0

Imperatriz: Prefeitura intensifica trabalho de revitalização de espaços públicos

As ações são executadas pelo Setor de Áreas Protegidas e Paisagem da Semmarh em várias localidades da cidade

 

Visando melhorar a conservação, paisagismo e as condições ambientais do município, a Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Semmarh, vem intensificando o trabalho de revitalização ambiental dos espaços públicos da cidade.

De acordo com a secretária do Meio Ambiente, Rosa Arruda, as ações de paisagismo são de baixo custo para os cofres públicos, mas de valor e retorno imensurável em termos culturais, ambientais e conservação destes espaços.

“A medida visa o melhoramento do paisagismo de nossa cidade. Havendo um espaço bem apresentado, consequentemente haverá um maior interesse da população em estar inserido nesses locais e potencialmente, serão criados vínculos com os espaços, tornando-os ainda mais sociais”, pontuou Rosa Arruda.

No processo de revitalização são utilizadas gramas em placas, mudas de Ipê de várias cores, Ipê mirim, mogno, palmeiras, açaí, buriti, oiti e caroba, e dentre as plantas ornamentais estão a resedá, bougainville, espécies diversas de jasmim e espirradeiras coloridas. As mudas são cultivadas no Viveiro Municipal, Parque Alvorada I, como também, doações de parceiros e madeira de reaproveitamento.

1

Prefeitura cria novo corredor de trânsito na região do Parque Athenas…

Novo eixo interligará  a Avenida Alpha às ruas RI, RE e RQ ajudando a desafogar o trânsito e dando mais uma alternativa de escape para quem sai do Calhau e pretende chegar ao Vinhais e à Cohama

 

O novo eixo garantir escoamento de trânsito em várias direções, interligando várias comunidades

Uma nova via de trânsito está sendo aberta pela Prefeitura de São Luís na região do Parque Athenas/Cohajap.

De acordo com o secretário municipal de obras, Antonio Araújo, a via, que estava servindo apenas para descarte de lixo, vai interligar todo o aglomerado urbano da região, garantindo segurança, facilidade de acesso e elevação da auto-estima do cidadão.

– Esta via está no eixo do aglomerado, mas nunca funcionou. Virou um lixão. Com ela pronta, aumenta a sensação de segurança e garante interligação a todos os bairros do aglomerado urbano – diz Araújo.

A via era apenas uma separação entre as casas, está intransitável há 15 anos, servindo de lixão

De acordo com o secretário, a via nunca funcionou porque ficava no ponto mais baixo da área, para onde escorriam todas as águas.

– A partir do serviço de drenagem, resolveremos o problema do escoamento. E ela se transformará, de fato, em uma rua – explicou Araújo.

 A nova via, em fase de terraplanagem, vai interligar  a avenida Alpha às ruas RI, REW e RQ, no Parque Athenas…

0

Semurh garante licitação para derrubada do “Balança, mas não cai”…

Secretaria diz que imóvel está desocupado e as famílias que residiam no local assistidas pela prefeitura, 12 das quais já assinaram contrato de moradia permanente

 

Desocupado, Balança, mas não cai deve ser derrubado em breve…

A Secretaria Municipal de Urbanismo está em fase final de conclusão do processo licitatório para contratação da empresa responsável pela demolição do prédio “Balança, mas não cai”, no São Francisco.

– Em relação a demolição do referido prédio, as vistorias e orçamentos necessários pra subsidiar o processo de contratação de empresa especializada  já foram realizados e encaminhados para a instrução  de processo licitatório, o que irá acontecer dentro dos tramites legais – diz nota encaminhada pela Semurh.

O prédio foi desocupado pela prefeitura no início de junho, as famílias removidas e assistidas desde então pelo poder público. (Releia aqui)

Ainda de acordo com o documento da Semurh, as famílias estão sendo encaminhadas para busca de moradias permanentes.

– Das 40 famílias remanejadas, todas estão recebendo o devido atendimento social, sendo que: 12 famílias já assinaram contrato de moradia permanente; 08 famílias aguardam para assinatura de contrato; e as demais estão em fase de regularização de documentação pessoal necessárias para inclusão na política habitacional – afirma.

