0

Imagem do dia: Centro Histórico “fechado” pra balanço…

Blitz de órgãos públicos começaram desde ontem a fechar casas de festas e bares que não dispunham das licenças necessárias, em mais uma ação para impedir confusões envolvendo vândalos na área turística de São Luís

 

A imagem acima foi registrada na noite desta quinta-feira, 5

Uma força-tarefa do Ministério Público, da Blitz Urbana, Polícia Militar, Corpo e Bombeiros e Delegacia de Costumes começou a fechar bares e casas de festas sem licença na região do Centro Histórico.

A ação visa coibir a presença de vândalos e pessoas violentas na região considerada de forte apelo turístico.

A operação terá continuidade nesta véspera de feriado da sexta-feira, 6…

1

O grande desafio de Diego Galdino…

Jovem secretário do governo Flávio Dino deve assumir a Caema, empresa líder em ineficiência nos serviços públicos e campeã de reclamações de consumidores

 

Diego Galdino como titular do Turismo; a missão agora é bem mais árida

Destaque da equipe do governador Flávio Dino (PCdoB) no primeiro mandato, o secretário de Cultura e Turismo Diego Galdino deve assumir um dos maiores desafios de sua precoce carreira na vida pública.

Ele deve assumir a Companhia de Águas e Esgotos do Maranhão (Caema), com a missão de tirar a empresa da lista das piores do serviço público no Maranhão.

Como titular do turismo e da cultura, Galdino deixa um legado importante, com o fortalecimento do Carnaval e o aumento na atração de turistas. (Entenda aqui e aqui)

Agora, terá que transformar uma empresa campeã de reclamações em campeã de eficiência em gestão, coisa que muitos especialistas na área não conseguiram.

Para isso, tem a confiança do próprio Flávio Dino…

2

LATAM vai mesmo cancelar voos diretos São Luís-Rio…

Entidade ligada ao setor turístico diz que o problema foi causado pela alta taxa de impostos cobrados pelo governo Flávio Dino; secretário de Turismo rebate e culpa a crise econômica no Rio de Janeiro

 

Voos da LATAM para o Rio serão encerrados em fevereiro

A empresa aérea LATAM anunciou a suspensão dos voos diretos entre São Luís e Rio de Janeiro,a partir de 1º de fevereiro.

A informação é da Destination Maranhão, entidade ligada à promoção do turismo no estado.

De acordo com o presidente da organização, Francisco Neto, a empresa de aviação teria proposto ao governo Flávio Dino (PCdoB) a redução do ICMS do combustível aéreo em troca do aumento no número de voos, mas teve o pleito negado.

– O aumento de impostos e a falta de diálogo com o empresariado, trará resultados negativos a economia maranhense – afirma Neto.

De acordo com ele, só a GOL vai continuar operando voos diretos para o Rio de Janeiro a partir da data que a LATAM encerrar seus voos.

O secretário de Cultura e Turismo do Maranhão, Diego Galdino, rebate a informação e diz que a própria LATAM informou a ele que o cancelamento do voo direto se deu pela grave situação econômica do Rio de Janeiro.

– Em contato com a comercial da Latam, Letícia Pimentel, ela nos respondeu que o voo para o Rio de Janeiro foi cancelado devido a grave situação econômica, fiscal e de segurança pública enfrentada por aquela cidade. O Rio está com vários meses de salários atrasados para aposentados (…), não pagando seus fornecedores. Isso acabou afetando o fluxo de turistas dos segmentos de negócios e lazer, fazendo com que a companhia aérea tomasse a decisão de encerrar os voos diretos partindo do Rio para várias capitais – afirmou o secretário, segundo o blog de Daniella Bandeira. (Leia aqui)

O curioso nesta explicação é que outras capitais que também fazem voos diretos para o Rio de Janeiro não tiveram sua malha aérea cancelada, apenas São Luís.

– Enquanto os estados do Ceará e Pará fizeram a redução no ICMS do querosene de aeronaves e ganharam mais voos domésticos e internacionais (Miami, Portugal, Orlando, etc.) o Maranhão está na contramão do processo e impede o crescimento no número de turistas – pontua o presidente da Destination Maranhão.

