1

Braide soma quase 100 mil votos com alianças no 2º turno…

Levando em consideração o número de votantes no primeiro turno e a pesquisa do Ibope divulgada na sexta-feira, 20, candidato do Podemos salta de 193.518 votos no primeiro turno para 287.656 votos, consolidando favoritismo

 

Alianças como a de Neto Evangelista somaram a Braide quase 100 mil votos, suficientes para manter a dianteira sobre Duarte Júnior

Líder absoluto no primeiro turno das eleições de São Luís, com 37,81% dos votos, o candidato do Podemos, Eduardo Braide, saltou quase 17 pontos percentuais no primeiro turno com as novas alianças no segundo turno.

Levando em consideração o total de eleitores votantes no primeiro turno (553.499), ele passaria de 193.578 votos no primeiro turno para 287.656 votos no segundo turno; são mais de 94 mil votos em uma semana.

Braide conseguiu apoios importantes, sobretudo de ex-candidatos a prefeito, como Neto Evangelista (DEM), que se engajou diretamente em sua campanha, e Dr. Yglésio (sem partido).

Neto alcançou sozinho 83.138 votos no primeiro turno, ficando na terceira posição;  Yglésio somou 9.816 votos.

Além da aliança com os candidatos a prefeito, Eduardo Braide ganhou apoio também de importantes vereadores, como o presidente da Câmara Municipal, Osmar Filho (PDT), mais votado em São Luís, com 7.447 sufrágios.

Aplicando-se a mesma estimativa para Duarte Júnior, encontra-se o candidato do Republicanos com 245.246 votos no segundo turno, levando em conta os números do Ibope e o total de votantes no primeiro turno.

É um crescimento expressivo, mas insuficiente para superar o total de votos de Braide, que, por esta estimativa, venceria a eleição de domingo.

Importante, portanto, a política de alianças construída pelo candidato do Podemos no segundo turno de 2020

O que não havia ocorrido em 2016….

0

Debates recomeçam nesta terça-feira…

Faltando seis dias para o segundo turno, Eduardo Braide e Duarte júnior vão se enfrentar ao longo da semana em programas a serem exibidos, respectivamente, pela TV Guará, TV Band e TV Mirante

 

Eduardo Braide e Duarte Júnior estarão frente à frente em debates sucessivos ao longo da semana

Os candidatos Eduardo Braide (Podemos) e Duarte Júnior (Republicanos) terão três de confrontos olho-no-olho nesta semana que antecede o segundo turno das eleições de São Luís.

Nesta terça-feira, 24, eles vão participar do debate na TV Guará, marcado para as 21 horas.

No dia seguinte, também às 21h, os dois voltam a se enfrentar na TV Band.

E o encerramento da temporada de debates se dará na sexta-feria, 27, com o debate da TV Mirante,

Os programas podem influenciar diretamente no resultado do pleito, que tende a se acirrar ao longo da semana.

Todos os programas serão transmitidos ao vivo para todo o estado…

0

Assis Ramos denuncia interferências nas eleições de Imperatriz

Logo após a vitória nas urnas, no último domingo, 15, prefeito reeleito veio a São Luís para apresentar denúncias contra policiais militares ao Comando Geral da PMMA; e cobrar explicações do Ministério Público sobre vazamento de documentos sigilosos

 

Na sede do Ministério Público, Assis Ramos cobrou explicações para documentos sigilosos que foram usados por seus adversa´rios na tentativa de interferir no pleito

Reeleito no último domingo, 15, o prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM), nem teve tempo de comemorar a vitória; aproveitou a semana pós-eleições para denunciar tentativas de interferência na disputa.

Primeiro, o prefeito foi à Procuradoria-Geral de Justiça cobrar do procurador Eduardo Nicolau explicações para o vazamento de documentos que deveriam ser sigilosos, mas foram usados por adversários às vésperas do pleito.

– Pedi esclarecimentos de como documentos que deveriam ser sigilosos, oriundos do MPE, foram expostos às vésperas das eleições. Oportunidade em que ele me garantiu a apuracão imediata de tal fato – contou o prefeito.