A prefeitura garante também que tem feito vistorias permanentes no prédio, para evitar a reocupação e cuidar da demolição.

– Mais uma vez, nesta sexta-feira, 18, uma equipe do órgão esteve no local e não foi encontrado nenhuma pessoa ocupando a área – afirmou o documento.

Abaixo, a íntegra da nota da Semurh:

Nota

A Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação informa que por meio da Blitz Urbana tem realizado periodicamente vistorias no prédio notoriamente conhecido como “Balança, mas não cai” para impedir que este seja reocupado irregularmente. Mais uma vez, nesta sexta-feira, 18, uma equipe do órgão esteve no local e não foi encontrado nenhuma pessoa ocupando a área.

Das 40 famílias remanejadas, todas estão recebendo o devido atendimento social, sendo que: 12 famílias já assinaram contrato de moradia permanente; 08 famílias aguardam para assinatura de contrato; e as demais estão em fase de regularização de documentação pessoal necessárias para inclusão na política habitacional.

Em relação a demolição do referido prédio, as vistorias e orçamentos necessários pra subsidiar o processo de contratação de empresa especializada  já foram realizados e encaminhados para a instrução  de processo licitatório, o que irá acontecer dentro dos tramites legais.

Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação

13

De Roseana a Edivaldo: São Luís em 18 anos…

Com orçamento praticamente idêntico ao que o prefeito teve em 2016, Roseana implementou, em 1998, o maior programa de obras na capital maranhense, que até hoje serve de referência nos setores de urbanismo e mobilidade urbana

 

lagoa da Jansé, um dos cartões postais construídos por Roseana em São Luís

lagoa da Jansén, um dos cartões postais construídos por Roseana em São Luís

Em 1998, a então governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB) gerenciou orçamento de R$ 2,6 bilhões no exercício fiscal do Maranhão.

Com estes recursos, ela fez, só em São Luís, a lagoa da Jansén, as avenidas Ferreira Gular e Luiz Eduardo Magalhães, os viadutos da Cohama e da Cohab, a duplicação das avenidas Guajajaras e Estrada de Ribamar; a duplicação da estrada do Araçagy e uma série de praças chamadas “Vivas”. (Saiba mais aqui)

Em 2016, Edivaldo Júnioor (PDT) administrou orçamento maior que o de Roseana, na casa dos R$ 2,7 bilhões.

E em 2017, ele terá ainda mais, algo em torno de R$ 3 bilhões, segundo estimativa do vereador pedetista Ivaldo Rodrigues.

AQs obras de tapa-buracos e recapemaneto asfáltico marcaram a gestão de Edivaldo na mesma São Luís

AQs obras de tapa-buracos e recapemaneto asfáltico marcaram a gestão de Edivaldo na mesma São Luís

Não há, na gestão Edivaldo – que comanda apenas São Luís – nenhuma obra que se compare ao governo Roseana, que era de todo o Maranhão.

Edivaldo precisa mudar o seu patamar administrativo em 2017.

Simples assim…

2

SMTT contesta informações de empresários sobre Bilhete Único…

Em nota encaminhada ao blog, Secretaria de Trânsito e Transporte rebateu as declarações de empresários, publicas o post “Empresas reclamam de perdas de 500 mil passagens”. Veja abaixo a íntegra da resposta:

 

Os terminais da integração são motivo de discórdia entre SMTT e SET,,,

Os terminais da integração são motivo de discórdia entre SMTT e SET,,,

1- Na verdade o bilhete único está tendo uma demanda diária de usuários que deixaram de ir aos terminais de integração para efetuar os seus transbordos. Tanto é que o volume de pessoas que passam nos terminais diminuiu sensivelmente. Portanto não se pode alegar que houve queda de faturamento no sistema, em função do bilhete único.

2- A Audiência Publica, é de ser uma exigência legal, na qual foi apresentado os paramentos que nortearão o processo de licitação.

