0

Imagem do dia: Brandão com João Haroldo, de Colinas…

Governador esteve neste sábado, 6, com o vice-prefeito de Colinas, que pretende disputar as eleições de outubro, mas, às vésperas das convenções, se vê às voltas com um novo nome na família Brandão que pode atrapalhar, mais uma vez, o acordo firmado desde 2014

 

O governador com João Haroldo: busca de união entre os Brandão e os Barroso em Colinas

O governador  Carlos Brandão (PSB) teve neste sábado, 5, hoje em São Domingos do Maranhão encontro com o vice-prefeito de Colinas, João Haroldo Barroso, que pretende concorrer às eleições municipais e outubro.

Haroldo é irmão deputado federal Márcio Jerry (PCdoB).

Vice-prefeito desde as eleições de 2016, – fruto de acordo de 2014, que resultou na indicação de Carlos Brandão para vice de Flávio Dino – Barroso deveria ser candidato a prefeito já em 2020, mas os Brnadão decidiu manter a candidatura à reeleição da prefeita Valmira Miranda.

Adiado, o acordo deveria ser cumprido agora em 2024, como este blog Marco Aurélio d’Eça contou no post “Colinas pode ter disputa entre as famílias de Brandão e de Márcio Jerry”.

Mas eis que surgiu o presidente da Câmara Municipal Renato, que era Santos, mas decidiu até mudar o sobrenome para Brandão, em busca de apoio da família do governador.

Mesmo assim, Jerry e família ainda esperam o apoio dos Brandão ao irmão.

O gesto do governador sinalizaria que finalmente será cumprido o acordo?!?

0

Márcio Jerry garante: “a energia da federação é pra eleger Duarte Júnior…”

Presidente do PCdoB e coordenador da Federação com PT e PV, deputado federal se considera voto vencido na base do governo Brandão no debate sobre múltiplas candidaturas, mas se diz convencido pelos detalhes da pesquisa Quanti/Quali que foi analisada no Palácio dos Leões, certo de que há campo para vencer o prefeito Eduardo Braide

 

Voto vencido na base, Márcio Jerry resolveu abraçar a candidatura de Duarte Júnior e diz que gastará energia em sua campanha

O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB) afirmou a este blog Marco Aurélio d’Eça nesta terça-feira, 26, que já abandonou a tese das candidaturas múltiplas na base do governo Carlos Brandão (PSB) para garantir um segundo turno com o prefeito Eduardo Braide (PSD); para Márcio, a energia da federação “Brasil-Esperança” – que reúne PCdoB, PT e PV – será gasta para eleger o candidato do PSB, Duarte Júnior.

– Fui voto vencido; a energia da federação agora será gasta para eleger Duarte Júnior. Este é o nosso foco – afirmou Jerry.

O deputado federal, que preside a federação com PT e PV, se disse otimista com a análise da pesquisa Quanti/Quali apresentada nesta segunda-feira, 25, no Palácio dos Leões pelo governador Carlos Brandão (PSB); segundo ele, os dados mostram amplas chances de vitória de Duarte.

– A quali mostra que o Duarte Júnior tem amplas possibilidades de vitória; e também mostra que o Braide não é imbatível, está longe disso; vamos dedicar nossa energia à campanha. Já abracei Duarte Jr. como nosso candidato – a firmou o deputado.

Com relação à ideia de várias candidaturas na base, Márcio Jerry confirmou que havia a discussão sobre isso; mas ele entende que a presença do deputado estadual Wellington do Curso (Novo) e do ex-vereador Fábio Câmara (PDT) já é uma garantia de segundo turno.

Ele não quis comentar sobre a posição do União Brasil, de manter a candidatura do deputado Neto Evangelista…

0

A frase do dia é… da senadora Ana Paula Lobato…

Em uma declaração que a maior parte da imprensa alinhada ao Palácio dos Leões entendeu como um recado direto ao governador Carlos Brandão, a parlamentar que substituiu o agora ministro do STF Flávio Dino deu mais uma contribuição às especulações que apontam para uma insurgência de ex-dinistas contra o atual comando do estado

 

Ana Paula mandou recado ao governador Carlos Brandão na semana em que os ânimos se acirraram entre dinistas e brandonistas

A declaração é desta quinta-feira, 21, é verdade, mas a repercussão tem ocorrido toda nesta sexta-feira, 22.

