0

Em novo formato, curso de cinema da Palco tem Tássia Dur à frente

Módulo que começa em 5 de fevereiro, será ministrado pela atriz, roteirista e diretora maranhense com  trabalhos premiados no Brasil e em outros países

 

O curso de cinema de Palco Centro de Arte, que já revelou diversos artistas e apresentou produções premiadas no Maranhão e no Brasil, inicia suas aulas no dia 5 de fevereiro, agora em novo formato, dividido em módulos.

E terá à frente deste primeiro módulo a atriz, roteirista e diretora maranhense Tássia Dur.

Premiada no Brasil e no exterior, Tássia Dur foi laureada como Melhor Diretora pelo South Film and Arts Academy no Chile em 2020. Também ganhou o prêmio de Melhor Atriz no Festival de Cinema Maranhão na Tela, 2019.

Atuou na série “Feras” no MTV, em 2019, no longa-metragem “De repente Drag” e “Anna”, com direção de Heitor Dhália.

Foi atriz das séries “Rio Topless ” e “O Dia Em Que Nos Tornamos Terroristas.” E participou de diversos Curtas-Metragens e vídeo-clipes como Atriz, Diretora e Roteirista.

O curso da Palco será encerrado com uma produção dos próprios alunos, professores e diretores da casa.

Matrículas abertas pelo contato (98) 99144 – 8541…

0

Eliziane dicute com Regina Duarte veto de Bolsonaro ao Recine…

Senadora maranhense liderou grupo de parlamentares que foram à Secretária Nacional de Cultura tentar entender sua visão sobre a proposta de prorrogação do prazo para o programa que incentiva e fomenta o cinema

 

Regina e Eliziane trocaram gentilezas durante audiência sobre o futuro do financiamento do cinema pós-veto de Bolsonaro

A líder do Cidadania no Senado, Eliziane Gama, se reuniu com a Secretária de Cultura, Regina Duarte, nesta quarta-feira (11), acompanhada de um grupo de parlamentares, para discutir políticas públicas e investimento em cultura como importante instrumento de desenvolvimento humano.

Na pauta dos parlamentares estava o Veto 62, que prorroga o prazo de utilização do Recine (Regime Especial de Tributação para Desenvolvimento da Atividade de Exibição Cinematográfica), programa que incentiva e fomenta a criação de novas salas de cinema e a geração de empregos e renda no País.

A senadora foi a relatora no Senado do projeto de lei do deputado federal Marcelo Calero (Cidadania-RJ) que prorrogava até 2024 o prazo para utilização do Recine e também os incentivos fiscais da Lei do Audiovisual. O presidente vetou a proposta sob o argumento de que a medida fere a Constituição, a Lei de Responsabilidade Fiscal e a Lei de Diretrizes Orçamentárias. Os parlamentares presentes na reunião contestaram os argumentos do presidente.

Para Eliziane Gama, a ida de Regina Duarte para o governo federal dá ares de que o setor cultural será bem cuidado e de que a comunicação com a área ficará mais tranquila.

“A Regina é muito carismática e tem muito amor pela cultura”, afirmou a parlamentar que disse estar confiante que o veto do Recine será derrubado.

Além de Eliziane, estiveram presentes as senadoras Leila (PSB-DF) e Mara Gabrilli (PSDB-SP) e os deputados federais Marcelo Calero (Cidadania-RJ), Carmem Zanotto (Cidadania-SC), Daniel Coelho (Cidadania-PE), Soraya Santos (MDB-RJ) e Paula Belmonte (Cidadania-DF).

0

“Fantástica Fábrica de Chocolate” revoluciona musicais no Maranhão…

Companhia Palco Centro de Artes – a mesma do premiado High School Musical – mistura no mesmo espaço elementos lúdicos e tecnológicos na versão para os palcos do livro Charlie and The Chocolate Factory, que rendeu dois filmes de sucesso em Hollywood

 

A Fantástica Fábrica de Chocolates terá Willy Wonka inspirado na versão de Jonny Depp e Oompa lompas da versão original, de 1979

Acostumada a revolucionar o conceito de espetáculos teatrais, a companhia maranhense Palco Centro de Arte a mesma que produziu o premiado High School Musical –  traz para o Teatro Arthur Azevedo o musical “A Fantástica Fábrica de Chocolate”.

