1

Prefeitos maranhenses querem esticar mandato até 2022…

Documento encampado pela Federação dos Municípios e entregue à bancada federal do Maranhão defende o cancelamento das eleições de 2020, para que todos os mandatos possam coincidir em eleições gerais

 

WEVERTON COM LIDERANÇAS MARANHENSES: Erlânio Xavier, da Famem, prefeitos, deptuados e senadores

OS PREFEITOS MARANHENSES REIVINDICARAM A DEPUTADOS E SENADORES a defesa da prorrogação dos mandatos atuais, que terminariam em 2020

Um documento entregue à bancada maranhense no Congresso Nacional pela Federação dos Municípios do Maranhão (Famem) pode influenciar nas eleições de 2020.

A entidade, em nome dos prefeitos, defende a realização de eleições gerais em 2022, incluindo o mandatos de prefeito e vereador.

– Reivindico em nome de todos os deputados e senadores para que corroborem com a proposta de prorrogação dos mandatos, para que se possa trabalhar pelo desenvolvimento do Maranhão – disse o prefeito Miltinho Aragão, diretor de representação da Famem em Brasília.

O documento, já em análise dos deputados federais e senadores maranhenses defende o adiamento das eleições de 2020 para 2022.

A discussão sobre a unificação das eleições no Brasil não é nova no Congresso; pela primeira vez, no entanto, uma bancada completa de parlamentares é acionada para defender a tese em bloco.

O debate sobre a unificação foi um dos principais da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que aconteceu semana passada – e que teve os prefeitos maranhenses como protagonistas.

2

Marcha de prefeitos ressalta tamanho político de Weverton Rocha…

Articulador e cicerone dos gestores que foram a Brasília, senador mostrou que é, hoje, uma das principais lideranças do Maranhão, com influência em todos os setores da vida política

 

SENADOR MOSTROU PRESTÍGIO POLÍTICO COM A RECEPÇÃO aos prefeitos e lideranças políticas em Brasília

Foram cerca de 180 prefeitos.

Também estiveram presentes em reuniões, encontros, seminários e eventos políticos o vice-governador Carlos Brandão (PRB), a também senadora maranhense Eliziane Gama (Cidadania), além de deputados federais, estaduais e vereadores de todo o Maranhão.

E todas as conversas, bate-papos, discursos e ações giraram em torno de um personagem principal: o senador Weverton Rocha (PDT).

O SENADOR PARTICIPOU DE TODOS OS EVENTOS com os prefeitos maranhenses; e abriu o gabinete para as lideranças

A reunião de prefeitos e lideranças em Brasília mostrou exatamente o tamanho da dimensão política hoje estabelecida pelo senador pedetista; dimensão esta que o próprio governador Flávio Dino (PCdoB) reconheceu, ao elogiar a unidade da base nos dias da Marcha de Prefeitos.

E o ápice foi um encontro na sede do PDT, em que Weverton reuniu toda a caravana maranhense.

A relação da presença de prefeitos em Brasília com Weverton Rocha é possível de se apontada por um fato simples: ele é o principal aliado e tutor do atual presidente da Famem, Erlânio Xavier (PDT), que foi seu coordenador de campanha.

WEVERTON COM LIDERANÇAS MARANHENSES: Erlânio Xavier, da Famem, prefeitos, deputados e senadores

Quem foi à capital federal – como participante ou acompanhante do evento que reuniu prefeitos – saiu de lá com a sensação de que Weverton está em plenas condições, hoje, de capitanear nova campanha majoritária no Maranhão.

Apontaram-no, portanto, como candidato a governador em 2022.