Trata-se do recado direto da senadora Ana Paula Lobato (PSB) durante ato de filiação do ex-deputado estadual Marco Aurélio ao PCdoB de Imperatriz; do nada, a senadora que assumiu o mandato do agora ministro do Supremo Tribunal Federal Flávio Dino, saiu-se com esta:

– Não podemos e não vamos permitir que ninguém destrua o que Flávio Dino construiu no Maranhão”.

A semana foi pródiga em geração de fatos relacionados à contenda conceitual entre os deputados ligados ao dinismo na Assembleia Legislativa e o governo Carlos Brandão (PSB):

  • na terça-feira, 19, o ex-presidente da Casa Othelino Neto (PCdoB) – marido de Ana Paula – foi ao Bom Dia Mirante para dizer que ainda é “da base do governo Brandão”;
  • já na quarta-feira, 20, os deputados Rodrigo Lago e Júlio Mendonça (ambos do PCdoB) partiram para cima da deputada evangélico-bolsonarista Mical Damasceno (PSD).

Ela respondeu no mesmo tom, chamando-os de Jabuti, na declaração que inaugurou a nova coluna deste blog Marco Aurélio d’Eça, “A frase do dia é…”.

No mesmo evento em que Ana Paula solta mais esta pérola, que muitos viram como recado, o presidente do PCdoB, Márcio Jerry – cuja mulher é secretária de Cidades – deu entrevista em que se pôs como aliado do governo, citando o nome de Brandão pelo menos 20 vezes em três minutos.

Sinal de que também há os que contemporizam dentro do grupo ex-dinista.

Afinal, que tem, tem medo…

0

Marco Aurélio reforça campo lulista em Imperatriz, diz Márcio Jerry…

Presidente regional do PCdoB está em Imperatriz para filiação do ex-deputado que vai disputar a prefeitura local como único representante da base do presidente Lula entre os pré-candidatos a prefeito

 

Após transferir-se para o PSB em 2022, quando perdeu a reeleição para a Assembleia, Marco Aurélio retorna ao PCdoB para ser candidato a prefeito de Imperatriz

O ex-deputado estadual Marco Aurélio vai se filiar nesta quinta-feira, 21, ao PCdoB, partido que ele representou na Assembleia Legislativa entre os anos de 2015 e 2023.

Do ato, participam o presidente regional do PCdoB, deputado federal Márcio Jerry, o ex-presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto (PCdoB) e a senadora Ana Paula Lobato (PSB).

– A volta de marco Aurélio ao PCdoB reforça o campo lulista em Imperatriz, coisa que nenhuma das candidaturas já postas tem possibilidade de fazer – disse Márcio Jerry ao blog Marco Aurélio d’Eça.

Ele se refere, sobretudo, ás candidaturas dos deputados federais Josivaldo JP (PSD) e Mariana Carvalho (Republicanos) – ambos declaradamente bolsonaristas – e à do deputado estadual Rildo Amaral, que, embora filiado ao PP, hoje na base lulista, não tem identidade com a esquerda orgânica em Imperatriz.

A candidatura de Marco Aurélio deve reunir todo o campo de centro-esquerda no município, da federação PCdoB, PT, PV, ao PDT, passando por setores do PSB e do PSOL…

0

Colinas pode ter disputa entre famílias de Brandão e de Márcio Jerry

Apesar de um acordo de armistício firmado entre dos dois clãs políticos desde a primeira eleição do ex-governador Flávio Dino, em 2014, aliança pode ruir com a decisão do presidente da Câmara Municipal Renato Santos, aliado da família do governador, de ir para a disputa contra o atual vice-prefeito João Haroldo, irmão do deputado federal comunista

 

Valmira Miranda e João Haroldo em foto de 2016, com Flávio Dino, Brandão e Márcio Jerry, após vitória nas urnas de Colinas

Um armistício que já dura 10 anos entre duas das principais famílias adversárias políticas do interior maranhense – os Brandão e os Saraiva Barroso, em Colinas – corre o risco de ruir nestas eleições municipais, com a disputa entre o atual vice-prefeito, João Haroldo Barroso, e o presidente da Câmara Municipal, Renato Santos.

