0

Eliziane critica represália de Bolsonaro a diretor do INPE…

A senadora Eliziane Gama (Cidadania) criticou a decisão do presidente Jair Bolsonaro (PSL), de exonerar o diretor do INPE, Ricardo Galvão, após este alertá-lo pelo crescimento do desmatamento na Amazônia.

– Lamentável a decisão do governo de exonerar o diretor do INPE, Ricardo Galvão. Bolsonaro prefere demitir o subordinado a admitir que o desmatamento tem crescido assustadoramente na Amazônia. Os números não mentem – disparou a senadora.

Para Eliziane, a postura do presidente não condiz com a de um governante preocupado com a imagem do país…

1

Senado aprova projeto de Eliziane Gama que criminaliza Caixa 2…

Texto aprovado em caráter terminativo na Comissão de Constituição e Justiça não precisará mais ser votado em plenário, seguindo direto para análise da Câmara dos Deputados, sem necessidade de ser votado em plenário

 

 

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal aprovou em caráter terminativo projeto da senadora Eliziane Gama (Cidadania), que torna crime o uso de Caixa 2 nas campanhas eleitorais.

 – A CCJ do Senado Federal acaba de aprovar o projeto que criminaliza o Caixa 2. Serão punidos com mais rigor quem utilizar dinheiro de corrupção, contrabando ou narcotráfico para financiamento eleitoral. É importante que o Pacote Anticrime avance. É o que a sociedade quer – disse Eliziane.

Para a senadora maranhense, o uso de dinheiro ilegal torna desigual as campanhas, porque favorece um dos lados na disputa.

– O Caixa 2 tira a igualdade das campanhas e a conseguinte eleição a partir do princípio pecuniário. Não ao caixa 2 – completou a parlamentar.

O projeto de autoria da senadora prevê punições mais rigorosas para quem utilizar dinheiro de corrupção, contrabando ou narcotráfico para financiamento eleitoral

Com a decisão em caráter terminativo pela CCJ, o texto vai direto para análise da Câmara Federal…

0

TRE enterra ação do PV contra Eliziane Gama…

Tribunal julgou extemporânea, por unanimidade, a tentativa de cassação do mandato da senadora; processo já tinha sido rejeitado também, de forma monocrática, pela juíza Camilla Ewerton Ramos

 

BRUNO DUAILIBE CONSIDEROU EXTEMPORÂNEA A AÇÃO DO PV, e foi seguido por unanimidade pelos demais membros da Corte Eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral decidiu arquivar, na tarde desta terça-feira, 2, uma Ação de Impugnação de Mandato Eletivo interposta pelo PV contra a senadora Eliziane Gama (Cidadania).

O relator, juiz eleitoral Bruno Duailibe, considerou a ação extemporânea e foi seguido pelos demais membros da Corte, incluindo o Ministério Público, que já havia dado parecer contrário ao seguimento da ação.

No entender do relator, a ação foi protocolada 13 dias após o encerramento do prazo legal para isso.

A mesma ação já havia sido derrubada, de forma monocrática, pela juíza eleitoral Camilla Ewerton Ramos, que considerou a entrada fora do prazo legal.

A decisão unânime do TRE praticamente encerra as pretensões do PV contra a senadora…

0

Eliziane Gama exalta importância da música gospel no Brasil

Senadora enfatizou que a cultura criativa vem crescendo de maneira expressiva no Brasil e já movimenta cifras anuais superiores a 150 bilhões de reais

Senadora não esquece do público religioso e busca recursos para a realização de festivais de música nos estados

A senadora Eliziane Gama (Cidadania/MA) exaltou na tribuna do Senado Federal a importância da cultura gospel para o país e anunciou que vem trabalhando junto às empresas e governo para alocar recursos de incentivos para a realização de festivais de música nos estados e em nível nacional.
Eliziane enfatizou que a cultura criativa vem crescendo de maneira expressiva no Brasil e já movimenta cifras anuais superiores a 150 bilhões de reais, aproximadamente 2,4% do PIB. E nesse contexto, a música gospel teria presença destacada, alicerçada principalmente em um público evangélico que gira em torno de 60 milhões de brasileiros.
A senadora reuniu-se na manhã desta última quinta-feira com o secretário-adjunto da Secretaria Nacional de Cultura, João Paulo Soares Martins, para discutir a adoção de parcerias entre governo e empresas privadas voltadas à realização de eventos de música gospel, com foco em artistas que estão iniciando suas carreiras e que não encontraram ainda canais mais amplos de manifestação.
Em seu discurso a senadora informou também que vai protocolar requerimento convocando audiência pública no Senado Federal para fazer um grande debate nacional sobre o tema “música gospel e incentivos culturais”. Com o evento, que contará com a presença de representantes do governo, empresas e artistas, a senadora acredita que será possível estabelecer uma linha geral de trabalho e de parceria para incentivar ainda mais o gospel brasileiro.
– Quando falamos em movimento gospel, obviamente estamos pensando em todas as manifestações musicais cristãs e de outras confissões religiosas presentes na cultura brasileira. E também dialogando com outras manifestações artísticas para a além da música propriamente dita – afirmou a senadora.

