0

Imagens do dia: paisagismo reforça embelezamento do viaduto da Litorânea….

Serviço de plantio de gramíneas, arbustos e palmeiras no entorno do elevado que faz a conexão entre a Avenida dos Holandeses e a Avenida Litorânea dá aspecto de cartão postal ao equipamento urbano construído pelo governo Brandão na Ponta do Farol
 

[caption id="attachment_144153"

Read more
0

De como Brandão atuou para esvaziar o Circuito Beira-Mar até fechá-lo antes do fim da festa…

Usando seus parceiros na comunicação – TV Mirante à frente – governador focou a divulgação do carnaval a partir do Circuito Litorânea, que estreou sob seu comando este ano, minimizando o circuito criado por Flávio Dino em 2018 e que modernizou o carnaval de São Luís, até encerrar antes do tempo as suas atividades nesta terça-feira, 13

 

Toda cobertura da Mirante – principal parceira do governo Brandão – foi feita a partir da Litorânea no período carnavalesco; Circuito Beira-Mar fechou antes do tempo

Depois de montar um “cavalo de batalha” contra o prefeito Eduardo Braide (PSD) pelo controle do Circuito Beira-Mar do carnaval maranhense – forçando o prefeito a ciar um circuito alternativo, que gerou polêmica, mas se mostrou sucesso – o governador Carlos Brandão decidiu antecipar o encerramento da festa no local, que deveria terminar somente na madrugada da quarta-feira, de cinzas.

Toda a programação do carnaval patrocinado pelo Governo do Estado foi transferida para a Avenida Litorânea, em cima de trios elétricos; os shows de Lauana Prado e Geraldo Azevedo, que deveriam ocorrer no palco da Beira-Mar, serão apresentados em cima de um trio, na Litorânea.

Na verdade, desde o início do carnaval, na sexta-feira, 9, ficou claro o foco do governo Brandão no carnaval da Litorânea.

Os colaboradores midiáticos do Palácio dos Leões – como a TV Mirante, sua principal parceira – focava todo o seu jornalismo na avenida das praias, mostrando só aqui e ali algum aspecto do carnaval na Beira-Mar; desde a sexta-feira gorda, os telejornais da emissora estavam sendo apresentados diretamente da Litorânea, com um ou outro flash a partir da Beira-Mar.

O Circuito Beira-Mar foi criado no segundo mandato do governo Flávio Dino (PCdoB) como uma espécie de alternativa para valorizar a orla marítima do Centro Histórico a partir da Praça Maria Aragão; foi sucesso de público e crítica desde o início, inclusive com reconhecimento deste blog Marco Aurélio d’Eça.

Este ano, o prefeito Eduardo Braide tentou realizar a festa da prefeitura a partir do Circuito Beira-Mar, e chegou a anunciar sua programação para o local, mas foi rechaçado por Brandão, que chegou a botar a Polícia Militar para impedir o prefeito de fazer festa.

Mas mesmo no pré-carnaval, este blog Marco Aurélio d’Eça já havia percebido o esvaziamento da Beira-Mar, como foi mostrado no post “Cidade do Carnaval esvazia Circuito Beira-Mar; Brandão foca na Litorânea…”

A justificativa para o encerramento precoce do Circuito Beira-Mar foi o comprometimento da estrutura após as fortes chuvas de ontem (Leia aqui); mas a Cidade do Carnaval também teve sua estrutura abalada na segunda-feira, 12 – tanto que cancelou o show da Mayara e Maraysa – mas nada que não pudesse ser consertada durante o dia desta terça-feira, 13.

Com o fim melancólico do Circuito Beira-Mar, Eduardo Braide fica sozinho para reinar absoluto nesta terça-feira, com o show do DJ Alok.

