2

Neto Evangelista cada vez mais alinhado ao MDB…

Deputado do DEM tem articulado politicamente ao lado do colega de Assembleia Legislativa Roberto Costa e participado ativamente de ações com o emedebista em bairros de São Luís

 

O LADO DE ROBERTO COSTA, NETO EVANGELISTA FALOU PARA UMA MULTIDÃO NA MADRE DEUS, encaminhando seu projeto de candidatura em São Luís

A presença do deputado estadual Neto Evangelista (DEM) no evento organizado pelo colega de Assembleia Legislativa Roberto Costa (MDB), na noite de domingo, 13, na Madre Deus, reforçou um fato que tem sido cada vez mais discutido em São Luís.

No MDB há outros nomes postos – incluindo o do juiz federal carlos Madeira – sobretudo os que agradam ao ex-senador João Alberto e à ex-governadora Roseana Sarney.

Único representante do partido com mandato, no entanto, Roberto Costa tem influência direta para definir os rumos emedebistas.

Pré-candidato a prefeito, Evangelista tem articulado forte com o colega a aliança com o MDB.

A princípio, Roberto defendia o nome do ex-deputado federal Victor Mendes como candidato do partido em São Luís, mas a timidez e a pouca aptidão política do escolhido praticamente o descartou da campanha.

Foi então que começaram as conversas entre Roberto e Neto.

O pré-candidato do DEM mostrou-se extremamente à vontade ao lado do colega do MDB na festa das crianças, na Praça da Saudade.

E o caminho para uma aliança está aberto…

0

Roberto Costa debate o futuro do MDB com o novo presidente, Baleia Rossi

O deputado e vice-presidente do MDB-MA, Roberto Costa foi recebido pelo recém-eleito presidente do MDB Nacional, o deputado Baleia Rossi. Foi a primeira audiência oficial do parlamentar, em Brasília, enquanto presidente nacional de um dos maiores e mais importantes partidos do país.

Na reunião, foi debatida a grande responsabilidade do Presidente Baleia, na condução da renovação e reconstrução do MDB, visando resgatar o protagonismo político no país.

“O deputado Roberto Costa, além de militante histórico do MDB, hoje é primeiro vice-presidente do MDB no Maranhão e membro da executiva nacional. Ressalto a grande necessidade do apoio de todos os Diretórios Estaduais para a reconstrução do partido e ainda a necessidade de uma candidatura própria nas maiores cidades do Maranhão”, disse Baleia.

O deputado Roberto Costa por sua vez, ressaltou que a Eleição do presidente Baleia serve como grande inspiração e motivação para continuar a luta partidária no Estado, principalmente usando o espírito conciliador de Baleia Rossi e indicar o partido no Estado do Maranhão.

“Precisamos usar da experiência política dos nossos líderes maiores, junto com os deputados Federais, Estaduais e, principalmente, com toda a força de vontade dos militantes do partido, precisamos unir esforços na reconstrução desta grande agremiação partidária. Como o nosso presidente já disse, ratifico, iremos reconstruir o nosso partido no Maranhão, teremos candidaturas próprias nas maiores cidades do nosso Estado”, disse Roberto Costa.

0

Juiz Carlos Madeira entre o MDB e o PSD…

Partidos se mostraram interessados em ter o magistrado como candidato a prefeito nas eleições de prefeito em 2020; ele segue em conversas com as lideranças partidárias

 

O JUIZ CARLOS MADEIRA TEM CONVERSADO BEM COM LIDERANÇAS DE MDB E PSD para sua candidatura a prefeito

O juiz federal José Carlos Madeira ampliou sua agenda de contatos partidários com o objetivo de viabilizar-se candidato a prefeito de São Luís nas eleições de 2020.

E as conversas com PSD e com o MDB parecem ser as mais profícuas.

tanto as lideranças do MDB – como o ex-senador João Alberto e a ex-governadora Roseana Sarney – mostram-se entusiasmados com a possibilidade de ter o juiz nos quadros emedebistas; assim como o deputado federal Edilázio Júnior, que conversou com o magistrado sobre entrada no PSD.

Madeira tem aparecido nas pesquisas de intenção de votos com forte potencial de crescimento, sobretudo pela baixa rejeição e pelo perfil de magistrado, o que agrada eleitores, segundo levantamentos qualitativos.

Para ser candidato em 2020, o juiz deve aposentar-se da carreira na Justiça Federal ainda este ano.

E tem até abril de 2020 para decidir seu rumo partidário…

 

0

Roseana deve compor executiva nacional do MDB…

Ex-governadora vai compor a chapa do deputado federal Baleia Rossi, que substituirá o ex-senador Romero Jucá no comando do partido; ela também fará parte do Conselho do MDB nacional

 

A ex-governadora Roseana Sarney vai ocupar posto na Executiva Nacional do MDB.

Ela deve compor a chapa do deputado federal Baleia Rossi, novo presidente da legenda.

