1

Com baixa rejeição e alta intenção de votos, Weverton se consolida para 2022

Senador pedetista é o candidato mais bem posicionado na base do governo Flávio Dino, ficando atrás apenas em um cenário com Roseana Sarney, que já descartou candidatura majoritária e declarou a intenção de concorrer a uma vaga de deputada federal

 

Weverton Rocha é o principal nome da pesquisa Exata, uma vez que a ex-governadora Roseana não é candidata ao governo em 2022

Por todos os aspectos que se analise a pesquisa Exata, divulgada nesta terça-feira, 22, pela rádio Difusora FM, o senador Weverton Rocha (PDT) apresenta-se em uma posição consolidada como candidato a governador em 2022.

Faltando um ano e meio para as eleições, Weverton é o único nome da base do governo Flávio Dino a superar a casa dos 20% de intenção de votos, mesmo no cenário em que a ex-governadora Roseana Sarney lidera. (Releia aqui)

Como a própria Roseana já declarou que não será candidata ao governo, Weverton pode ser considerado o líder da pesquisa Exata em todos os cenários pesquisados.

Sem Roseana, ele supera a casa dos 30% dos votos e bate Josimar de Maranhãozinho (PL) e Carlos Brandão (PSDB) juntos; e chega a 36% numa disputa direta contra o agora vice-governador tucano.

Com estrutura própria, aliados de peso nas principais instâncias de poder e agora com força eleitoral comprovada, Weverton leva ainda uma vantagem a mais em relação aos seus principais adversários: sua rejeição é a mais baixa dentre os candidatos pesquisados.

Neste quesito – liderado pela própria Roseana, com 38% – pretensos postulantes ao governo, como Josimar, registram 25% de eleitores que não votariam nele em qualquer hipótese.

Carlos Brandão, por sua vez, registra 14% de rejeição.

Weverton fica empatado no quesito rejeição com o ex-prefeito Edivaldo Júnior (PDT), na casa dos 13%.

Edivaldo, aliás – que aparece com 10% de intenções de voto no cenário liderado por Roseana – pode ser considerado outro trunfo do próprio Weverton, já que a soma dos dois pré-candidatos do PDT iguala os 30% da ex-governadora.

Um potencial eleitoral e tanto, que tende a se consolidar ao longo de 2021.

E que deve ser confirmado por pesquisas como as da Escutec e da Econométrica, com divulgação prevista a partir do próximo fim de semana.

É aguardar e conferir…

4

Ipespe aponta rigoroso empate entre Bolsonaro e Lula

Primeira pesquisa após anulação das condenações do ex-presidente – encomendada pela XP Investimentos – aponta que o petista e o atual presidente devem polarizar a disputa de 2022, tanto no primeiro quanto no segundo turno

 

Lula chegou forte ao debate presidencial e já polariza com o presidente Jair Bolsonaro, que vê seu legado afundar pesquisa após pesquisa

A primeira pesquisa Ipespe/XP Investimentos após a anulação das condenações do ex-presidente Lula (PT), mostra que ele já experimenta um rigoroso empate com o presidente Jair Bolsonaro, faltando pouco mais de um ano e meio para as eleições de 2022.

De acordo com o levantamento encomendado pela XP Investimentos – e divulgado nesta sexta-feira, 12 – Jair Bolsonaro tem hoje 27% das intenções de votos na pesquisa estimulada, contra 25% de Lula.

Na simulação de segundo turno, o empate é ainda mais rigoroso: Bolsonaro 41% X 40% Lula.

No principal cenário da pesquisa Ipespe/XP Investimentos, também foram citados os candidatos Sergio Moro (10%), Ciro Gomes (9%) e Luciano Huck (6%).

Outros candidatos juntos pontuam 10%. 

Nas pesquisas de janeiro e fevereiro, Bolsonaro se mantinha à frente dos adversários – Sérgio Moro, Ciro Gomes e Luciano Huck – com mais que o dobro das intenções de voto. (Leia aqui e aqui)

Vinculado ao sociólogo Antonio Lavareda, o Ipespe mede também, em serie histórica para a XP Investimentos, o governo Bolsonaro desde o seu início.

E os índices apontam piora progressiva nos indicadores do seu governo.