Segundo ele, ainda há o risco de a LATAM reduzir ainda mais voos, caso o valor do imposto continue tornando inviável a operação de viagens.

Com a palavra o governo Flávio Dino…

2

Após investimentos de Edivaldo, São Luís vira tendência de turismo no país…

Site Viajala destaca que a capital maranhense aumentou em 100% as buscas como destino turístico no Brasil; recuperação do Centro Histórico e apoio a eventos reforçam o interesse internacional

 

BELEZA HISTÓRICA. A fonte da Mãe D’Água é um dos pontos turísticos de São Luís reformados na gestão de Edivaldo Júnior

O interesse turístico por São Luís aumentou 106% em 2018, segundo avaliação do site Viajala. A busca por passagens para a capital maranhense foi destacada pelo jornal O Globo, que apontou o destino como tendência para 2019.

Coincidência ou não, o aumento do interesse por São Luís ocorre no momento em que a gestão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) reforça ações no setor de turismo, sobretudo com a reforma do Centro Histórico.

O prefeito deve concluir até o início de dezembro, em parceria com o Iphan, a reforma completa de todo o complexo que envolve a Praça Deodoro, Praça do Panteon e suas alamedas; Rua Grande e Praça Pedro II, revitalizando toda a região.

EVENTOS EM DESTAQUE. Sarau histórico na região do Centro, com a presença do prefeito, familiares e aliados políticos

Além das ações estruturais, a atual gestão investe em projetos como a Feirinha São Luís, o Sarau Histórico, a Feira do Livro e outros projetos que movimentam o Centro Histórico e a região das praias.

Para chegar aos destinos-tendências de 2019, o site Viajala avaliou 47 milhões de buscas feitas em setembro, além do comportamento do viajante…

2

Hildo Rocha integrará intercâmbio com a República Dominicana…

O deputado federal Hildo Rocha foi convidado para integrar o Grupo Parlamentar de Amizade entre Brasil e República Dominicana.

O convite foi oficializado durante encontro do parlamentar com o embaixador Alejandro Arias Zarzuela.

– Vamos programar visitas de representantes de agricultores familiares para que eles possam conhecer as experiências que estão dando certo na República Dominicana, especialmente no que se refere a ações que ajudam a melhorar a qualidade da produção e aumento da renda dos pequenos produtores rurais daquele país – destacou Rocha.

Comércio e Turismo

O deputado destacou ainda a intenção de contribuir para o intercâmbio nos setores comercial turístico.

– A República Dominicana possui excelentes atrações turísticas, como é o caso de Punta Cana, região de belas praias tanto na costa do mar do Caribe e também do Oceano Atlântico, balneários muito visitados por turistas do mundo inteiro. Então, podemos levar turistas brasileiros, e maranhenses, em especial e também trazer visitantes dominicanos para conhecerem as belezas naturais do nosso Estado – ressaltou o parlamentar.

0

Turismo capenga!!! bares da Litorânea agora têm rodízio de água…

Caema decidiu abastecer bares, hotéis e restaurantes apenas dia sim, dia não, interrompendo o fornecimento em pleno horário de atendimento, em uma área que funciona – ou deveria funcionar – 24 horas, todo dia da semana

 

DESESTÍMULO. Já perseguidos por Ministério público, DPU e Iphan, bares agora terão água dia sim, dia não…

Numa cidade em que as estruturas turísticas são cada vez mais jogadas de lado, a Caema decidiu tornar ainda mais difícil a realidade de que frequenta ou trabalha na orla.

Na avenida Litorânea – que abrange as praias do Olho d’água, Calhau e São Marcos – só terá água, agora, a  cada dois dias.

O rodízio de água começou na semana que passou, prejudicando restaurantes, bares, hotéis e pousadas, que precisam do líquido para garantir o atendimento e a higiene do que servem.

Leia também:

Proibição de reveillon na Litorânea: mais uma tolice do MP…

Pela regularização de bares da Litorânea…

Posto de salva-vidas é demolido na Litorânea…

 

ABANDONO…enquanto isso, esgotos como este continuam a escorrer pelas praias de São Luís

Numa área que já sofre com o despejo in natura de esgotos, a escassez de água é a decretação do fim do turismo em São Luís.