Mas esta é uma outra história…

Leia também:

Sem imposições, Weverton consolida grupo político…

Articulação de Weverton garante consenso em sua base na Câmara…

Neto Evangelista e Weverton Rocha cada vez mais próximos…

0

Projeto de Hildo Rocha que injeta R$ 6 bilhões nos municípios é debatido durante a Marcha dos Prefeitos

Proposta do deputado maranhense prevê a partilha correta do ISS sobre cartões de crédito e débito, planos de saúde e leasing

 

HILDO ROCHA DISCURSOU AOS PREFEITOS e falou sobre o seu projeto

O deputado federal Hildo Rocha é o autor da emenda que inclui na Lei Complementar 157/2016 a partilha correta  do ISS sobre cartão de crédito e de débito, plano de saúde e leasing.

O parlamentar foi convidado pela Confederação Nacional de Municípios para fazer palestra sobre o tema, durante a realização da XXII Marcha dos Prefeitos a Brasília, ontem.

Mudança relevante

A Lei Complementar 157/2016 alterou a Lei Complementar nº 116, de 2003 (Lei do ISS), que permite ao prestador do serviço eleger o domicílio fiscal para recolhimento do ISS. Significa dizer que, na prática, apenas alguns municípios localizados no Estado de São Paulo eram beneficiados. A emenda de Hildo Rocha muda essa regra.

Recursos para aliviar crise das prefeituras

De acordo com estimativas da Confederação Nacional de Municípios (CNM) a arrecadação anual apenas com serviços prestados pelas administradoras de cartões ultrapassa R$ 2 bilhões. As empresas de arrendamento mercantil geram aproximadamente R$ 4 bilhões), totalizando assim R$ 6 bilhões ao ano, segundo a CNM.

Derrubada dos vetos

A lei foi sancionada com vetos, em 2017. Mas, o parlamentar maranhense se associou à luta travada pela CNM e, diante da forte mobilização de mais de cinco mil prefeitos, na Sessão do dia 01/06/2017 a Câmara Federal derrubou o veto. Dessa forma, o direito dos municípios foi mantido. Mas, a FEBRABAN (Federação Brasileira de Bancos) recorreu ao STF e, por meio de liminar concedida pelo Ministro Alexandre de Moraes, os municípios foram impedidos de receber os repasses.

“A decisão do ministro Alexandre de Moraes suspendendo a eficácia de artigos da lei complementar 157 foi equivocada, pois não há indefinição em relação ao tomador do serviço”, contestou Hildo Rocha.

O deputado informou que o Congresso Nacional já iniciou uma pequena complementação na legislação. “Estou atento, acompanhando e empenhado para que a solução aconteça o mais rápido possível”, enfatizou.

A aprovação da PEC 61 no Senado Federal, que faz mudanças na destinação das emendas impositivas individuais, também foi tema da palestra do deputado Hildo Rocha.

0

Com acesso livre a gabinete, prefeitos ganham espaço com Weverton Rocha…

Senador maranhense inaugurou sala de trabalho que será ocupada por todos os gestores maranhenses em trânsito por Brasília, em articulação com a Famem e o Governo do Estado

 

AO LADO DE DAVI ALCOLUMBRE, WEVERTON CORTA A FITA INAUGURAL DA SALA DOS PREFEITOS, em seu gabinete no Senado

O senador maranhense Weverton Rocha (PDT) deu mais um passo de consolidação da força dos prefeitos maranhenses em Brasília. O pedetista conseguiu montar no próprio gabinete no Senado,  uma sala que será ocupada por qualquer prefeito maranhense em trânsito na capital federal.

– Aqui é um espaço onde os prefeitos poderão trabalhar quando estiverem em Brasília – afirmou Weverton.

A iniciativa inédita na bancada maranhense no Senado, teve o apoio da Federação dos Municípios (Famem) e do próprio Governo do Estado.

O vice-governador Carlos Brandão (PRB) e o presidente da Famem, Erlânio Xavier (PDT), participaram do ato, além da senadora Eliziane Gama (Cidadania), representantes da Mesa do Senado, deputados federais e estaduais maranhenses.