Baseado na história do menino pobre Charlie Buckett, que consegue ganhar um dos cupons dourados de acesso à fábrica de chocolates comandada pelo excêntrico Willy Wonka, a nova produção da Palco mistura elementos lúdicos com as modernas tecnologias cenográficas.

– O publico maranhense poderá contemplar no mesmo espaço os Oompas lompas da versão original, de 1979, mesclados com a realidade virtual utilizada nos melhores espetáculos da Brodway – explica a produtora executiva Lêda Lima, diretora-geral da Palco Centro de Artes.

Os atores caracterizados para gravação da chamada televisiva, nos estúdios da TV Guará, em São Luís

O espetáculo será apresentado em duas sessões, sábado, 25, e domingo, 26, no Teatro Arthur Azevedo.

Para transportar a plateia para dentro da fábrica de Willy Wonka, a produção, escrita, coreografada e dirigida pela bailarina paulista Carol Marcondes, utilizará técnicas de vídeo mapping e cenografia 3D, mescladas a elementos cenográficos de palco, figurino e iluminação cênica. 

A produção maranhense reúne atores, professores e alunos da Palco Centro de Artes; e terá participação especial do cantor Marquinhos Duailibe, no papel do pai de Willy Wonka, e do ator Luiz Bruno, o vovô Joe, que acompanha Charlie na visitação à fábrica.

Os ingressos para “A Fantástica Fábrica de Chocolate” estão à venda nas lojas da Bilheteria Digital e no próprio Teatro Arthur Azevedo, ao preço de R$ 60,00.

As sessões estão marcadas para sábado, 25, às 19h, e domingo, 26, às 18h…

0

Oficina de Interpretação SLZ agora é Palco Centro de Arte…

Produtora que revolucionou o mercado do audiovisual maranhense – com os filmes “Glamour-Glória e Tragédia”, “Bullying-Aconteceu Comigo” e o musical “High School Musical” – moderniza a marca, inaugura nova sede e lança novas atividades nas áreas de circo e dança

 

A OFICINA DE INTERPRETAÇÃO SLZ TRANSFORMOU-SE NA PALCO CENTRO DE ARTE, ganhou nova sede e ampliou sua oferta de produções em São Luís

A Oficina de Interpretação SLZ – produtora que revolucionou o mercado audiovisual maranhenses nos últimos anos – lançou no último sábado, em  coquetel para convidados, sua nova sede e nova marca.

E agora passa a se chamar Palco Centro de Arte.

– Apesar do impacto de nossas produções no mercado maranhense, já se fazia necessário uma marca que abrigasse em seu conceito todas as atividades que abraçamos. Por isso lançamos a Palco Centro de Arte, no mesmo momento em que inauguramos também a nossa sede própria – frisou a diretora-geral da empresa, Lêda Lima.

NOVA SEDE DISPÕE DE ESPAÇO PARA TREINAMENTOS E PRODUÇÕES NA ÁREA DE CINEMA, TEATRO, MUSICAL, DANÇA E CIRCO, única na capital maranhense com este portfólio

Criada em 2015, a OF-SLZ é responsável pelo lançamento dos filmes “Glamour-Glória e Tragédia” e “Bullying-Aconteceu Comigo”, ambos de autoria do titular do blog Marco Aurélio D’Eça.

Em 2018, o High School Musical, uma montagem do musical da Disney, primeira e única encenação em palcos brasileiros teve temporadas em São Luís e São Paulo.

– Em 2019 estamos em plena montagem de duas produções: a web-série Eurekas, em parceria com a ClockWork Produções, e o musical “A Fantástica Fábrica de Chocolate”, dirigida pela coreógrafa Carol Marcondes, com passagem pela Brodway – explica Lêda Lima.

Maior estrutura de São Luís

A nova sede da Palco Centro de Arte é a mais bem estruturada produtora do gênero em São Luís, com espaços próprios para teatro, musical, dança, cinema, música e circo. Funcionando no bairro Quintas do Calhau, região do Barramar dispõe da única estrutura pronta para circo aéreo e acrobacias na capital maranhense.