Assis Ramos denunciou ao comando da PMMA tentativas de policiais interferirem no processo eleitoral de Imperatriz

Assis Ramos foi também, ao comando geral da Polícia Militar; denunciou os PMs Janilson Lindoso e Celso Russo por crime de calúnia, difamação e injúria.

Em 2016, major Janilson foi protagonista de um episódio que acabou beneficiando a eleição do próprio Assis, ao ser preso por se recusar a fazer campanha para a candidata do governador Flávio Dino (PCdoB). (Relembre aqui e aqui)

O sargento Celso Russo é membro do serviço de informações da PM, chegou a trabalhar no Gaeco, do Ministério Público, e tem forte atuação nas redes sociais.

Preparando-se para a posse do segundo mandato, Assis Ramos espera que as instituições esclareçam a participação de seus membros na tentativa de influenciar o pleito em Imperatriz.

6

A ameaça de Flávio Dino e aliados ao povo de São Luís

Governador, ex-candidatos, parlamentares, secretários de governo e jornalistas ligados ao Palácio dos Leões tentam diariamente chantagear lideranças e eleitores a votar no candidato Duarte Júnior, sob pena de sofrer represálias

 

Dino tem usado todas as formas de ameaças – abertas e veladas – para tentar constranger o eleitor a votar em seu candidato em São Luís

As hostes do governador Flávio Dino (PCdoB) ultrapassaram todos os limites da democracia neste segundo turno em que o comunista decidiu apoiar o candidato Duarte Júnior (Republicanos).

Desde a declaração de apoio de Dino, ainda no domingo, 15, ele próprio, seus auxiliares, seus aliados e até jornalistas vinculados ao Palácio dos Leões passam o dia com ameaças aos que se decidiram por Eduardo Braide (PDT).

Primeiro foram os secretários Felipe Camarão (Educação) e Rodrigo Lago (Comunicação), que ameaçaram mandar pro inferno e tentaram colar em Braide a imagem de bolsonarista que o próprio Duarte assumiu em discurso.

Em seguida, o ex-candidato Rubens Júnior (PCdoB) ameaçou os eleitores de São Luís, dizendo que, sem Duarte, Dino não iria mais apoiar as ações da prefeitura na capital maranhense.

A atitude dos dinistas gerou reação até de aliados do próprio governo.

– Quer dizer que o governo pode abrigar na sua base toda espécie de fauna e flora da extrema-direita bolsonarista, mas ninguém tem o direito de ousar pensar diferente do chefe? – questionou o ex-secretário de Esportes Márcio Jardim.

Nesta segunda-feira, 23, a chantagem começou em blogs ligados ao Palácio, que replicaram ameaças abertas de demissões de auxiliares do governo que não declararam voto em Duarte Júnior.

A informação publicada nestes blogs dinistas servem, inclusive, de prova de uso da máquina em favor do candidato do Palácio dos Leões. (Veja aqui e aqui)

Mas mostra também até que ponto está disposto a ir Flávio Dino para manter, a qualquer custo, o poder político  em São Luís.

Numa grave ameaça às liberdades democráticas…

0

Roberto Costa e Fábio Câmara juntam forças por Braide no Centro

Ao lado do ex-candidato Neto Evangelista, deputado estadual e ex-vereador mobilizam a militância de suas bases eleitorais e consolidam o favoritismo do candidato do Podemos na região

 

Roberto Costa com Fábio Câmara, Braide e Neto levaram milhares de pessoas para evento de campanha na região do Centro

O deputado estadual Roberto Costa (MDB) e o ex-vereador Fábio Câmara (PDT) somaram forças na última sexta-feira, 20, numa das maiores concentrações populares deste segundo turno em favor do candidato Eduardo Braide (Podemos).

Ao lado do ex-candidato Neto Evangelista (DEM) – que tem sido um dos mais ativos apoiadores de Braide – Costa e Câmara reuniram suas militâncias na região do Centro e mostraram a  força do candidato do Podemos.

Em discurso emocionado, Fábio Câmara destaca papel de Roberto Costa em sua vida e emociona candidatos e populares

Roberto Costa e Fábio Câmara começaram a vida pública juntos, no MDB, ainda no início dos anos 2000; esta eleição de 2020 foi a primeira em que os dois somaram forças desde o primeiro turno, primeiro na campanha de Neto; agora, com Braide.