Um belo olhar para o desenvolvimento…

0

Hildo Rocha articula ação para o turismo de São José de Ribamar…

Deputado federal ouviu garantias do ministro Max Beltrão durante audiência em que esteve acompanhado do prefeito do município

 

Hildo Rocha com o prefeito de Ribamar no Ministério do Turismo

São José de Ribamar irá receber, provavelmente ainda este ano, recursos do governo federal para investimentos na melhoria da infraestrutura do turismo do município.

A garantia foi dada pelo Ministro Marx Beltrão, durante audiência com o deputado federal Hildo Rocha (PMDB) e o prefeito Luis Fernando (PSDB).

– São José de Ribamar é a terceira maior cidade maranhense, em termos populacionais. Possui as melhores praias do nordeste brasileiro e tem o santuário que dá nome à cidade e que também é o padroeiro do Maranhão. Anualmente mais de um milhão de turistas visitam São José de Ribamar. Mas, atualmente os acessos às praias estão muito ruins e o município necessita de investimentos para revitalizar o setor – declarou Hildo Rocha.

Além dos recursos do ministério, Hildo Rocha também garantiu emenda parlamentar destinada ao município.

0

Hildo consegue recursos para infraestrutura do turismo de Carolina e Porto Franco…

O deputado federal Hildo Rocha (PMDB) recebeu do Ministro do Turismo, Marx Beltrão, a garantia de que os municípios de Carolina e Porto Franco serão beneficiados com recursos do governo federal para melhorias na infraestrutura turística. O anúncio aconteceu durante audiência do parlamentar com o ministro e os prefeitos Erivelton Teixeira (Carolina) e Nelson Horácio (Porto Franco).

– Os prefeitos mostraram ao ministro as potencialidades dos dois municípios e destacaram a necessidade de captar recursos para investir na melhoria da infraestrutura. Carolina está no mapa turístico do Brasil. Entretanto, para melhorar a atividade necessita fazer a urbanização da entrada da cidade e melhorar os acessos às lindas e belíssimas cachoeiras existentes no município. A cidade de Porto Franco também possui grandes atrativos, mas também carece de infraestrutura apropriada para desenvolver a atividade – declarou o deputado. (Veja o vídeo)

6

Faltou o mergulho, Flávio Dino…

Este blog já disse que incentiva os laudos de balneabilidade como instrumento de aferição da qualidade das praias de São Luís. E o governador faz bem em divulgar e virar, ele próprio garoto-propaganda, sobretudo agora, com sua mais nova modalidade de comunicação, que são os vídeos-selfies. Mas o comunista seria mais convincente se desse um mergulho na praia. Assim, o laudo ganharia mais credibilidade.

3

Laudo da qualidade das praias é um avanço do governo Flávio Dino….

Em que pese os questionamentos quanto à sua legitimidade, os testes semanais de balneabilidade na orla de São Luís dão segurança ao banhista e melhoram a imagem do Maranhão no Turismo

As legendas e bandeirinhas ajudam, somadas a outras medidas consistentes

O governo Flávio Dino (PCdoB) erra quando entende que, para ter mais segurança, a população deve permanecer trancada em casa, como, por exemplo, na proibição do pré-carnaval fora do eixo Centro-Madre Deus.

Essa é a lei do menor esforço.

O comunista erra também em diversos outros aspectos de sua gestão.

Mas não há como negar que os laudos de balneabilidade das praias de São Luís são uma solução – se não definitiva, pelo menos necessária – ao longo histórico de poluição na orla da capital.

E deve ser respeitado quanto ao seu propósito.

Monitorar semanalmente as praias – e apontar quais os pontos próprios para banho – garante ao banhista, ao turista e ao comerciante da orla segurança para suas férias e seus fins de semana.

Sem falar que os laudos são apenas o resultado de ações mais profundas, como as estaç~eos de tratamento e a despoluição de rios.

A oposição – em todas as suas nuances – questiona esses laudos, mas  ninguém apresentou até agora provas cabais de que eles estão errados.

Também não deram nenhuma alternativa a esta proposta dos comunistas.

É preciso, de fato, questionar, mas com propriedade , se os testes da água das praias estão sendo feitos de forma adequada.

Mas o que o governo apresenta hoje, no entanto, é uma alternativa que não se teve em anos.

Simples assim…