– Além das nossas produções profissionais a Palco funciona de segunda a sábado com aulas em todas as atividades de seu portfólio, com matrículas permanentemente abertas – explica Lêda.

PROFESSORA CAROL MARCONDES EM AÇÃO NA ÚNICA ARENA PARA CIRCO AÉREO EM SÃO LUÍS, disponível na sede da Palco Centro de Arte

Agora em outubro, a produtora realiza o Workshop com vagas limitadas, trazendo Jorge Silpen, da carioca Dèsir, a maior agência de atores do país, e Bruno Mangetti, produtor de elenco das novelas Chiquititas, Cúmplices de Um Resgate e Carrossel.

Todas as informações sobre produções, treinamentos, cursos e aulas na Palco Centro de Artes podem ser obtidas pelo celular 98 99173 0943.

0

Filme maranhense Bullying será relançado em edição remasterizada

Curta-metragem de autoria do titular do blog Marco Aurélio D’Eça será reapresentado em sessão especial na Associação Maranhense dos Editores Independentes, no Shopping São Luís

 

CARTAZ DE BULLYING…, QUE SERÁ REAPRESENTADO na Associação Maranhense de Escritores Independentes

Assinado pelo jornalista Marco Aurélio D’Eça, titular deste blog, o filme “Bullying – Aconteceu Comigo”, lançado em 2018, terá reapresentação neste sábado, em sessão especial na Associação Maranhense de Escritores Independentes (AMEI), no Shopping São Luís.

A película ganhou remasterização com nova edição da Clock Work Filmes, que atua em parceria com a produtora Oficina de Interpretação SLZ.

Lançado em 2018, Bullyng… narra o drama de adolescentes vítimas de preconceito por ser diferente. Ambientado em uma escola de São Luís, com elenco maranhense, o filme participou em 2018 das mostras Guarnicê de Cine Vídeo e Maranhão na Tela.

O filme tem direção de Jorginho Silpen, da Agência Carioca Desir, e direção de elenco de elenco de Luciano Baldan, responsável, dentre outros, pela série Carcereiros, da Globo, e pelo filme Carandiru.

– A nova edição traz novos elementos de fotografia, estabelece uma paleta de cores característica da narrativa do filme e se adequa às novas tecnologias de produção, como a 4K – explica a produtora executiva Lêda Lima, que co-roteiriza o filme.

“Bullying – Aconteceu Comigo” é o segundo curta-metragem de Marco Aurélio D’Eça, que estreou nas telas em 2017, com “Glamour – Glória e Tragédia”, filme que disputou festivais nacionais e internacionais, sendo apresentado também na mostra Guarnicê e no Maranhão na Tela.

UMA DAS PRINCIPAIS CENAS DO FILME BULLYNG, GRAVADA NO CEMITÉRIO DO GAVIÃO, EM SÃO LUÍS, é o ápice da trama que ocorre em uma escola tradicional

A sessão especial na AMEI marca o novo momento da Oficina SLZ, que tem hoje no portfólio, além de Bullyng e Glamour, também os musicais High School Musical, de 2018, e A Fantástica Fábrica de Chocolate, em fase de montagem, além da websérie Eurekas. (Saiba Mais aqui, aqui e aqui)

– A Oficina tem hoje uma das maiores estruturas próprias para produção de audio-visual no Maranhão, com treinamentos, montagens, oficinas e cursos na área de TV, Cinema, Teatro, Musical, Dança, instrumentalização e propaganda – explicou Lêda Lima, diretora-geral da produtora.

A sessão de “Bullyng – Aconteceu Comigo” começa as 19h deste sábado, 31…

0

São Luís vai encenar musical “A Fantástica Fábrica de Chocolate”…

Adaptação das duas versões do sucesso do cinema mundial terá produção da Oficina de Interpretação SLZ, montagem e direção da coreógrafa paulista Carol Marcondes – com passagem pela Broadway – e colaboração de roteiro do titular do blog Marco Aurélio D’Eça

 

WILLY WONKA NA VERSÃO DE JONNY DEPP com os garotos escolhidos para conhecer a Fantástica Fábrica de Chocolates: desafio para o palco

Da redação

O Maranhão será um dos primeiros estados do Brasil a fazer a adaptação para os palcos do sucesso cinematográfico “A Fantástica Fábrica de Chocolate”, um clássico do cinema.