4

Os senadores maranhenses, as armas e a sensatez…

Senado derrubou vontade bolsonarista de armar o Brasil por 47 votos a 28 impondo flagorosa derrota ao presidente armamentista; apensas o tucano Roberto Rocha votou a favor do Decreto que flexibiliza o porte de armas no Brasil

 

ELIZIANE GAMA DISCURSA CONTRA LIBERAÇÃO DO PORTE DE ARMAS; ao seu lado, Roberto Rocha seguiu orientação do governo Bolsonaro

Apenas um dos três senadores que compõem a bancada do Maranhão no Senado votou a favor do decreto do presidente Jair Bolsonaro (PSL) que flexibiliza o porte de armas no Brasil.

O tucano Roberto Rocha – hoje um dos mais próximos do presidente entre os maranhenses, com várias indicações ao governo – apoiou a proposta bolsonarista de armar cada vez mais o cidadão.

os doutros dois maranhenses – Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (Cidadania) – decidiram ajudar a derrubar o decreto bolsonarista.

– A sensatez venceu e o decreto das armas foi derrotado pelo Senado. O Congresso deu o seu recado ao presidente. A função do governo é conter a violência, apaziguar o país e não estimular o ódio. A Segurança pública é dever do estado – definiu Eliziane Gama, após a votação.

Ela é autora do projeto que susta o decreto de Bolsonaro.

O projeto segue agora para apreciação da Câmara Federal…

2

Eliziane Gama no debate sobre a Prefeitura de São Luís…

Senadora confirma análises do blog Marco Aurélio D’Eça – sobre sua posição como melhor opção do grupo do governador Flávio Dino – admite discutir o assunto e reforça sua atuação no Senado

 

ELIZIANE SEMPRE FOI OPÇÃO DO GOVERNADOR FLÁVIO DINO; e mesmo quando nem mesmo os aliados acreditavam nela, ela sempre foi opção deste blog

O blog Marco Aurélio D’Eça sempre apontou a senadora Eliziane Gama (Cidadania) com uma política diferenciada no estado, em todos os aspectos que se possa analisar em um político.

E pela relação histórica que mantém com a parlamentar, este blog consegue apontar cenários em que ela – mesmo em momentos desacreditados – aparece como opção de ponta.

Foi assim na eleição para o Senado, em que ela foi apontada nestas páginas como favorita – mesmo quando ninguém acreditada sequer em sua candidatura –  e acabou ganhando uma das vagas. (Relembre aqui, aqui, aqui e aqui)

Agora, neste novo debate sobre as eleições municipais, o blog Marco Aurélio D’Eça tem insistido desde dezembro no nome da senadora como uma das opções de peso no grupo do governador Flávio Dino (PCdoB) para enfrentar o deputado federal Eduardo Braide (PMN).

Foi assim no post “Eliziane Gama no jogo da sucessão…”, publicado ainda em 10 de dezembro de 2018, e no post “As eleições 2020 e o fator Eliziane Gama…”, publicado em 6 de março de 2019.

O último post sobre o tema Eliziane e prefeitura foi publicado em 21 de maio, sob o título “Na prefeitura todos querem Eliziane contra Braide em São Luís…”

Agora, em entrevista ao jornal O EstadoMaranhão, a própria Eliziane demonstrou que pode mesmo disputar a prefeitura, embora foque seu momento no Senado.

– Minha disposição é continuar no Senado na defesa do meu país e do meu Estado. Estou a serviço dessa missão, mas integro um grupo, por isso vamos decidir juntos – disse ela.

Como se vê, este blog tem o poder de sempre apontar para o futuro porque sabe ler o passado e entender o presente.