A sal no gabinete de Weverton Rocha visa garantir as condições para que os prefeitos e seus gestores possam realizar reuniões, preparar documentos e acessar por meio digital as informações necessárias para o andamento de projetos e liberação de recursos em Brasília.

– Estou cumprindo o meu compromisso em fazer um mandato municipalista. Nessa ação, em parceria com a FAMEM e com os prefeitos, o objetivo é favorecer as cidades e a população – explicou Weverton, que pôs também sua equipe técnica à disposição dos gestores.

PRESIDENTE DO SENADO DESTACA INICIATIVA DO SENADOR MARANHENSE e aponta como exemplo para os demais senadores

– É um gesto muito grande para os prefeitos do Maranhão o fato de terem uma sala dentro do Gabinete de um senador da República. Ajuda ter uma equipe qualificada para acessar os programas e recursos – avaliou o presidente do senado Davi Alcolumbre (DEM-AP), que participou da inauguração.

Em nome dos prefeitos, o presidente da Famem, Erlanio Xavier, agradeceu o apoio do presidente do Senado e elogiou a iniciativa do senador Weverton em montar um espaço para os prefeitos em seu gabinete.

– Que sirva de exemplo para os senadores do resto do País, para que eles abram seus gabinetes para os prefeitos – afirmou…

0

Em evento da CNM Hildo Rocha diz que novo sistema tributário deve ser prioridade do Brasil

Em pronunciamento para mais de 300 prefeitos e prefeitas durante, encontro promovido pela Confederação Nacional de Municípios (CNM), em Brasília, o deputado federal Hildo Rocha afirmou que está à disposição da entidade para lutar pela pauta municipalista e conclamou os deputados e senadores presentes no evento para se engajaram na luta pela aprovação da PEC da reforma tributária que foi aprovada pela Comissão Especial que tem por finalidade modificar, por completo, o sistema tributário do país.

De acordo com o deputado, a aprovação da PEC da reforma tributária irá fazer com que os 5.570 municípios brasileiros tenham um aumento de aproximadamente 30% nas suas receitas próprias.

“Todas as matérias em pauta, que foram debatidas hoje, são importantes, porém considero a reforma tributária como a de maior prioridade para o Brasil, pois só um novo sistema tributário fará o país voltar a se desenvolver”.

Segundo o parlamentar com a reengenharia do sistema tributário o PIB do país voltará a crescer em média 6% ao ano. “Com esse crescimento, em apenas três anos, colocaremos no mercado de trabalho os 12 milhões de brasileiros desempregados. Os municípios serão coproprietários desse novo sistema e não inquilinos”, afirmou Hildo Rocha.

Grande encontro municipalista

O maior encontro de parlamentares fora do Congresso Nacional ocorreu na sede da Confederação Nacional de Municípios (CNM), com a participação de  195 deputados e senadores municipalistas e dezenas de presidentes de federações estaduais de municípios.

O evento teve como objetivo dar as boas-vindas aos deputados e senadores eleitos, oferecer a estrutura e equipe técnica da CNM para as atividades legislativas, reforçar a pauta prioritária da gestão local e garantir a criação da Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Municípios.

Frente Parlamentar Mista

Para a criação da Frente Parlamentar Mista, são necessárias 198 assinaturas, ou seja, 1/3 dos integrantes da Câmara (171 deputados) e do Senado (27 senadores). Apenas durante o evento, a CNM conseguiu coletar 186.

Compromisso com o municipalismo

Hildo Rocha ressaltou que a sua entrada na política se deu pela porta do municipalismo. “Minha origem política é municipal. Primeiro fui vereador; depois prefeitos, por dois mandatos. Também tive a oportunidade de presidir a Federação dos Municípios do Maranhão (Famem) e fui diretor da CNM.

Em reconhecimento ao trabalho que realizei em todas essas funções, fui eleito para representar o Maranhão no Congresso Nacional. Durante as duas campanhas eleitorais, defendi a bandeira do municipalismo e lutei intensamente participando de comissões, debates e inúmeros eventos de interesse do municipalismo brasileiro”, declarou.