3- Será no Projeto Básico da Licitação, a ser publicado, que serão detalhados os quantitativos e tipologia de ônibus por lote: se haverá previsão de outros modais de transportes (BRT -VLT); através do qual todas as pessoas terão acesso aos estudos que foram elaborados pela Consultoria contratada que deram arcabouço ao projeto;

4- O problema noticiado, referente ao retardamento do pagamento pelos empresários das antecipações salariais dos operadores do sistema transporte, é um problema trabalhista entre os dois Sindicato. A Prefeitura já fez varias reuniões com os 2 sindicatos, no intuito de encontrar uma solução e acompanha de perto o desenrolar desta situação com o propósito de garantir o direito de “ir e vir ” dos usuários .

1

Hildo Rocha prestigia lançamento de livro “Sugestões para o Desenvolvimento Urbano”…

Publicação faz reflexão a partir dos trabalhos da Comissão de Desenvolvimento Urbano, no ano de 2015, referentes ao planejamento, gestão das cidades, transporte, mobilidade urbana, acessibilidade, saneamento e habitação

 

Hildo Rocha e Júlio Lopes

Hildo Rocha e Júlio Lopes

A Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU) lançou o livro “Sugestões para o Desenvolvimento Urbano”. A publicação foi requerida pelo Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU), deputado Júlio Lopes (PP/RJ) e aprovada pelos integrantes do Colegiado.

A obra, inspirada nos debates e audiências públicas realizadas pela Comissão, durante o ano de 2015, é composta por análises, propostas e artigos acerca de questões relacionadas aos setores do Transporte, da Mobilidade Urbana, da Acessibilidade, do Saneamento e da Habitação.

– É motivo de orgulho poder contribuir, embora indiretamente, com a literatura técnica referente ao urbanismo brasileiro – destacou Hildo Rocha, parlamentar que é membro titular da CDU.

Artigos

O Ministério das Cidades faz um panorama das políticas de desenvolvimento urbano em artigo assinado pelo Ministro Gilberto Kassab.

O Exército Brasileiro aborda a tecnologia BIM no texto “OPUS: o sistema de gestão de obras do exército brasileiro baseado no BIM – Building Information Modeling”.

livro2O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, assina texto sobre a experiência paulista nas ações referentes à crise hídrica.

A obra conta ainda com artigos da Universidade de Brasília, da Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU) e do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU), da Consultoria Legislativa da Câmara dos Deputados e da Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano (Emplasa).

– O livro é uma organização de ideias e pensamentos que deixam apontamentos a serem seguidos por gestores públicos de todo o país – ressaltou o deputado Júlio Lopes, Presidente da CDU.

A publicação está disponível pra download no link file:///C:/Users/usar/Saved% 20Games/Downloads/sugestoes_ desenvolvimento_urbano.pdf

8

No Forquilhão, população tenta fazer o que prefeitura nunca fez….

lixao2 As imagens deste post são da Rua Projetada, no Forquilhão. A via, de tráfego intenso, está exatamente nesta situação. E não está pior por que moradores tentam dar um jeito na buraqueira e lama, com aterros improvisados.

lixãoO trajeto dos carros é um mar de lama e esgoto. Para se ter ideia da importância da rua, é por onde passam praticamente todos os ônibus que fazem linha para a região do Cohatrac, via estrada da Maioba.

lixao3Além da lama e da sujeira, um imenso lixão tomou conta da rua, que deveria estar asfaltada para facilitar o fluxo de veículos na região. (Todas as imagens são de De Jesus/O EstadoMaranhão)

 

8

O asfalto é novinho, mas o ponto de ônibus…

paradaA imagem acima é de uma parada de ônibus ao lado da Pizzaria Domino’s, na avenida Santa Isabel, na Vila Fialho, que recentemente teve o asfalto recuperado pela Prefeitura de São Luís. Mas nem tudo são flores na região. O abrigo qu deveria servir d ponto de ônibus está caindo aos pedaços. Não abriga nem do sol e muito menos da chuva. É até um contraste, um asfalto novinho com uma parada dessas.