Mal sinal para alguém que, provavelmente, terá um Lula pela frente…

0

Germano dispara e caminha para vencer em Loreto

Pesquisa de intenção de votos para prefeito de Loreto, realizada pelo instituto Escutec aponta larga vantagem do candidato Germano Coelho na disputa, faltando apenas um dias para a eleição.

Segundo o levantamento, no cenário espontâneo, Germano aparece com 48%, contra apenas 24% de Marfran Bringel. O terceiro colocado é Alessandro Costa, com 15%, e Nilo Carneiro vem na sequência, com 2%.

No cenário estimulado, Germano também lideram com folga: 50% contra 27% de Marfran Bringel. Na sequência aparecem Alessandro Costa, com 16%, e Nilo Carneiro, com 2%.

No quesito rejeição, a situação se inverte: 43% dos entrevistados disseram não votar em Marfran Bringel, e apenas 25% citaram Germano Coelho nesse caso

A pesquisa ouviu 200 eleitores, entre os dias 8 e 9 de novembro. A margem de erro é de 5 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o intervalo de confiança é de 90%. O registro na Justiça Eleitoral foi feito sob o número MA-08508/2020

0

Pesquisa destaca liderança de Angélica como prefeita de Miranda do Norte

O Instituto de Pesquisa MBO realizou um levantamento no município de Miranda do Norte que constatou liderança da candidata Angélica rumo a prefeitura da cidade.

Com 55% dos votos, Angélica dispara como preferência entre os eleitores, seguido de Cardosinho com 23% e Antônio Prestação com 4%. Indecisos, não sabem e não responderam somam 18%.

A pesquisa foi registrado na Justiça Eleitoral sob o protocolo 08600/2020. Foram entrevistados 1052 pessoas entre os dias 21 ao dia 25 deste de outubro. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos com intervalo de confiança de 96,5%.

Faltando apenas 16 dias para as eleições, a população tem abraçado as propostas de Angélica e acompanhado a candidata nos movimentos realizados na cidade.

A ampla vantagem da candidata sobre os demais candidatos se destaca na pesquisa com o seu favoritismo para ser prefeita de Miranda do Norte. Com 78,3% das intenções de votos, os eleitores afirmaram não mudar o voto até o dia das eleições.

“Não tenho palavras para agradecer o tamanho do carinho que recebo por onde passo, quando entro nas casas das pessoas sinto a minha responsabilidade aumentar, pois o desejo é de fazer muito mais”, declarou Angélica.

1

Pesquisa aponta os favoritos pra vereador em São Luís

Por Antonio Martins

Pesquisa realizada pelo Instituto Interpreta, em parceria com a TV Guará, entre os dias 19 a 21 de outubro, em nove áreas da capital  de São Luís, aponta os candidatos a vereador preferidos pelo eleitorado. Entretanto, esses nomes não podem ser considerados aqueles que vão efetivamente ocupar as 31 vagas na Câmara Municipal de São Luís. Isso porque a Justiça Eleitoral tem uma fórmula para calcular quantas cadeiras cada partido terá direito.

A conta envolve, além do número de votos de cada candidato, a totalidade da votação de cada legenda, de forma a garantir a proporcionalidade e a participação de segmentos minoritários da sociedade. Além disso, ainda não é possível saber quantos candidatos vão disputar o pleito na capital, o que determina uma disputa de nomes por vaga. No entanto, a eleição proporcional é praticamente um vestibular de curso considerado concorrido.

Dos 31 atuais vereadores, apenas o vereador Honorato Fernandes (PT), vice de Rubens Júnior (PCdoB), e a vereador Bárbara Soeiro (PSC) não vão tentar permanecer por mais quatro anos no Legislativo. Bárbara , por exemplo, será substituída pelo filho, Octávio Soeiro (Podemos). Mas a tarefa pode não ser fácil, pois o herdeiro está filiado a um partido com três vereadores que buscam a renovação do mandato: Sá Marques, Chaguinhas e Marcial Lima.

O Instituto Interpreta entrevistou 1.000 eleitores e o intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro é de 3%. A pesquisa foi registrada no TSE em 19/10/2020, com número de identificação MA-01301/2020.