Reconhecimento nacional

Hildo Rocha se destacou pelo trabalho nas principais comissões que tratavam de temas relevantes para o municipalismo. Foi considerado pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) como o deputado federal mais municipalista do Brasil.

“No meu primeiro mandato trabalhei em defesa da pauta municipalista e, neste segundo mandato, não será diferente. Estou à disposição da CNM para ajudar na aprovação das pautas de interesse dos municípios,  da população brasileira e do povo do Maranhão”, afirmou Hildo Rocha.

Engajamento

O presidente da CNM, Glademir Aroldi, agradeceu o engajamento dos deputados e senadores municipalistas, também dos presidentes das 27 entidades estaduais, da diretoria da CNM e de membros do Movimento Mulheres Municipalistas (MMM), que estavam representadas no evento.

“O mundo está caminhando para o fortalecimento da gestão local. Não tem outra maneira de prestar serviços públicos de qualidade para a população que não seja pela administração municipal”, garantiu Aroldi.

1

Confirmada disputa entre Tema e Erlânio na Famem…

Candidatos inscreveram suas chapas para concorrer à presidência da Federação dos Municípios; eleição marcada para o próximo dia 30

 

Cleomar Tema no registro de sua candidatura

Os prefeitos Cleomar Tema Cunha (PSB) e Erlânio Xavier (PDT) confirmaram ontem suas chapas para a disputa pelo comando da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem).

Eles vão concorrer à presidência da entidade.

Erlânio com os membros de sua chapa ao registrar candidatura

O debate entre Cleomar Tema e Erlânio Xavier começou equilibrado, ficou bem tenso, mas hoje caminha para um conceito de “que vença o melhor”.

E é este o clima que os outros 215 prefeitos querem que prevaleça na Famem…

1

Eleição na Famem: Tema convoca coletiva para esta sexta-feira…

Faltando 15 dias para a eleição, atual presidente da entidade e candidato à reeleição vai conversar coma  imprensa sobre os últimos acontecimentos relacionados à disputa com o prefeito Erlânio Xavier

 

Dutra e Tema: pregação pela unidade na Famem

O presidente da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem), Cleomar Tema Cunha (PSB), convocou a imprensa para uma entrevista coletiva nesta sexta-feira, 18.

Ele deve falar sobre os últimos acontecimentos envolvendo a disputa com o também prefeito Erlânio Xavier (PDT).

Na tarde de ontem, Tema recebeu o apoio do prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra (PCdoB), que pregou a unidade entre os prefeitos.

A coletiva de Tema foi convocada para as 15 horas, na sede da Famem.

A eleição na entidade acontece no próximo dia 30…

0

O poder de articulação de Erlânio Xavier…

Prefeito de Igarapé Grande já havia mostrado força política e pessoal ao levar o deputado federal Weverton Rocha a quase 2 milhões de votos para o Senado; agora, mobiliza prefeitos pela presidência da Famem

 

Erlânio com os prefeitos reunidos em encontro; basta conferir um por um…

Os números divergem entre os que cobriram o evento desta quarta-feira,16, presidido pelo prefeito de Igarapé Grande, Erlânio Xavier (PDT).

Mas nenhuma notícia aponta menos de 120 prefeitos no encontro organizado pelo pedetista, número suficiente para garantir-lhe a vitória nas eleições da Famem, em 30 de janeiro.

Oficialmente, a assessoria do próprio Xavier contabilizou 126 prefeitos, ressalvando que podem chegar a 163.

Independentemente do total de apoio que tem o prefeito de Igarapé Grande, ele sai do processo eleitoral na Famem como liderança estadual.

O prefeito em seu discurso de unidade na Famem em prol do municipalismo: prefeitos entenderam o momento

Erlânio coordenou a vitoriosa campanha do deputado federal Weverton Rocha (PDT) ao Senado, que alcançou quase 2 milhões de votos, a maior votação da história no Maranhão.