João Haroldo é irmão do deputado federal Márcio Jerry (PCdoB), líder dos Barroso no Maranhão; Renato é aliado do governador Carlos Brandão (PSB), principal nome da família.

Os Brandão e os Barroso – cuja origem familiar se deu exatamente na mesma rua de Colinas – sempre foram adversários.

O armistício começou em 2014, quando, numa articulação política, o PSDB, partido de Brandão, à época, tomou do PDT a vaga de vice-governador na chapa de Flávio Dino (então no PCdoB), o que forçou a necessidade de uma aliança entre as duas famílias.

Juntas, as famílias venceram as eleições de 2016, tendo a prefeita Valmira Miranda, do grupo Brandão, liderando a chapa, com João Haroldo, dos Barroso, na vice.

Renato Santos decidiu lançar sua candidatura a prefeito ainda em 2023, ameaçando u armistício entre os Brandão e os Barroso em Colinas

Segundo apurou este blog Marco Aurélio d’Eça, o acordo garantiria uma alternância no poder em 2020, com Valmira apoiando João Haroldo, o que não ocorreu, diante de alegadas circunstâncias políticas de 2022; naquele ano, Brandão assumiu o comando do estado e tudo caminhava para que a prefeita apoiasse o seu vice nestas eleições de 2024.

Mas eis que surge a candidatura do presidente da Câmara, Renato Santos. (Saiba mais aqui)

Embora não haja ainda movimentos de ruptura de lado a lado, o que se vê em Colinas é que nenhum dos grupos abre mão dos seus candidatos e devem esticar a corda, pelo menos, até as convenções de julho e agosto.

São, portanto, mais cinco meses de relativa paz entre os clãs…

0

Márcio Jerry quer exigência de diploma para profissão de jornalista…

Deputado federal que tem formação universitária em Jornalismo, ex-professor da Universidade Federal do Maranhão, tem atuado para movimentar a Proposta de Emenda Constitucional que devolve a obrigatoriedade do diploma para o exercício profissional, derrubada em 2007, por decisão liminar do ministro Gilmar Mendes, nunca votada em plenário pelo Supremo Tribunal Federal

 

Jornalista por formação, Márcio Jerry apoia a PEC do Diploma na Câmara dos Deputados

O deputado federal maranhense Márcio Jerry (PCdoB) voltou a defender neste fim de semana, em suas redes sociais, a exigência do diploma universitário para o exercício da profissão de jornalista.

– Sou jornalista de formação e acredito na importância de se estabelecer critérios para o exercício da profissão. Vamos levar o tema para o colégio de líderes a fim de que a PEC do Diploma volte a ser debatida na Câmara dos Deputados – anunciou o parlamentar.

Márcio Jerry é jornalista diplomado e ex-professor do Curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Maranhão (Ufma).

A exigência do diploma de Jornalismo para o exercício da profissão foi derrubada em 2007, por decisão monocrática do ministro Gilmar Mendes, nunca apreciada em plenário do Supremo Tribunal Federal; a decisão de Gilmar garantiu a milhares de pessoas exercer o jornalismo mesmo sem formação, mas as empresas do setor continuam contratando apenas os profissionais diplomados.

Na semana passada, Márcio Jerry recebeu representantes da Federação Nacional dos Jornalistas, que busca fazer andar no Congresso a PEC 206/2012, que restabelece a obrigatoriedade do diploma de nível superior para o exercício profissional do jornalismo no Brasil.

– A Fenaj tem buscado ampliar o diálogo com o Congresso Nacional – disse Jerry.

