3

As voltas e “revoltas” da direção do Aldenora Belo…

Tem se tornado usual o comando da Fundação Antonio Jorge Dino usar setores da imprensa, e mesmo políticos, para pressionar os governos e, depois, ir a público negar o que foi noticiado

 

Editorial

Não é de hoje que a direção da Fundação Antonio Jorge Dino, mantenedora do Hospital Aldenora Bello, tem usado a tática denunciada nesta segunda-feira, 7, pelo vereador  Sá Marques.

Os diretores da instituição fazem vazar na imprensa, ou mesmo entre lideranças políticas , situações de dificuldades no hospital. Ocorre que, quando jornalistas e políticos cobram dos governos, a própria instituição vem a público para desmentir, após conseguir acenos.

O blog Marco Aurélio D’Eça também já se deixou levar por essa situação, não uma ou duas, mas várias vezes. (Reveja aqui, aqui e aqui)

Na semana passada, ocorreu de novo.

É uma coisa feia, que acaba por manchar o trabalho do Aldenora Bello, que deve ser respeitado pela delicadeza que é tratar de situação tão dramática quanto a ocorrência de um câncer.

– Fiquei com ‘cara de tacho’, pois fui desmentido pelo próprio diretor do hospital, que tinha me falado pela manhã que o serviço ia parar. A população está morrendo, por que não tem leito, não tem UTI. A população precisa de saúde – lamentou Sá Marques, após cobrar das autoridades resolução da crise no hospital, depois desmentida pela própria fundação. (Entenda aqui)

O blog se solidarizar com o vereador Sá Marques e com todos os que acabaram usados mais uma vez em um aspecto da vida social que deveria ser nobre.

E pede respeito dos diretores da Fundação Antonio Jorge Dino.

Por que quem quer respeito dá respeito…

Leia também:

Mamógrafo destinado por Braide entra em funcionamento no Aldenora Belo…

Edilázio destina  R$ 200 mil para o Hospital do Câncer em São Luís…

Weverton destina R$ 500 mil em emenda para o Aldenora Belo…

Neto Evangelista destina emenda para Aldenora Belo…

Diretores do Aldenora Belo com ministro da Saúde…

1

Mamógrafo destinado por Braide vai entrar em funcionamento no Aldenora Bello

O deputado federal Eduardo Braide esteve nesta quinta-feira (18), no Hospital Aldenora Bello para acompanhar os últimos testes do mamógrafo digital, adquirido por meio de emenda parlamentar de sua autoria no valor de R$ 700 mil, que já está instalado na unidade.

“Hoje é um dia importante por ver um mamógrafo de última geração, oferecendo o que há de mais moderno para o atendimento das mulheres. Esse equipamento vai permitir, já nos próximos dias, o diagnóstico mais rápido e preciso, o que é indispensável na luta contra o câncer de mama”, destacou o parlamentar.

Eduardo Braide acompanhou os testes do mamógrafo com sua esposa, a médica Graziela Braide, o vice-presidente da Fundação Antonio Jorge Dino, Antonio Dino, e Ruy Freitas, diretor financeiro do Aldenora Bello.

“A estimativa do Aldenora Bello é que mais de 600 mamografias sejam realizadas por mês com o novo mamógrafo. Exames gratuitos pelo SUS e com a qualidade que as pacientes necessitam para o acompanhamento e diagnóstico cada vez mais cedo”, informou o deputado.

Ao final dos testes do mamógrafo, o parlamentar fez questão de destacar a importância da prevenção.

“O Maranhão conta hoje com esse moderno mamógrafo aqui do Aldenora Bello. O câncer de mama é ainda um dos que mais acomete as mulheres. Por isso, é necessário que as nossas mulheres se cuidem cada vez mais e tenham a consciência da importância desse exame. A nossa luta contra o câncer vai continuar cada vez mais forte!”, concluiu Braide.

1

Braide destina R$ 500 mil em emendas para o Aldenora Bello…

Braide: luta pela causa do tratamento de câncer

Braide: luta pela causa do tratamento de câncer

O deputado Eduardo Briade (PMN) encaminhou emenda de R$ 500 mil para o Hospital Aldenora Bello.

O dinheiro, a ser liberado pelo Governo do Estado, será usado na compra de de uma Mesa para Estereotaxia por Punção.

– A biopsia da mama realizada por este aparelho é minimamente invasiva, menos estressante e altamente precisa – diz o deputado, que aproveitou o Dia Nacional de Combate ao Câncer, semana passada, para anunciar o projeto.

O diagnóstico pela Mesa de Estereotaxia por Punção pode detectar tumores bem no início, não detectados por outros exames.

A emenda de Eduardo Braide será analisada pelo Governo do Estado…