Roseana tem voltado à ativa na vida partidária após as eleições de 2018.

Mas, como já adiantou ao titular do blog Marco Aurélio D’Eça, ela não pretende concorrer a cargos eletivos em curto prazo – nem mesmo em 2022.

Mas esta é uma outra história…

1

Gesto de Adriano busca unidade no grupo Sarney…

Deputado estadual acerta em esforço de diálogo com as forças que sobraram no sarneysismo após as eleições de 2018 – notadamente o MDB, o PV e o PSD – embora enfrente resistências pela dificuldade de relacionamento interno

 

ADRIANO SARNEY MOSTRA ESFORÇO DE ENTENDIMENTO COM AS FORÇAS REMANESCENTES DO SEU GRUPO, notadamente o MDB, o PV e o PSD

É preciso ser entendido como um esforço de diálogo o artigo em que o deputado Adriano Sarney conclama forças do MDB, do PV e do PSD a uma unidade nas eleições de 2020 que resulte na consolidação de uma vitória em 2022.

Embora tenha envolvido no discurso, publicado no jornal O Estado no último domingo, 15,  também as forças oposicionistas vinculadas ao presidente Jair Bolsonaro – lideradas pelo senador Roberto Rocha (PSDB), pela ex-prefeita Maura Jorge (PSL) e pelo deputado estadual Wellington do Curso (PSDB) – Adriano mirou mesmo a base remanescente do sarneysismo, formada pela trinca PV/MDB e PSD. (Leia a íntegra aqui)

Tanto que, no artigo, ele não se põe como opção definitiva de candidato a prefeito em 2020, citando o deputado federal Edilázio Júnior (PSD) e nomes do MDB e da própria oposição bolsonarista.

Mas está exatamente na incapacidade de relacionamento a dificuldade de convencimento do neto do ex-presidente José Sarney.

De temperamento forte, Adriano é pouco afeito a relações de compadrio e acordos pontuais tão comuns na convivência política.

E com este perfil acabou-se isolando na Assembleia já a partir do primeiro mandato, em 2015, afastando-se exatamente das novas gerações do sarneysismo – notadamente os deputados Roberto Costa (MDB) e Edilázio Júnior (PSD), que hoje dão as cartas em seus partidos.

Mas o gesto do deputado encaminha um debate que precisa ser iniciado nas hostes sarneysistas o mais breve possível: de que forma o grupo quer se posicionar no processo de 2020 como porta de entrada para 2022?

Neste aspecto, Adriano ganha ainda mais estatura quando se recusa a ver-se como opção inarredável, abrindo espaço para uma candidatura única na trinca partidária sarneysista – para ganhar ou para perder.

E esta aliança passa, inclusive, pela ex-governadora Roseana Sarney (MDB).

Mas esta é uma uma história…

0

Em Brasília, Roseana reúne-se com executiva do MDB para discutir nova direção…

Membro do atual comando nacional do partido, ex-governadora participa da entrega do Relatório de Gestão e inicia debates sobre a substituição do atual presidente, Romero Jucá

 

ROSEANA ENCABEÇA MESA DOS TRABALHOS NA EXECUTIVA NACIONAL DO MDB, em Brasília, onde se discute também o rumos do partido

A ex-governadora Roseana Sarney está em Brasília nesta quarta-feira, 18, onde participa da reunião da Executiva Nacional do MDB.

Membro da Executiva, Roseana participa da entrega de relatório da atual mesa diretora do partido, encabeçada pelo ex-senador Romero Jucá (RR).

Também é discutido no encontro a substituição do próprio Jucá.

A ex-governadora do Maranhão defende a oxigenação do partido, em busca, inclusive, de um realinhamento como força política de centro.

O partido não forma fileira na base do governo Jair Bolsonaro (PSL), mas também não se alinha ás forças de esquerda, sobretudo após a derrota nas eleições de 2018.

A formação do novo diretório nacional, a escolhas dos dirigentes nacionais e suas novas lideranças tem objetivo também de preparar o MDB para as eleições de 20209 e, sobretudo, de 2022.

2

Apoio de Roberto a Neto Evangelista revela antipatia a Adriano Sarney

Deputado estadual do MDB não se relaciona com o colega do PV, que também tenta ser candidato a prefeito e espera o tempo de propaganda do partido cujo maior líder é o avô ex-presidente

 

A CONVERSA ENTRE NETO EVANGELISTA E ROBERTO COSTA, QUE REPERCUTIU SOBRE AS ELEIÇÕES e irritou Adriano Sarney

A declaração pública do deputado estadual Roberto Costa, de que o MDB cogita aliança com o deputado Neto Evangelista (DEM) – caso não consiga viabilizar o ex-deputado Victor Mendes – tem um pano de fundo envolvendo a própria oposição a Flávio Dino (PCdoB).

Costa quis deixar claro, na verdade, que não cogita apoiar o colega Adriano Sarney (PV), que tenta formar uma aliança com os partidos da base do grupo Sarney para também ser candidato a prefeito.