OS MAIS LEMBRADOS

A pesquisa perguntou aos entrevistados quem eles votariam para vereador de São Luís. O vereador mais citado foi Astro de Ogum, com 5,6% das intenções. Em seguida, apareceu Osmar Filho (3,7%), Nato Júnior (3,5%), André Campos (3,2%) e Rosana da Saúde (2%).

7

DataIlha aponta segundo turno em São Luís…

Pesquisa divulgada nesta quarta-feira pela TV Band mostra forte crescimento de Neto Evangelista, que já empata tecnicamente com Duarte Júnior pelo direito de disputar um confronto direto com Eduardo Braide; Rubens Júnior também cresce

 

Eduardo Braide deve disputar um segundo turno com Duarte Júnior ou Neto Evangelista, que acirraram a disputa pelo segundo lugar, assim como previu o blog Marco Aurélio D’Eça

Faltando menos de um mês para as eleições, os institutos de pesquisas que medem a intenção de votos em São luís começam a apontar aquilo que o blog Marco Aurélio D’Eça mostrou ainda em setembro: o acirramento da disputa entre Neto Evangelista e Duarte Júnior levará a disputa para um segundo turno.

Os números divulgados hoje pelo DataIlha confirmam exatamente a tendência apontada por este blog, com o candidato Eduardo Braide (Podemos) ainda na frente, mas agora com 39% das intenções de votos.

Neto Evangelista (DEM) vem subindo pesquisa após pesquisa e já empata tecnicamente com Duarte Júnior (PRB); o candidato do Republicanos tem 13,1% das intenções de votos, contra 12% do candidato democrata.

Os números DataILha apontam um terceiro personagem na disputa pela vaga no segundo turno: Rubens Júnior (PCdoB) já surge com 9% das intenções de votos. Ele também está em condição de empate técnico, tanto com Neto quanto com Duarte.

Ancorado na dupla Lula e Flávio Dino, Rubens Júnior já chega ao pelotão da frente, entrando na disputa pela segunda vaga do segundo turno

Os demais candidatos apresentam, respectivamente: Jeisael Marx, 2,8%; Bira do Pindaré 2,5% e Yglésio com 2,2%.

Na faixa com menos de 1% estão Silvio Antônio 0,6%; Professor Franklin 0,5% e Hertz Dias 0,2%.

Esta é a primeira pesquisa após o início da propaganda eleitoral e a intensificação da campanha de rua; outras duas pesquisas serão divulgadas ainda esta semana.

É aguardar e conferir a confirmação de segundo turno apontada pelo blog Marco Aurélio D’Eça lá atrás…

1

Carlos Madeira já é o quarto colocado na disputa em São Luís


O pré-candidato à Prefeitura de São Luís pelo Solidariedade, José Carlos Madeira, vem conquistando cada vez mais a simpatia da opinião pública.

Em pesquisa divulgada pela Attitude Consultoria de Pesquisa e Mercado de Opinião, o ex-juiz federal aparece com 4,9% de intenções de voto, alcançando o quarto lugar na corrida eleitoral.

Registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número MA-00777/2020, no dia 04 de setembro, a pesquisa tem uma margem de erro de 3.1 pontos percentuais, o que somado ao porcentual de 4,9%, Madeira empata com o terceiro colocado, o pré-candidato Neto Evangelista (DEM).

Com uma base popular e dialogando com as comunidades, Madeira se destaca na pré-campanha. Recentemente ele anunciou o seu vice, Capitão Jeremias, reconhecendo a luta da juventude evangélica na área Itaqui-Bacanga.

Mesmo afastado das ruas, devido ao tratamento para se recuperar da Covid 19, Madeira vem ampliando seus laços de identificação com a comunidade, por sua história de vida e a experiência acumulada em mais de 30 anos no serviço público, como promotor, juiz estadual e juiz federal.

“Madeira tem se destacado entre todos os pré-candidatos, porque ele faz a diferença. Não tem herança política familiar, vem de uma origem humilde e tem capacidade para administrar a cidade”, avaliou Simplício Araújo, presidente do Solidariedade.

2

Drª Maria Félix será próxima prefeita de Cajari, mostra Pesquisa Escutec

A Drª Maria Félix, presidente do diretório municipal do PDT, será eleita, em novembro, a próxima prefeita da cidade de Cajari, na região da Baixada Maranhense.