A junção de aliados deu a Braide um dos maiores movimentos desde segundo turno.

E consolidou o candidato como favorito para vencer as eleições de domingo…

6

Maior corrente do PT, CNB declara apoio a Braide…

Ala petista declara em nota que o candidato do Podemos tem votado alinhado à esquerda na Câmara Federal; Por outro lado, Duarte Jr. declarou-se publicamente candidato do partido de Bolsonaro

 

A corrente Construindo um Novo Brasil (CNB), a maior do PT,  declarou nesta sexta-feira, 20, apoio público à candidatura de Eduardo Braide (Podemos).

Em nota, a CNB ressalta que Duarte Junior oferendei o candidato Rubens Jr, representante da esquerda, e se declarou publicamente do partido de Bolsonaro.

A corrente CNB é a mesma do ex-presidente Lula; e é a maior do PT em todo o Brasil.

Abaixo a nota:

*RESOLUÇÃO DA CNB-MA SOBRE O SEGUNDO TURNO EM SÃO LUÍS*

O segundo turno das eleições de São Luís exige das forças do campo democrático e popular uma profunda reflexão acerca da conjuntura que se desenhou no pleito da capital.

Finalizado o primeiro turno em 15 de novembro, têm-se na disputa eleitoral do segundo turno dois candidatos que integram partidos da base aliada do governo federal: Eduardo Braide e Duarte Júnior.
Braide é do Podemos e Duarte é do Republicanos. Ambos os partidos não possuem alinhamento ideológico com o PT ou com o campo democrático-popular.

Ao analisar meticulosamente quem apoiar neste segundo turno, o PT e as demais forças de esquerda devem considerar que não se trata de uma opção meramente ideológica, posto que ambos os candidatos não possuem afinidade política com o campo democrático-popular.

O candidato Duarte Júnior, que abandonou as fileiras do PCdoB para se filiar ao partido dos filhos de Bolsonaro (Republicanos), já fez declaração pública – como se fosse motivo de orgulho – de que integra o partido da base aliada de Jair Bolsonaro, usando tal discurso como meio de conquistar apoio político e votos. Outrossim, o candidato Duarte desferiu recentemente ataques ao então candidato do PCdoB à prefeitura, Rubens, e à militância do partido, fazendo insinuações pejorativas e referendando uma posição antipartidária de negação da política.

É importante destacar também que o candidato Eduardo Braide tem adotado uma posição independente na Câmara dos Deputados, tendo votado contrariamente à orientação do governo Bolsonaro em temas importantes como a Reforma da Previdência, o Novo Marco Legal do Saneamento Básico, MP da flexibilização das regras trabalhistas durante a pandemia e o Novo FUNDEB, matérias em que Eduardo Braide se posicionou da mesma forma que a bancada do PT.

A análise sobre o segundo turno deve ser político-eleitoral, com o fito de buscar concretizar um modelo de gestão que seja capaz de desenvolver São Luís e garantir melhorias para a nossa população, sobretudo a mais pobre.

No que se refere à política de alianças, o Podemos em Recife já declarou apoio à candidata Marília Arraes, do PT, no segundo turno, o que reforça a tese de que esse novo momento eleitoral reúne forças e projetos opostos em torno de uma causa maior, que é o desenvolvimento e o bem-estar das cidades e do seu povo.

É legítimo que o PT, seus militantes e lideranças, ou qualquer partido progressista, façam a opção política de apoiar qualquer dos candidatos a prefeito de São Luís, visto que não se trata de uma disputa com a presença de figuras que representam o campo popular e democrático que a esquerda integra.

Cumpre destacar, desde já, o compromisso da CNB – Maranhão com o Governador do Estado, e o projeto que ele representa para a esquerda brasileira, motivo pelo qual ressaltamos o nosso total apoio ao futuro candidato de Flávio Dino ao governo do Maranhão, por entender que é preciso dar continuidade ao ciclo de avanços e conquistas que transformaram a vida do povo maranhense e garantiram mais dignidade aos mais pobres através do Governo Dino.

Diante deste cenário, a CNB Maranhão DECIDE declarar apoio ao candidato Eduardo Braide (Podemos) neste segundo turno, por acreditar que ele é o mais preparado para gerir São Luís e garantir melhores condições de vida para a população, e, principalmente, por ter assumido o compromisso de efetivar políticas que dialogam diretamente com o modo petista de governar, tendo como princípios basilares a luta contra as desigualdades e a defesa da justiça social.