E ao que tudo indica, o prefeito vai rir por último…

0

Litorânea completa circuito oficial que deve consolidar o carnaval de São Luís…

Espaço de apresentação de trios elétricos e blocos, na beira da praia – criado pelo governo Carlos Brandão – se junta ao Circuito Beira-Mar, que já havia mudado o roteiro de carnaval na capital maranhense desde o segundo mandato do governo Flávio Dino; os dois locais de festa devem consolidar o carnaval, agora também com atrações desde o início da manhã

 

Milhares de foliões brincaram no pré-carnaval e nos quatro dias de folia na Avenida Litorânea, que criou o novo circuito e o novo horário do carnaval maranhense

Duas novidades implantadas pelo governo Carlos Brandão (PSB) devem fortalecer o carnaval de São Luís nos próximos anos.

O circuito Litorânea e a festa começando desde o início da manhã marcaram o período momesco de 2023 e consolidaram o novo roteiro da folia, que já havia sido modificado em 2019, ainda no governo Flávio Dino (PSB), com a implantação do Circuito Beira-Mar.

Até 2018, o carnaval de São Luís se limitava ao Anel Viário, com a passarela do samba, e ao carnaval de rua, no antigo Circuito Madre Deus/São Pantaleão; este roteiro foi perdendo espaço ao longo do tempo, pela dificuldade de estacionamento e mobilidade dos foliões de outros bairros.

Foi quando Flávio Dino criou o circuito Beira-Mar, que uniu a beleza da orla marítima com a história do centro colonial, criando um dos mais belos cenários da folia em todo o país.

Em 2020, último ano do carnaval antes da pandemia, Flávio Dino ainda tentou criar outro circuito, o da Areinha, mas a falta de infraestrutura do local acabou por não ajudar.

Criador do novo circuito, o governador Carlos Brandão participou da festa na Avenida Litorânea

Com a inauguração do novo trecho da Avenida Litorânea, agora chegando até ao Olho D’Água, Carlos Brandão começou a testar este circuito com as festas de fim de ano; aprovado pelo público, o local virou também circuito de carnaval.

E trouxe uma outra novidade: o horário de início das apresentações agora é pela manhã, aproveitando a movimentação nas praias.

Novidades que devem ganhar mais força ao longo dos próximos anos de retomada da cultura maranhense…

0

Carlos Madeira quer interligar parques de lazer e esportes em São Luís

Pré-candidato a prefeito criará circuitos interligados entre espaços como Avenida Litorânea e Sítio Rangedor; Lagoa da Jansén e Península; parque do Bacanga, Rio Anil e Centro Histórico, além de Sítio Itapiracó e o Araçagy, criando áreas ampliadas de lazer e convívio social

 

Um dos projetos de Carlos Madeira é interligar Lagoa, Litorânea, Sítio Rangedor e Península, possibilitando um trecho maior de áreas de lazer integradas

O pré-candidato a prefeito de São Luis pelo Solidariedade, Carlos Madeira, anunciou que pretende interligar, caso eleito, diversos locais de lazer da grande São Luis para propiciar mais saúde, mais lazer e mais integração social à sociedade ludovicense.

Ele citou como exemplo a Avenida Litorânea, o Parque do Rangedor, a Lagoa da Jansén e a Península da Ponta D’Areia, que ganharão sistemas interligando umas as outras, propiciando o convívio social e deixando de ser ilhas de isolamento social.

– A ideia é integrar com ampla sinalização, passarelas, ciclovias, desvios e estruturas que possibilitem por exemplo a pessoa começar uma caminhada, uma corrida ou uma passeio de bicicleta na Litorânea; ir de lá ao Rangedor; do rangedor a Lagoa da Jansén; da Lagoa passar à Península da Ponta D’Areia e da península voltar à Litorânea, completando uma volta num percurso bem maior, seguro, sinalizado e passando por verdadeiros cartões postais da ilha de São Luis – explicou o pré-candidato.

