita de São Luís, Esmênia Miranda, secretários de cultura de vários municípios da Grande São Luís, do procurador-geral de Justiça Eduardo Nicolau e várias personalidades da política, artistas, jornalistas e operadores do segmento reggae.

O projeto de fomento ao segmento reggae vem sendo desenvolvido por Allan Garcês antes mesmo de assumir o mandato na Câmara Federal; a partir de sua posse, em setembro de 2023, ele vem conversando com representantes do movimento para encontrar formas de dar cara ao projeto “Maranhão Jamaica Reggae”.

Na recepção aos convidados, Allan Garcês falou sobre o projeto “Maranhão Jamaica Reggae”, de fomento à cultura de raiz no Maranhão

A recepção aos convidados para a avant premier do filme One Love foi a forma marcar o lançamento do seu projeto, no mês em que se comemora o nascimento de Bob Marley.

O filme é uma das mais eloquentes manifestações sobre o reggae no mundo inteiro.

Por isso tem ganhado forte repercussão em São Luís…

0

Allan Garcês promove sessão especial do filme de Bob Marley…

Deputado federal receberá jornalistas, artistas, DJs, profissionais e amantes do reggae para assistir – em Avant Première, no São Luís Shopping, na próxima quinta-feira, 15 – “One Love”, película que conta a história do ícone da música jamaicana

 

Allan Garcês ao lado do pesquisador Natty Nayfsson, uma das lendas do reggae no Maranhão

Apaixonado por reggae e incentivador do segmento regueiro no Maranhão, o deputado federal Allan Garcês (PP) promove na próxima quinta-feira, 15, uma sessão especial para seus convidados do filme “Bob Marley: One Love”, que conta a história do ícone jamaicano; o parlamentar receberá jornalistas, artistas, DJs, empresários e amantes do reggae no cinema do São Luís Shopping.

Allan Garcês vem trabalhando investimentos em toda a cadeia produtiva do reggae, com objetivo de gerar emprego e renda neste setor da sociedade.

– Minha paixão pelo reggae começou na infância, quando passava férias com meus avós no bairro da Liberdade; Próximo da casa deles existia inúmeras radiolas, que aos domingos tocavam as poderosas pedras – lembra Allan Garcês.

O deputado vem se reunindo com lideranças e DJs do reggae, para organizar um projeto que fomente o fortalecimento, crescimento econômico e o desenvolvimento da cadeia produtiva do reggae.

– Nossa intenção é valorizar a nossa raiz cultural, que deu o título a nossa cidade de Capital Nacional do Reggae. Vamos colocar o Reggae no seu honroso lugar na cultura maranhense. Embora o reggae tenha sua raiz na etnia negra, ele não tem somente uma cor, é de todas as cores. O reggae não tem partido, nem ideologia. O reggae é do mundo e de todos, porém na América do Sul, nossa ilha de São Luís é considerada a Jamaica [que também é uma ilha] brasileirajustifica Garcês.

 

Pelas suas ações em favor do segmento, que beneficia também o Turismo, Allan Garcês foi recentemente agraciado com o “Prêmio Cazumbá de Turismo”, um dos mais importantes do Maranhão.

A sessão especial que ele organiza para os regueiros no São Luís Shopping é uma forma também de marcar o aniversário de Bob Marley, que acontece no dia 6 de fevereiro; em 9 de maio, o deputado federal será também anfitrião de uma sessão solene na Câmara Federal, em alusão ao Dia Nacional do Reggae.

– Pretendemos contagiar Brasília, capital do país, com parte da nossa raiz cultural, o reggae, o ritmo musical que fala de amor, paz e liberdade, afinal, São Luís do Maranhão, é a capital nacional do reggae – espera o parlamentar.

0

Show cancelado do Chicabana prevê devolução dos R$ 300 mil pagos…

Contrato fala também de multa por cancelamento não-justificado; no caso da ausência por atraso no voo da banda, no último sábado, 20, o valor pago posteriormente pela prefeitura tem que ser devolvido pela banda, que pode também marcar nova data para realização do evento

 

Uma das cláusulas do contrato do show da banda Chicabana, que não pôde se apresentar no sábado, 20, na Cidade do Carnaval e, mesmo assim, recebeu integralmente os R$ 300 mil da prefeitura – pagos depois do dia do evento – prevê duas opções para ressarcimento à Prefeitura de São Luís:

  • 1 : devolução integral dos R$ 330 mil;

 

  • 2 : realização de show em nova data.

De acordo com o contrato, publicado nesta quinta-feira, 25, pelo blog de Clodoaldo Corrêa, a devolução do dinheiro só ocorreria em caso de impossibilidade de nova agenda, mas isso quando a quantia total já tivesse sido paga, o que não era o caso da prefeitura.

A banda seria uma das atrações da abertura da Cidade do Carnaval, ao lado da paraense Joelma; o avião que traria os artistas teve o voo suspenso, o que inviabilizou a chegada dos músicos a São Luís.

Mesmo assim, já na segunda-feira, 22, a Secretaria Municipal de Cultura pagou à Chicabana o valor de R$ 300 mil.

A grande pergunta que fica nessa questão toda é:

Por que a prefeitura pagou o shows posteriormente, mesmo já sabendo que ele não fora realizado?