São Luís, 20 de novembro de 2020.

CNB – Maranhão
Coordenação

3

Braide vence Duarte, aponta Ibope

Candidato do Podemos supera o adversário do governo Flávio Dino com diferença de oito pontos percentuais

 

Eduardo Braide mantém liderança na disputa pela Prefeitura de São Luís

O deputado federal Eduardo Braide (Podemos) será eleito prefeito de São Luís no próximo dia 29.

É o que aponta pesquisa Ibope divulgada na noite desta sexta-feira, 20, pelo JM-TV2, da TV Mirante.

Faltando uma semana para o pleito, Braide tem 54% e Duarte Jr. 46%.

O índice de votos nulos e brancos somam 9%.

A pesquisa Ibope consolida abria-se na liderança, mesmo depois de o governador Flávio Dino (PCdoB) assumir diretamente a campanha de Duarte.

Uma nova pesquisa Ibope deve ser divulgada antes do debate de quinta-feira, 26.

0

Denúncias de compra de votos e outros crimes eleitorais em João Lisboa

MDB representa contra Coligação de Vilson Soares por captação ilícita de voto e Abuso do Poder Econômico nas eleições do último dia 15

 

O auto de apreensão da polícia é prova da conduta vedada nas eleições de João Lisboa

Várias denúncias estão sendo feitas contra a coligação “João Lisboa não pode parar”, do candidato Vilson Soares (PDT), de captação ilícita de sufrágio ou compra votos, além de outros crimes eleitorais.

As denúncias e até mesmo flagrantes , já são de conhecimento da Promotoria Pública Eleitoral e, segundo o Promotor Fábio Henrique Mendes, tudo está sendo apurado e dentro dos prazos regimentais serão divulgados os resultados dessas apurações com a consequente tomada de providências amparadas pela legislação. 

“Tomamos conhecimento dessas denúncias e solicitamos apuração. Toda e qualquer notícia de crimes eleitorais que nos chegarem serão apurados, antes mesmo de qualquer representação já estávamos solicitando apuração”, disse o Promotor.

O dinheiro e os santinhos apreendidos pela polícia

Um desses casos, gravíssimos, foi flagrado pela própria polícia e se encontra registrado na delegacia local. Consta, segundo ROP 1203 da ocorrência feita pela Polícia Militar do Maranhão, guarnição de João Lisboa, sob o comando do Cabo PM Stênio, que a polícia foi informada via celular que pessoas estavam praticando crime de compra de votos pela cidade, com maior número de denúncias no bairro Norte Sul, então os mesmos em ronda nesses locais avistaram duas motocicletas com atitudes suspeitas e logo que avistaram a viatura empreenderam fuga havendo perseguição até que os suspeitos adentraram a uma chácara para se esconder, porém foram localizados escondidos atrás de um pé de manga.

Com um dos conduzidos, Samuel dos Santos Bezerra, foi encontrado uma grande quantidade de dinheiro e material de campanha, tais como santinhos e a chamada “cola” que geralmente o eleitor menos alfabetizado leva para a cabine eleitoral. O mesmo foi conduzido até o plantão central onde foi autuado em flagrante.

A cópia da ação de investigação interposta pelo diretório do MDB no município

Na manhã desta terça-feira,17, o Diretório Municipal do Partido Movimento Democrático Brasileiro, MDB, deu entrada na Justiça Eleitoral com uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral de Abuso de poder econômico, por parte da coligação encabeçada pelo candidato Vilson Ferreira Lima e outros.

Outras coligações que se dizem prejudicadas com o resultado do pleito, em destaque a do Dr. Fábio Holanda (PV), prometem entrar com ações questionando o resultado do pleito e solicitando o impedimento da diplomação do primeiro colocado, Vilson Lima, segundo apuração da Justiça Eleitoral.