Outro trecho interligado pelo projeto do candidato do Solidariedade é o Parque do Bacanga ao Centro Histórico facilitando o convívio social entre os frequentadores

Um segundo percurso seria integrar do Parque Estadual do Bacanga, passando pelas margens do rio bacanga até o rio anil e o Centro Histórico; e um terceiro pretende integrar a Reserva do Itapiracó ao Araçagy, e, de lá, ate o trecho da litorânea que está em construção.

– É inadmissível que praças esportivas virem ilhas de isolamento social e restrinjam a população de praticas esportivas, lazer e convivência social mais abrangente, possibilitando que as pessoas tenham mais saúde e usufruam mais das belezas de nossa capital, interagindo entre com todas as camadas sociais – ponderou.

Para Carlos Madeira, a integração desses trechos para caminhadas, corridas ou passeios de bicicletas, além de ativar uma nova modalidade de transporte na ilha, pode dar novo atrativo turístico para a cidade, levando até esses locais pequenos negócios, gerando emprego e o principal, valorizando mais ainda as belezas da cidade e promovendo saúde aos ludovicenses.

O projeto fará parte do plano de governo a ser apresentado pelo candidato à Justiça Eleitoral…

2

Imagens do dia: a beleza que não aparece na TV…

Mesmo com programa sobre a festa do Reveillon em todo o Nordeste, São Luís não aparece nem em flash nas emissoras de TV, e as imagens são tão belas quanto as das outras partes do país

 

As imagens deste post são da avenida Litorânea, na virada do ano.

A festa é tão bonita quanto em qualquer lugar do país. Os fogos são os mesmos, as belezas naturais muito melhor que em muitas cidades.

Mas a mídia nacional ignora solenemente a virada do ano em São Luís. Uma das emissoras chegou a exibir um programa especial com o reveillon no Nordeste, mas não houve sequer um clip da capital maranhense.

De qualquer forma, este blog e várias pessoas mostra que São Luís tem o que mostrar o mundo.

Independentemente de passar ou não na mídia…

1

Eliziane participa de Passeio Ciclístico e reafirma compromisso com ciclistas de São Luís…

Eliziane passeou com os ciclistas pela orla...

Eliziane passeou com os ciclistas pela orla…

A candidata a prefeita de São Luís, Eliziane Gama (PPS) participou na tarde deste sábado (17) de Passeio Ciclístico e assinou Carta Compromisso com ciclistas de São Luís.

“O nosso governo será um governo sustentável. Vim aqui firmar um compromisso com os ciclistas. Todas as vias que vamos construir terão ciclovias. Vamos estimular a cidade a utilizar a bicicleta, por que é uma forma de qualidade de vida e de resolver o problema da mobilidade urbana”, garantiu Eliziane.

..E reafirmou compromissos com a classe

..E reafirmou compromissos com a classe

Ela reafirmou que no seu governo haverá ciclovias nas novas vias que serão construídas, e também se comprometeu a realizar programas de incentivo ao uso da bicicleta na capital maranhense.

0

Posto de salva-vidas é demolido na Litorânea…

Imóvel que servia ao Corpo de Bombeiros foi abandonado há três anos, e estava sendo soterrado pela areia da praia

 

Um trator começou a demolir o posto de salva vidas na manhã deste sábado

Um trator começou a demolir o posto de salva vidas na manhã deste sábado

Um trator iniciou na manhã deste sábado, 8, a demolição do antigo posto de salva-vidas na avenida Litorânea.

Abandonado há mais de três anos, o imóvel estava praticamente todo soterrado pela areai da praia do Calhau.

Este blog denunciou o abandono do posto em abril, no post “Abandonado, Salva Vidas do Caôlho é engolido pela areia…”.

Um trator começou a destruir o que sobrou do prédio, mas não havia qualquer identificação de que tratava-se de um trabalho oficial, já que não tinha placas nem trabalhadores identificados como sendo da prefeitura ou do governo.