5

Liderança do Fialho chama Roberto Júnior de oportunista…

Herbertt Morais critica a forma como o vereador – “que traiu a confiança o prefeito” – agora tenta se aproveitar das obras no bairro apenas para tirar proveito eleitoral

 

Herbett Morais com Edivaldo observando as obras: compromisso de campanha...

Herbett Morais com Edivaldo observando as obras: compromisso de campanha…

Em nota intitulada “Quando o oportunismo vai além dos limites do aceitável”, o líder comunitário da Vila Fialho, Herbeth Morais, desqualificou o vereador Roberto Rocha Júnior (PSB), que tentou se aproveitar das obras da prefeitura no bairro.

– O vereador Roberto Rocha Júnior (PSB), após ser manchete nacional por suspeita de envolvimento com o crime de agiotagem, distribui release pago para imprensa local no qual ele se apresenta como o autor da solicitação de recuperação asfáltica para o Bairro Vicente Fialho. Uma espécie tardia de tentar passar para população uma atuação parlamentar da qual ele está longe de, na prática, realizar – afirma Morais.

O líder comunitário refere-se ao release distribuído ela assessoria do vereador socialista, que atribui a ele a solicitação das obras na Vila Fialho, iniciadas semana passada pelo prefeito Edivaldo Júnior.

..Roberto Júnior tentando tirar poveito

..Roberto Júnior tentando tirar poveito

Diz Roberto Júnior em um dos trechos: “Além das solicitações feitas na Câmara Municipal, nas reuniões que tive com o secretário da Semosp Antonio Araújo, relatei as dificuldades enfrentadas pelos moradores da Rua do Aririzal, e do bairro Vicente Fialho, devido aos problemas de falta de infraestrutura das ruas. Ele prontamente atendeu o nosso pedido e hoje a comunidade já está sendo beneficiada com o asfalto que começou nessa região, mas que se estenderá para os outros bairros de nossa cidade”. (Leia a íntegra aqui)

Herbertt Morais reafirma ser a única liderança comprometida com o projeto de reeleição de Edivaldo Júnior, “pagando o ônus e o bônus” desta aliança, desde antes da eleição.

– Até porque, como toda a população de São Luís já sabe, o vereador Roberto Rocha Junior, há muito traiu a confiança do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, se debandando para outro projeto político que ainda está em construção – ataca Morais, para completar:

– Reafirmo: as obras de recuperação asfáltica do bairro Vicente Fialho, é um compromisso de campanha do atual prefeito com a comunidade, através da solicitação do líder comunitário da Fialho: Herbertt Morais. (Relembre aqui)

4

Após crítica do blog, Canindé anuncia troca de parada no Calhau…

O ponto reconhecidamente inadequado; será mudado após notícia do blog

O ponto reconhecidamente inadequado; será mudado após notícia do blog

O secretário de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, conversou com o titular deste blog ainda na tarde de sábado, após post sobre uma parada de ônibus colocada em ponto no Calhau que impede o fluxo normal do trânsito. (Relembre)

Ao lembrar que a alça que dá acesso ao sentido Barramar da Avenida dos Holandeses foi feita na gestão de Ricardo Murad na extinta Gerência Metropololitana, Canindé lembra que o ponto foi colocado logo em seguida à inauguração da alça.

– Na gestão de Tadeu Palácio, eu retirei aquele ponto dali, mas ele foi recolocado na gestão de João Castelo (PSDB) – lembrou o chefe da SMTT, chamando atenção para o fato de o abrigo ser na cor verde, característica da gestão anterior.

Mas ele garantiu que vai tirá-lo novamente.

– De fato, aquele não é o ponto mais adequado. A parada poderia ficar na Holandeses, no sentido Olho D’Água,  e do outro lado, nas alças que vão para o Renascença e para a Ponta D’Areia – disse.

O problema é que muitos trabalhadores da região – inclusive militares da PM – não querem se dar ao trabalho e andar um pouco mais.

Mas, pelo menos, quem precisa saber reconhece que o ponto está em lugar inadequado.s uma prestação de serviço do blog…