Foi o que atestou pesquisa de intenção de votos realizada pelo Instituto Escutec, cujos números foram divulgados pelo Jornal O Estado do Maranhão na sua edição de ontem.

A pesquisa, realizada no período compreendido entre os dia 09 a 11 deste mês, foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 07515/20. Tem margem de erro de 4%, para mais ou para menos, e nível de confiabilidade de 90%. Foram ouvidos 400 eleitores.

A pré-candidata pedetista lidera nos nove cenários apresentados – oito estimulados e um espontâneo.

No espontâneo (aquele no qual não é apresentado ao eleitor o nome do pré-candidato), Drª Maria Félix obteve 38% da preferência do eleitorado. A atual prefeita, Camila, marcou 33%; seguida Ítalo Bonifácio, com 4%. 25% não souberam ou não responderam.

No primeiro cenário estimulado (aquele no qual é apresentado ao eleitor o nome do pré-candidato), Drª Maria Félix ampliou a vantagem e cravou 44%. A atual prefeita marcou 36%. Ítalo Bonifácio obteve 9% e Padre Paulo 3%. Nenhum deles 3% e 5% não souberam ou não responderam.

No confronto estimulado no qual disputa somente com a atual prefeita, Drª Maria Félix bateu a atual gestora com 48% dos votos dos cajarienses. Camila obteve 41%.

Prefeita é a mais rejeitada

A atual prefeita só lidera o levantamento no quesito rejeição. 37% dos entrevistados disseram que não irão votar na reeleição da mesma de maneira alguma. Em seguida aparecem Maria Félix (24%), Pare Paulo (12%) e Ítalo (7%). Nenhum deles 5% e 15% não souberam ou não responderam.

2

Carlos Madeira avança bem em pesquisa…

Pré-candidato do Solidariedade supera adversários com maior estrutura e já se embola com o pelotão de cima, que disputa uma vaga em um eventual segundo turno; ex-=juiz esperar “avançar bem” até setembro

 

Madeira tem atuado fortemente nos bastidores, angariando apoios que começam a se refletir nos números das pesquisas

O juiz aposentado Carlos Madeira (Solidariedade) foi o candidato que melhor se movimentou nos números da pesquisa Prever, divulgada nesta quinta-feira, 20.

Com 3,1% das intenções de voto, Madeira superou os pré-candidatos Hertz Dias (PSTU), Franklin Douglas (PSOL), Dr. Yglesio (PROS), Rubens Jr. (PCdoB), Jeisael Marx (REDE), Detinha (PL) e agora já disputa as primeiras cinco posições com Adriano Sarney (PV), Bira do Pindaré (PSB), Neto Evangelista (DEM) e Wellington.

Levando em consideração a margem de erro – que o põe com 0% ou 6,1% – o candidato Solidariedade pode ser considerado em condição de empate técnico com Adriano, Bira, Wellington e Evangelista.

– Vamos ter um bom avanço até o dia 26 de setembro – comemorou Madeira, em contato com o blog Marco Aurélio D”Eça.

Ele diz estar, calculadamente, “fazendo um voo fora do radar”. 

0

Seduc vai catalogar trajetória do aluno da rede pública…

Monitoramento da secretaria quer entender de forma amostral o caminho percorrido pelos estudantes após conclusão do Ensino Médio, levantando quantos chegam à universidade e quantos vão direto ao mercado de trabalho

 

Secretário Felipe Camarão quer entender o caminho do aluno do Ensino Médio após conclusão dos estudos na rede pública

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) iniciou, nesta segunda-feira, 17, uma pesquisa escolar de monitoramento dos egressos do Ensino Médio de escolas da rede pública, nos anos de 2018 e 2019.

O objetivo da pesquisa é identificar, de forma amostral, a porcentagem de inserção dos egressos no Ensino Superior ou no Mercado de trabalho, com o intuito de entender a trajetória dos estudantes após a finalização dos estudos.

A pesquisa será realizada pelos gestores escolares, que deverão entrar com código Inep de sua escola para ver a lista com o nome dos estudantes egressos que deverão ser entrevistados.

A pesquisa será realizada até o dia 28 de agosto, por meio do link: http://gpagil.com.br/pesquisaEgressos