Por isso sempre antecipa fatos da política…

0

Eliziane participa de ato público do Cidadania 23 em Barreirinhas…

Durante o evento, ocorreu a posse da nova coordenação partidária da Região dos Lençóis e a filiação de novos membros

 

A líder do Cidadania 23 no Senado Federal, Eliziane Gama participou, na noite deste sábado, dia 25 de maio, de Ato Público realizado pelo Diretório Estadual do Cidadania na cidade de Barreirinhas e que contou com a presença de membros e lideranças partidárias da Região dos Lençóis Maranhenses e Região do Munin.
 
A abertura do evento foi com a apresentação musical das crianças do Instituto Sopro Mágico da cidade de Barreirinhas e contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Barreirinhas, Carlos Dutra; o vereador do Cidadania Ribinha da Palmeira; o secretário de organização partidária, Eliel Gama; o presidente do Cidadania da cidade de Humberto de Campos, Israel Ribeiro; o presidente do Cidadania em Paulino Neves, Raimundinho e da ex-secretaria de Saúde de Barrerinhas, Socorro Itapary

Durante o ato, o professor Ronildo Calisto foi empossado como coordenador regional do Cidadania na região dos Lençóis Maranhenses e também foi realizada novas filiações ao partido.

1

Eliziane Gama quer barrar decreto de Bolsonaro sobre porte de armas…

Senadora apresentou Projeto de Decreto para tornar sem efeito a proposta do governo, que tenta garantir o suo de armas por categorias de pessoas não contempladas pelo Estatuto do desarmamento

 

ELIZIANE GAMA MOSTRA INTEGRALMENTE CONTRÁRIA À LIBERAÇÃO DO PORTE DE ARMA proposto pelo governo Bolsonaro

A senadora maranhense Eliziane Gama (Cidadania) vai tentar derrubar no Senado o Decreto do presidente Jair Bolsonaro (PSL) que ampliou o porte de armas no Brasil.

Para a senadora maranhense, o projeto bolsonarista é inconstitucional porque colide frontalmente com o Estatuto do Desarmamento.

– Na prática, o governo pretende contornar as limitações impostas e ampliar o porte de armas para categorias não contempladas pelo Estatuto do Desarmamento – alertou a senadora.

Eliziane apresentou ao Senado projeto de Decreto Legislativo que derruba o projeto enviado por Jair Bolsonaro.

A proposta da senadora maranhense será analisada por ocasião da apreciação do projeto do governo…

0

Eliziane quer apoio para redução do déficit habitacional no Maranhão…

Senadora maranhense reuniu-se com o ministro do Desenvolvimento Regional para inclusão do estado no Programa Habitacional do Governo Federal

 

ELIZIANE GAMA COM O MINISTRO DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL em busca de apoio para o Maranhão

A senadora Eliziane Gama (Cidadania) pediu ao ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, nesta quinta-feira, 16, prioridade para o Maranhão no Programa de Habitação do Governo Federal.

A parlamentar entende que essa priorização garantirá a redução do déficit habitacional no estado.

– Estou trabalhando para que o Maranhão tenha prioridade no programa de habitação do Governo Federal – explicou a senadora.

A senadora mostrou-se otimista com a receptividade do ministro…

0

Eliziane sai frustrada de reunião com ministro da Educação…

Senadora maranhense foi buscar explicações sobre o corte de R$ 7 bilhões na Educação brasileira e descobriu que houve mero remanejamento de recursos para outras pastas, numa inversão de prioridades

 

ELIZIANE GAMA MOSTROU-SE DECEPCIONADA COM A POSTURA DO MINISTRO DA EDUCAÇÃO, ao cobrar explicações obre cortes de R$ 7 bilhões

Recebida pelo ministro da Educação Abraham Weintraub, nesta terça-feira, 7,para discutir os motivos que levaram ao corte de R$ 7 bilhões no Ministério da Educação, a senadora Eliziane Gama (Cidadania) deixou a audiência ainda mais frustrada.

Ela descobriu que houve apenas uma inversão de prioridades do governo, remanejando recursos da educação para outras pastas de interesse do próprio governo.

– O que ocorreu, na verdade, foi o remanejando desta pasta, que deveria ser prioridade, para outras, e nada mais. Não há como justificar uma relação com a Previdência. Mesmo que sua reforma seja aprovada, o efeito será para o próximo ano. Já o corte na educação tem efeito ainda este ano – lamentou Eliziane.

A parlamentar classificou como “simplesmente frustrante a  audiência com Weintraub.

– Além de não dar explicações sobre o corte de R$7 bilhões para ensino infantil e superior, o ministro não respondeu sobre a política de educação para comunidades indígenas e quilombolas. Tirar recurso da educação é criminoso – destacou em seu perfil em uma rede social.