0

“O recado forte é o do atraso”, diz Márcio Jerry, sobre ato pró-Bolsonaro…

Deputado federal manifestou-se na tribuna da Câmara dos Deputados e disse que a parada do último domingo, 25, na Avenida Paulista, mostrou apenas que o Brasil precisa ficar atento por que “os golpistas continuam vivos” e as forças democráticas precisam sempre estar prontas para enfrentá-los

 

Márcio Jerry contestou membros da direita que apontaram recado democrático do ato pró-Bolsonaro em São Paulo: “o único recado é o do atraso”

O coordenador da bancada maranhense no Congresso Nacional, deputado federal Márcio Jerry (PCdoB), fez discurso na tribuna da Assembleia Legislativa do Maranhão, nesta segunda-feira, 26, para alertar o Brasil dos riscos que o país ainda corre com a presença de golpistas.

Para ele, o único recado do ato pró-Bolsonaro, no último domingo, 25, na Avenida Paulista, é o do atraso.

– A manifestação de ontem [domingo] foi um forte recado de que as forças do atraso, os golpistas, continuam vivos e precisamos enfrentá-los – declarou Jerry, durante sessão de homenagem ao PT.

O ato pró-Bolsonaro reuniu centenas de milhares de pessoas em São Paulo, numa demonstração de força política do ex-presidente e dos grupos que gravitam em torno de seus projetos.

0

Márcio Jerry alerta para gravidade da participação direta de Bolsonaro em tentativa de golpe

Polícia Federal revelou que o ex-presidente atuou pessoalmente para influenciar as ações que culminaram na invasão da Praça dos Três Poderes, no dia 8 de janeiro, e resultaram em vandalismo na sede do STF, no Congresso Nacional e no Palácio do Planalto

 

Márcio Jerry pediu punição rigorosa a Bolsonaro pelo crime de tentativa de golpe de Estado; ex-presidente foi alvo da Polícia Federal

O coordenador da bancada maranhense no Congresso Nacional, deputado federal Márcio Jerry (PCdoB), pediu a punição do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), por participação direta nos atos que culminaram na tentativa de golpe de estado em 8 de janeiro de 2023.

Bolsonaro foi alvo da Polícia Federal nesta quinta-feira, 8, por envolvimento pessoal na articulação dos atos que culminaram com a invasão e vandalismo na sede dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciario.

– Tudo bem orientado, tudo planejado, tudo estimulado. Acampamentos, ataques na diplomação de Lula, plano sinistro para explosões no aeroporto de Brasília, ataques no 8 de janeiro. Essa gente toda tem que pagar pelo que fez, inclusive o chefe, mentor e organizador Bolsonaro – publicou  Jerry, em su perfil na rede X (antigo twitter).

Na operação desta quinta-feira, 8, a Polícia Federal determinou a apreensão do passaporte de Bolsonaro, que tem 24 horas para entregá-lo á sede da instituição, em Brasília; ele também está proibido de manter contato com os demais envolvidos no caso, muitos deles presos na operação de hoje.

Em outra publicação, Márcio Jerry também enfatizou a gravidade dos fatos revelados e defendeu a democracia.

– As revelações da PF e da imprensa mostram a gravidade do que ocorreu e o quanto é importante reafirmarmos todo apoio à nossa democracia. Após uma sucessão de crimes contra a Pátria, Bolsonaro e sua turma tentaram o golpe para perpetuar crimes e impunidade. Absurdos inaceitáveis, total repúdio – frisou o parlamentar maranhense.

0

Aliança com Aluisio Mendes afasta Paula Azevedo da base de Carlos Brandão…

Mesmo advertida por aliados do PCdoB e do PT, prefeita comunista de Paço do Lumiar decidiu manter no PRB seu candidato a prefeito, Jorge Maru, além de receber apoio da também deputada federal Bolsonarista Mariana Martins, o que afastou o vice-governador Felipe Camarão e desanimou até o presidente de sua legenda, deputado federal Márcio Jerry

 

Paula Azevedo fechou aliança com Aluisio Mendes e manteve Maru no PRB, mesmo com apelos do PCdoB e do PT

 

A prefeita de Paço do Lumiar Paula Azevedo (PCdoB) foi advertida inúmeras vezes por lideranças do PCdoB e do PT pela proximidade que mantém  com adversários do governador Carlos Brandão (PSB) e de bolsonaristas, como os deputados federais Aluisio Mendes (PSC) e Mariana machado (PRB); a aliança da prefeita praticamente a tirou da base do governo Brandão.