A produção maranhense – em forma de musical – será feita pela Oficina de Interpretação SLZ, com direção da coreógrafa paulista Carol Marcondes e colaboração do titular do blog Marco Aurélio D’Eça no roteiro adaptado.

Exibida pela primeira vez em 1971, com o genial Gene Wilder no papel de Willy Wonka, “A Fantástica Fábrica de Chocolate” conta a história do menino pobre Charlie Bucket, que acha em um chocolate cupom que dá o direito de conhecer a fábrica do título.

A fábula – baseada no livro Charlie and the Chocolate Factory  – de Roald Doahl (1964), foi refilmada em 2005, dirigida por Tim Burton e com ninguém menos que Jonny Depp no papel de Wonka.

VERSÃO CLÁSSICA, COM GENE WILDER E OS INDEFECTÍVEIS OOMPAS-LOOMPAS, na versão que deve ser usada na adaptação para o musical

Nas conversas entre Carol Marcondes e Marco Aurélio D’Eça, que assina este blog, o desafio era mesclar elementos das duas versões.

 – Os dois Willy Wonka são geniais, mas os Oompa-Loompas da versão de 1971 são mais clássicos; discutimos fazer mescla com elementos dos dois filmes – conta D’Eça, que esteve em São Paulo, no fim de 2018, na apresentação do High School  Musical e definiu os últimos detalhes do musical.

Carol Marcondes – que tem estudos na Broadway, de Nova York – desembarca em São Luís em maio, já com a versão adaptada do filme. A partir daí começam as audições com atores e bailarinos e a definição de cenários e elementos cênicos.

High School Musical

ATORES DA OFICINA DE INTERPRETAÇÃO SLZ em performance em plena avenida paulista, durante apresentação do HIGH School Musical, em 2018

Esta é a segunda parceria entre Carol Marcondes e a Oficina de Interpretação SLZ; em 2018, a parceria resultou na montagem inédita do High School Musical, da Disney, que cumpriu temporadas em São Paulo e nos teatros Arthur Azevedo e Alcione Nazaré. (Relembre aqui)

– A qualidade técnica de Carol Marcondes reforça o time da Oficina SLZ nas áreas do teatro e da dança; e sua temporada em São Luís será marcada também por treinamentos nestas áreas – conta Lêda Lima, diretora da OF-SLZ, que funciona na rua da Caixa D’Água, na Cohama, com aulas de cinema, teatro, dança, circo e musicalidade infantil, juvenil e adulto. (contato: 98 991730943)

CARTAZES DOS FILMES GLAMOUR… E BULLYNG… produzidos pela Oficina de Interpretação SLZ, com atores maranhenses

Além dos musicais “High School  Musical” e a “Fantástica Fábrica de Chocolate”, a Oficina SLZ já produziu os filmes “Glamour – Glória e Tragédia” (2017) e “Bullyng – Aconteceu Comigo” (2016), ambos filmados completamente em São Luís.

Para receber informações sobre a montagem da “Fábrica…”, e sobre a programação anual da Oficina SLZ, basta acessar no instagram o endereço @oficinadeinterpretacaoslz.

0

Filmes “Glamour…” e “Bullying” selecionados no Maranhão na Tela…

Obras de autoria do titular deste blog - que tratam do universo dos concursos de miss, suas glórias e tragédias; e da crueldade e preconceito de adolescentes em escolas - participarão da rodada de negócios com distribuidoras e produtoras nacionais
 

[caption id="attachment_114584"

Read more
0

Bullying… ganha forte repercussão na mídia…

Cobertura da imprensa sobre o lançamento do novo filme do titular deste blog abordou o debate sobre a opressão escolar na formação do caráter de jovens e adolescentes e suas consequências na vida adulta

 

O Estado abordou, em seu caderno Alternativo, os problemas do bullying no mundo

Teve forte repercussão na mídia maranhense o lançamento do filme Bullying-aconteceu comigo…”, segunda produção do titular deste blog.

Toda a imprensa – TVs, jornais, blogs, emissoras de rádio e páginas de internet deram atenção ao lançamento, sobretudo pelo tema abordado, um dos chamados males do século.