Por Josué Moura

6

Apoiado por Flávio Dino, Duarte declara: “sou do partido de Bolsonaro”

Vídeo com discurso do candidato do partido Republicanos – que pertence aos filhos do presidente – veio à tona esta semana e mostra um entusiasmado deputado falando da relação com o Governo Federal

 

O discurso de Duarte Júnior para bolsonarista; hoje sou do partido de Bolsonaro”, afirma

Hoje, eu sou do partido republicanos, partido 10, partido da base do Governo Federal, partido da base do governo Bolsonaro”.

Foi assim que o deputados estadual Duarte Júnior se apresentou a um grupo de lideranças políticas – deputados, líderes partidários e até o vice-governador Carlos Brandão – logo assim que recebeu o aval do Republicanos (ex-PRB) para concorrer a prefeito de São Luís.

O discurso tinha o objetivo de mobilizar a massa bolsonarista e garantir índices nas pesquisas de intenção de votos a Duarte, até então ainda lutando para ser candidato a prefeito.

Duarte Júnior conseguiu a indicação, foi registrado candidato e ainda chegou a se reunir com aliados de Bolsonaro no Maranhão, mas foi aconselhado a deixar o discurso de lado para não ferir o governador Flávio Dino (PCdoB).

Tanto que os próprios comunistas passaram o primeiro turno a chamá-lo de candidato de Bolsonaro.

Mas o vídeo desapareceu da campanha e dos arquivos das redes sociais do candidato.

Esta semana, logo após Flávio Dino declarar apoio ao ex-auxiliar e tentar vender ao eleitor que o adversário Eduardo Braide é o candidato de Bolsonaro em São Luís, o vídeo voltou à tona. (Veja acima)

No ato de filiação ao Republicanos, Duarte Júnior recebeu alguns dos expoentes de Bolsonaro em Brasília, entre eles o candidato derrotado a prefeito de São Paulo, Celso Russomanno (à esquerda do candidato)

O PRB, ao qual Duarte é filiado, é ligado à Igreja Universal do Reino de Deus, aliada de Bolsonaro, e tem como líderes dois dois filhos do presidente, os irmãos Flávio e Carlos Bolsonaro.

Na filiação de Duarte, vários candidatos de Bolsonaro aparecem, como o deputado federal Celso Russomanno, derrotado em São Paulo.

Desde que o vídeo voltou ´[a tona, Duarte Júnior e o PRB tentam usar a Justiça Eleitoral para bani-lo das redes sociais e dos aplicativos de troca de mensagens.

Assista, portanto, enquanto é tempo…

1

Flávio Dino e seus garotos são patéticos…

Cercado de jovens candidatos a capitão do mato – dispostos a perseguir quem não seguir o chefe – governador parece não se dar conta de que seus dias seguem para o fim, momento em que precisaria provar que é um líder de verdade

 

Rubens Júnior ameaça perseguir aliados que não querem apoiar Duarte, o primeiro a persegui-los, inclusive o próprio Rubens

Por Roberto Kenard

Ao declarar apoio à candidatura de Duarte Júnior, o candidato pífio do governador, Rubens Júnior, ameaçou: quem for apoiar Eduardo Braide passará a ser adversário do governador Flávio Dino.

Esses garotos inexperientes e candidatos a coronéis do mato precisam levar umas palmadas e dormir debaixo da rede de quem entende de política. Então, vamos lá, dar uma aulinha de política para eles.

Flávio Dino tem só mais ano e meio de governo. Como não terá a reeleição pela frente, irá se desincompatibilizar para concorrer ao Senado ou para se aventurar na disputa de vice-presidente.

Ou seja, a disputa pelo governo do Maranhão em 2022 não passa por suas mãos.

A partir de 2022 ele dependerá do vice tornado governador, Carlos Brandão. Fazer chantagem ou perseguir aliados será, assim, mais um tiro no próprio pé.

Por que aliados decidiram apoiar Eduardo Braide sem medo?

É o primeiro sinal de que o governador começa a perder importância.

Por não poder mais se reeleger, quem ganha musculatura e importância são os aliados. Tratá-los mal é burrice.

Quem acha que se rebaixando irá ser escolhido como candidato a governador não sabe absolutamente nada de política.

Flávio Dino mostra-se, mais uma vez, pequeno demais para o papel de líder.

Logo, logo a realidade baterá à sua porta com a notícia indigesta: – Você não é líder, é só um governador.

E vai passar ao fim do mandato como todos os que foram insignificantes.