Só este fato já o credenciaria a liderar o municipalismo maranhense, independentemente de apoio ou não de forças externas ao processo que envolve prefeitos.

E é isso que os colegas prefeitos parecem ter entendido.

Simples assim…

0

Prefeitos destacam conquistas da FAMEM e declaram voto em Cleomar Tema

“Voto no presidente Tema pela sua recondução ao cargo de presidente da FAMEM pelas conquistas que a entidade viabilizou para o municipalismo sob o comando dele. É um dirigente bastante empenhado no seu trabalho, um homem do diálogo e que agora acaba de abrir um importante canal de diálogo junto ao Governo Federal. Já esteve com o ministro chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, general Santos Cruz e com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, viabilizando recursos para os nossos municípios”.

Estas foram as declarações do prefeito de Santa Luzia do Paruá, Plácido Holanda. Ao engrossar o bloco de apoio ao presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), Cleomar Tema, na disputa por ,mais um mandato à frente da entidade, cujo pleito acontecerá no próximo dia 30. Ele fez a afirmação na manhã desta quarta-feira (16), na sede da instituição, onde outros colegas seguiram a mesma linha.

Djalma Melo, prefeito de Arari, também manifestou seu apoio a Cleomar Tema, seguindo o mesmo raciocínio de Plácido Holanda. Afirmou que Cleomar Tema é o melhor para a Federação, uma vez que já mostrou serviço, cujos resultados estão transparentes, como a nova sede, a Escola de Gestão Municipal e outros avanços.

O prefeito de Mirador, Roni, foi outro que anunciou apoio a Cleomar Tema, acrescentando que as ações por ele desenvolvidas têm repercussão em todo o Estado. “Ele é muito organizado, muito trabalhador e um político de larga visão. Conta com meu voto e não tenho dúvidas de que será reeleito mais uma vez.

A exemplo de Cleomar Tema, o prefeito de Parnarama, Raimundo Silveira está no quinto mandato. Esteve na FAMEM para confirmar seu apoio ao colega, enfatizando que a entidade abre espaços e tem muitas conquistas sob a direção de Tema. “Ele é preparado, já mostrou sua capacidade e, por isso, voto com ele”, assinalou.

0

Sem interferência externa, prefeitos têm liberdade na eleição da Famem…

Com o anúncio de que o governador Flávio Dino e o senador eleito Weverton Rocha não vão atuar em favor de nenhum dos dois candidatos a presidente, associados poderão escolher com base no prestígio de cada um deles

 

Erlânio Xavier vão disputar prestígio próprio na eleição para o comando da Famem, em 30 de janeiro

O governador Flávio Dino (PCdoB) e o senador eleito Weverton Rocha (PDT) já anunciaram que não pretendem interferir na disputa pelo comando da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem).

Primeiro foi Rocha, que reafirmou sua relação partidária e de amizade com o prefeito de Igarapé Grande, Erlânio Xavier (PDT), mas reiterou não pretender pedir votos nem mesmo aos aliados de legenda.

– Quem vota são os prefeitos – afirmou o senador eleito, segundo o blog Atual7. (Leia aqui)

Ontem, foi a vez do próprio Flávio Dino – principal aliado do prefeito de Tuntum, Cleomar Tema (PSB) – anunciar que não pretende “interferir na eleição da Famem“, conforme noticiou o blog Marrapá. (Veja aqui)

Com o caminho aberto para os dois candidato, cada um usará seu próprio prestígio em busca dos votos dos 215 colegas prefeitos.

E quem tiver maior poder de articulação será eleito em 30 de janeiro…

Leia também:

Famem Livre, Famem forte…

Cleomar Tema reúne novos apoios na Famem…

Erlânio Xavier reunirá imprensa para mostrar propostas…