O Imparcial também deu ampla cobertura à pré-estreia do filme, na última sexta-feira, 3

Bullyng-aconteceu comigo…, se passa numa escola tradicional, onde a couraça do tradicionalismo e as disputas de classes encobrem os problemas envolvendo os alunos.

Diante da omissão escolar – quando a direção resolve fechar os olhos para o problema – e do desinteresse dos pais em debater o assunto,m traduzido em uma das principais cenas do filme, a trama se desenrola até chegar a um ápice cruel, mas também com exemplos de superação.

William Santos, em destaque de Bullying em sua coluna de O Debate e na TV

E foi exatamente esta a abordagem da imprensa, buscando a relação do que ocorre na produção com a realidade social de hoje.

Bullying – aconteceu comigo… está em cartaz no Cine Praia Grande a partir desta segunda-feira, com sessões ás 18h30.

3

Começam as gravações de “Bullying – Aconteceu comigo”…

Segundo filme do titular deste blog – que aborda a pressão familiar, escolar e social sobre as pessoas consideradas “diferentes” e o extremos duas suas consequências

 

Produção prepara cena da morte de Milana, uma das vítimas do bullying social

Começou a ser rodado na semana que passou, em São Luís, o curta-metragem “Bullying -Aconteceu comigo”, segundo filme do titular deste blog.

O filme conta a história de pessoas que sofrem – e podem ir às últimas consequências – com a ridicularização e humilhação de ser diferente, seja do ponto de vista físico, racial, social ou de gênero.

“Bullying”… em um colégio tradicional da classe média, com todos os seus valores católicos-patriarcais e sua imposição na vida de alunos, professores e familiares.

A atriz Fernanda Maluf contracena na recepção da “Escola Internacional”, sob a direção de Rick Ramos

 

A história traz no elenco grandes nomes do novo teatro maranhense, muitos dos quais vivem a primeira experiência cinematográfica – e deverá seguir a mesma trajetória do primeiro filme do autor, “Glamour – Glória e Tragédia…”, lançado com sucesso no ano passado e que deve entrar agora no circuito dos canais por assinatura.

Andy, na solidão do seu próprio mundo incompreendido pelos “normais”

 

Além dos cariocas Carlão Limeira (diretor-geral) e Jorge Silpen (diretor-artístico), e da paraense Tayeres Pacheco (preparadora de elenco), Bullying traz a assinatura do premiado diretor de elenco Luciano Baldan, que dentre outros sucessos assina o elenco da série Carcereiros, no are pela Rede Globo.

A nova película do titular deste blog começará agora a fase de pós-produção, que ficará nas mão do talentosíssimo maranhense Rick Ramos.

A estreia nas telas está prevista para o segundo semestre…

1

Glamour… agora disponível em DVD…

Filme maranhense lança disco com trama completa, making-off e cenas extras, uma forma de garantir ver e rever a trama, toda rodada em São Luís, com atores locais

 

Os DVDs de Glamour – Glória e Tragédia podem ser adquiridos pelo fone 991730943

O filme “Glamour – Glória e Tragédia” – lançado no final de 2018 e que acaba de participar de mostras em Portugal – chegou a São Luís na versão DVD.

O novo formato traz a trama completa e adicionais, como making-off e cenas extras.

Glamour – Glória e Tragédia – de autoria do titular deste blog, em parceria com a carioca Produtores Associados e a Invisível Filmes, do Pará, foi lançado no final de 2018, com temporada no Cine Praia Grande.

Neste domingo, o filme volta as telas, em sessão especial – com a presença de atores e roteirista – na sede da Academia Maranhense de Escritores Independentes (Amei).

Os DVDs podem ser adquiridos com a produtora executiva Lêda Lima, no número 99173 0943.

Bullying – aconteceu comigo, começa a ser rodado no final de março

Além do formato DVD de Glamour- Glória e Tragédia, o titular deste blog acaba de lançar a logo do seu novo filme, Bullying – Aconteceu comigo” que começa a ser rodado em São Luís no final de março, em mais uma parceria com a Produtores Associados. (Veja a imagem acima)

Glamour… por sua vez, vai participar de festivais em São Luís e no Brasil…