Além de fechar apoio de Aluisio Mendes e Mariana machado, Paula Azevedo manteve seu candidato, Jorge Maru, no PRB, partido de Aluísio – e da base do ex-presidente Jair Bolsonaro – apesar da insistência de petistas e comunistas em levá-lo para o PT.

A insatisfação com a postura de Paula Azevedo foi revelada a este blog Marco Aurélio d’Eça ainda na sexta-feira, 2, pelo presidente regional do PCdoB, deputado federal Márcio Jerry, um dos mais antigos aliados da prefeita; Jerry mostrou-se incomodado com os rumos da campanha em Paço do Lumiar.

– A gente vinha construindo uma unidade importante em Paço do Lumiar dentro da base do Palácio dos Leões, mesmo reconhecendo a dificuldade de lado a lado. A entrada dos deputados Aluisio e Mariana no processo acabou criando mais dificuldade, mas houve, antes disso, prob lemas nossos na condução de uma equação complexa – admitiu Jerry, durante a homenagem da Assembleia Legislativa a Flávio Dino, na sexta-feira, 2.

Durante a semana, o vice-governador  Felipe Camarão (PT) também se manifestou criticamente em relação ao posicionamento da prefeita de Paço do Lumiar.

– [o partido de Aluisio Mendes] é um partido manifestamente da base bolsonarista. Uma deputada de Imperatriz [Mariana Carvalho] que fala mal todo dia do governador Carlos Brandão, de Flávio Dino e do nosso partido, do meu e do dela; do PT e do PCdoB – reclamou Camarão.

Já em dificuldades de articulação em Paço do Lumiar, com sérias restrições em sua campanha por Jorge Maru, Paula Azevedo, além de diminuir as chances do seu candidato, também torna muito difícil sua própria gestão nesta reta final de mandato, inclusive já com ameaça de cassação.

Mas esta é uma outra história…

Texto alterado às 16h de 8/2/2024 para correção de informações

0

Márcio Jerry vai comandar federação PT/PCdoB/PV nas eleições….

Ascensão do deputado fortalece a candidatura do ex-prefeito de São Luís Edivaldo Júnior, que ele considera fundamental para evitar uma disparada do prefeito Eduardo Braide já no primeiro tuno; mas enfrentará resistências do PT, que quer indicar o vice do deputado Duarte Júnior

 

Márcio Jerry será o presidente da Federação Brasil Esperança durante todo o processo eleitoral de 2024

O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB) deve assumir ainda esta semana a presidência da Federação Brasil da Esperança, formada pelo seu partido e mais o PT e o PV; Márcio será o presidente desta aliança durante o período eleitoral de 2024.

Na semana passada, o comando nacional desta composição partidária formada em 2022 – e com validade até 2026 – passou a ser da deputada federal Luciana Santos (PCdoB-PE), que substituiu a deputada petista Gleisi Hoffmann (PT-PR). (Entenda aqui)

– Do mesmo modo como ocorreu a mudança na direção nacional da federação, ocorrerá também nas seções estaduais. Vim a Brasília hoje; amanhã ou depois reunirei com PV e PT para formalizar a presidência sob meu comando – disse Jerry ao blog Marco Aurélio d’Eça.

A  chegada de Márcio Jerry ao comando da FEBrasil seria uma forma de consolidar a candidatura do ex-prefeito Edivaldo Holanda à sucessão do prefeito Eduardo Braide; o deputado comunista defende a candidatura de Edivaldo como fundamental para evitar uma vitória de Braide em primeiro turno.

– Respeito a posição do nosso grupo quanto à formação de uma ampla aliança em torno de um candidato, mas entendo que é preciso evitar que a eleição se decida em turno único – disse ele, ainda na semana passada, durante a solenidade de homenagem ao futuro ministro do STF Flávio Dino, na Assembleia Legislativa.

Para garantir a candidatura de Edivaldo pela federação PT/PCdoB/PV, Márcio Jerry terá que enfrentar as articulações do grupo do próprio Dino, que pretende filiar ao PT o ex-deputado Bira do Pindaré, para fazê-lo companheiro de chapa do candidato do PSB, Duarte Júnior,

Mas esta é uma outra história…