Apenas funcionários de bares da orla acompanhavam a demolição…

4

Ainda o debate sobre a obra da Liutorânea…

Coelho: para ele, início da obra tem respaldo legal

Blog do John Cutrim

O procurador geral do município de São Luís, Francisco Coelho Filho, contestou declarações feitas pelo promotor Fernando Barreto ao jornal O Estado do Maranhão e garantiu que a obra de prolongamento da Avenida Litorânea, iniciada pela Prefeitura na última sexta-feira (11), tem respaldo legal e pode ser realizada.

– O promotor está confundindo os efeitos da suspensão, que são específicos, com os efeitos de deferimento de liminar em cautelar incidental, concedida em recurso especial. Ele está equivocado. Não há nenhuma ilegalidade no início das obras porque existe um recurso especial interposto, com deferimento de efeito suspensivo, o que dá legitimidade ao Município – explicou.

O Município incidentalmente ingressou com uma cautelar para que a presidência do Tribunal de Justiça do Maranhão conferisse esse efeito suspensivo ao recurso especial interposto pela municipilidade.

Em seguida, o desembargador Guerreiro Júnior, presidente do TJ, deferiu o efeito suspensivo sustando os efeitos da decisão que impedia o prolongamento da Litorânea. Continue lendo aqui…

10

Matador da Litorânea culpa as próprias vítimas por atropelamento…

Chega a ser criminoso o relato do atropelamento que resultou na morte de Solange Cruz, e seu sobrinho, Ubiraci Filho, feito à polícia pelo próprio autor, Rodrigo Araújo.

O atropelador Rodrigo: na sua visão, a culpa é das vítimas

Segundo apurou o blog de Gilberto Léda, o atropelador chega a indicar te sido o crime culpa das próprias vítimas –  este blog se nega a tratar o caso como acidente.

Em linhas gerais, segundo Léda, Rodrigo Araújo disse que estava a 80 quilômetros quando viu o parente das vítimas – o marido de Solange e o pai de Ubiraci – atravessando a rua.

Foram os dois, no entendimento do matador, os responsáveis pela perda de controle do Corolla e o atropelamento que resultou na morte violenta da mulher e do menino.

É como se as vítimas tivessem atropelado o carro, e não o contrário.

Cabe agora aos delegados responsáveis pelo caso levar ou não em conta este relato absurdo.

Para que o atropelador Rodrigo Araújo são seja o matador Demócrito Silva e Silva de amanhã…

10

Música maranhense faz a festa no carnaval de São Luís…

Beto Pereira comanda a festa do Cordão

O carnaval da música maranhense é sucesso de público nos bailes de São Luís.

Enquanto o interior se requebra com o pseudo-forró, praga que assola todos os municípios – e arrasta as piriguetis e pitboys desmiolados – a capital se diverte com o que há de melhor no carnaval.

O cantor Beto Pereira é uma destas pérolas.

Multidão agita nas ruas do centro Histórico e da Madre Deus

Sua levada de guitarra para sucessos como “Maguinha do Sá Viana”, de César Nascimento, e para suas próprias composições, encantou o público nos salões do “Cordão do Ponto Com”, sábado e domingo.

Em seguida, o Bicho Terra e seu som característico, autêntico carnaval de rua, marcado pelas marchinhas bem-humoradas e letras com duplo sentido sem ser vulgar. E ainda tem Alcione Nazaré para completar a festa.

Bandida comanda na Litorânea

Na Avenida Litorânea a festa é da Bandida, com sua jardineira movimentada pelas marhinhas e composições próprias – autêntico carnaval maranhense.

Também passa o GDAN, outro bloco autenticamente maranhense, marcado pelo som do reggae e a ginga dos “regueiros-guerreiros”. Tudo em nome da preservação da festa popular.

E o Bicho faz a festa em todo lugar...

E o circuito Deodoro/Madre Deus completa a festa popular, que valoriza a música maranhenses – onde são feitas as melhores marchinhas – e por sucessos carnavalescos de todos os tempos.

Assim se faz o carnaval e São Luís, um dos melhores do país…

Imagens: Rafael da Hora, Honório Moreira e Geraldo Furtado