0

Obra literária “Tudo Azul de Bolinhas Brancas” é lançada por Nery Mendonça na Livraria Amei

Livro da escritora e museóloga – que relata passagens da história de dona Raimunda Mendonça, testemunha de fatos marcantes da história de São Luís – é prefaciada pelo advogado Carlos Nina e tem revisão de Edmilson Sanches

 

A autora e sua obra: históricas do cotidiano, testemunho e homenagem a uma personagem icônica de São Luís

A escritora e museóloga Nery Mendonça lançou na noite deste sábado, 6, na Livraria Amei, no São Luís Shopping, o livro “Tudo Azul de Bolinhas Brancas”, com passagens da história de dona Raimunda Mendonça, testemunha de fatos marcantes da história de São Luís

Para o filho Fernando Mendonça, que é juiz de Direito e marido da Autora, o livro é “bem gostoso de ler e narra o passar de cinco gerações das famílias Rego e Mendonça”.

– São muitas deliciosas histórias de vidas, experiência de família, recheadas de boas pitadas de informações sobre o ambiente da floresta amazônica no começo do século passado, a miscigenação de raças e fatos históricos da Velha São Luís – diz o magistrado.

A obra é prefaciada pelo advogado Carlos Nina, ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Maranhão e do Rotary Club.

– Dona Raimunda Mendonça de Sousa era assim, múltipla ao longo de sua vida, sendo ela mesma, sempre. Determinada, mas compreensiva; tolerante, mas persistente; humilde, mas altiva; realista, mas otimista. Assim enfrentou as adversidades que suas circunstâncias lhe impuseram quando constituiu sua própria família. Nada disso impediu que seus filhos fossem criados em ‘clima de união familiar, de respeito, bondade e solidariedade – pontuou Nina.

Nery Mendonça selecionou diversas fotografias que integram a obra e documentou no livro depoimentos e testemunhos de amigos e familiares, que enriquecem o conjunto de referências pessoais e históricas.

Os trabalhos de revisão e supervisão editorial do livro foram feitas pelo jornalista e escritor maranhense Edmilson Sanches, que também assina o texto da quarta capa.

– De entrada, este livro revela dois encantos: a história maiúscula de dona Raimunda Mendonça, sua vida ricamente simples, seu exemplo simplesmente rico; e a leveza, fluidez, mansuetude textual, de estilo, de Nery Mendonça. Quem estiver com este livro não estará apenas com uma obra de papel e tinta, mas com um relicário de quase um século de vida, vida em abundância, como a vivida por Dona Raimundinha. Abundância que não é fartura, excesso, opulência, mas riqueza — riqueza, primeiro, de bom e firme caráter (sem o que, honestamente falando e agindo, não se vai adiante). Riqueza de vontade, de visão, de talentos potenciais e de energia para fazer acontecer – escreveu o revisor.

Durante o lançamento do livro os amigos da homenageada – os cantores Marco Duailibe, Plínio Fontenele, Alessandro Batista, Fernando de Carvalho, Ruber Rosha, Thaynara Oliveira – acompanhados pelo pianista Renato Serra, prestaram a sua homenagem a Dª Raimunda Mendonça, cantando as suas canções preferidas.

A produção do evento foi assinada pelo designer e produtor Suassuna Filho….

0

Allan Garcês monta projeto estrutural para a cadeia produtiva do reggae no MA…

Deputado federal quer apresentar proposta a todos os setores do segmento cultural em 11 de maio, quando é comemorado em São Luís o Dia do Regueiro; objetivo é exportar a cultura do reggae para além das fronteiras maranhenses, explorando também as belezas naturais e Centro Histórico reconhecido internacionalmente, fortalecendo não apenas a cultura, mas o setor de Turismo

 

Allan Garcês concentrado ouvindo o som do reggae que sai das radiolas do Quilombo Urbano, na Liberdade

O deputado federal Allan Garcês (PP) reuniu-se mais uma vez nesta quinta-feira, 4, com representantes do movimento reggae em São Luís, para apresentar o projeto estrutural que pretende fortalecer a cadeia produtiva do reggae no Maranhão.

Na reunião – realizada no Quilombo Urbano, na Liberdade –  Allan mostrou a estruturação do projeto, que visa levar o reggae para além-fronteiras do Maranhão. Este é o segundo momento de discussão com os regueiros; o primeiro foi registrado pelo blog Marco Aurélio d’Eça no post “Allan Garcês discute pautas para o segmento do reggae no Maranhão”.

– Estamos trabalhando em um segmento que ainda está à margem, sem uma representatividade direta. Meu compromisso com toda a cadeia produtiva do reggae, para levar o segmento além das fronteiras do Maranhão, explorando não apenas o ritmo, mas as belezas naturais e o magnífico Centro Histórico de São Luís – frisou Allan Garcês.

Representantes de vários setores do segmento reggae participaram da reunião com o deputado federal

Segundo o deputado federal, a ideia é tornar a cadeia produtiva do reggae autosustentável, fortalecendo não apenas o setor cultural, mas também o setor de turismo de São Luís e do Maranhão.

– Num terceiro momento, o projeto será apresentado de forma cultural à cadeia do reggae – explicou Allan Garcês.

Um evento para marcar essa consolidação do projeto está previsto para o dia 11 de maio, quando se comemora o Dia do Regueiro em São Luís…