O deputado que preside o MDB em São Luís não tolera o colega do PV, relação que vem se esgarçando desde o fim da eleições de 2018. (Entenda aqui)

E a antipatia a Adriano ficou ainda mais clara quando Costa foi questionado pela coluna Estado Maior, do jornal O EstadoMaranhão.

A resposta foi seca:

– Nossa opção é somente o Neto – encerrou, lacônico…

1

MDB tentou fazer de Victor Mendes vice de Eduardo Braide…

Ex-senador João Alberto de Sousa chegou a conversar com o favorito nas pesquisas de intenção de votos em São Luís, mas teve o projeto elegantemente rechaçado

 

VICTOR MENDES JÁ CONSEGUIU CONVENCER A CÚPULA DO MDB, mas sua timidez incomoda quem quer ver o partido forte na capital maranhense

Apontado pelo MDB de São Luís como opção de candidatura a prefeito, o deputado federal Victor Mendes está sendo oferecido, na verdade, para composição com outros candidatos.

Há pouco mais de duas semanas – exatamente dois dias antes de receber o vereador Astro de Ogum (PL) – a cúpula emedebista reuniu-se com o deputado federal Eduardo Braide (PMN), favorito em todas as pesquisas.

A ele, o ex-senador João Alberto sondou sobre a possibilidade de composição, tendo Mendes como companheiro de chapa, segundo apurou o blog.

Braide desconversou, desconversou, mas mostrou pouco interesse na composição.

Apesar de ter o aval de toda a cúpula emedebista para disputar as eleições de São Luís, Victor Mendes tem contra si a timidez e a pouca iniciativa para o corpo a corpo com o eleitor, o que incomoda as demais lideranças da legenda.

Por isso, o partido tende a buscar aliança com outras candidaturas.

E a nova aposta do MDB é o deputado Neto Evangelista, do DEM.

Mas esta é uma outra história…

0

Astro de Ogum a caminho de ser o candidato do MDB em São Luís

Vereador já se reuniu com as principais lideranças da legenda e tem apoio do senador João Alberto de Souza para representar os emedebistas na sucessão do prefeito Edivaldo Júnior

 

ASTRO COM OS EX-SENADORES JOSÉ SARNEY E JOÃO ALBERTO, e mais o deputado João Marcelo e o ex-diretor do Detran André Campos

Um dos mais ativos pré-candidatos a prefeito de São Luís, o vereador Astro de Ogum (PL) pode se tornar o nome do MDB na disputa.

O ex-presidente da Câmara já se reuniu com lideranças emedebistas do porte do ex-presidente José Sarney, do ex-senador Edison Lobão e do presidente regional da legenda, João Alberto de Sousa, que deu o aval par a sua entrada no partido.

A princípio, o MDB trabalhava com a hipótese do ex-deputado federal Victor Mendes, a quem falta a mesma disposição e iniciativa de Astro de Ogum.

O vereador atua praticamente todos os dias em articulações na Zona Rural e em alguns dos principais bairros de São Luís. Na conversa com a cúpula emedebista, ouviu o sinal verde.

Resta agora ao pré-candidato decidir seu futuro no PL, que tem como presidente o deputado federal Josimar de Maranhãozinho.

É aguardar e conferir…

1

A oposição e a Prefeitura de São Luís…

Enquanto a base do governo Flávio Dino se movimenta entre ela mesma para a sucessão do aliado Edivaldo Júnior, os partidos que não rezam na cartilha do Palácio dos Leões ainda estão em compasso de espera

 

Se na base do governo Flávio Dino (PCdoB) há pelo menos cinco candidatos com potencial para a sucessão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) – Neto Evangelista (DEM), Duarte Júnior (PCdoB), Bira do Pindaré (PSB), Rubens Pereira Júnior (PCdoB) e Osmar filho (PDT) – a oposição ainda está em compasso de espera.

Por enquanto, entre os partidos que não seguem a cartilha do Palácio dos Leões, apenas Wellington do Curso (PSDB) se movimenta com vistas às eleições de 2020.

Mas ele ainda terá que convencer sua legenda; ou partir para outra.

O deputado Eduardo Braide (PMN) não se inclui nem entre a oposição, muito menos como governista; mesmo favorito na disputa, ele é uma espécie de terceira via.

Entre os oposicionistas, apenas o deputado Adriano, agora sem o sobrenome, apresentou-se como opção.

Ninguém levou a sério.

Tanto que os partidos e as lideranças da chamada base sarneysista já têm outras opções para o posto de candidato.

O MDB, por exemplo, quer o ex-deputado federal Victor Mendes como candidato. Já os aliados da ex-prefeita Maura Jorge (PSL) sonham com seu nome na capital.

Diante desse compasso de espera; e de lideranças com índices consistentes nas pesquisas, o mai9s provável é que a sucessão de Edivaldo Júnior se dê entre os seus próprios aliados.

Num prenúncio do que será em 2022…