1

Rafael Leitoa alerta para privatização do Parque Nacional dos Lençóis, proposta por Bolsonaro

Em tom de preocupação, o deputado Rafael Leitoa (PDT), direcionou seu pronunciamento na manhã desta quarta-feira (14), na Assembleia Legislativa do Maranhão, para alertar sobre o processo de privatização de vários parques nacionais em todo o Brasil, como proposta do governo de Bolsonaro.

No Maranhão, a decisão de Bolsonaro atinge diretamente o Parque Nacional dos Lençóis, um dos roteiros turísticos mais visitados do mundo.

Conforme Rafael Leitoa, o Ministério do Meio Ambiente, com o aval de Bolsonaro, pretende ainda em 2019 privatizar 20 unidades de conservação ambiental, com destaque para o Parque Nacional dos Lençóis, Chapada dos Guimarães e Jericoacoara.

Segundo afirmação do ministro Ricardo Salles, a proposta é ceder os espaços à iniciativa privada, com foco na exploração turística e o mínimo de ingerência do governo federal.

Rafael Leitoa lembrou o acordo de salvaguarda para uso da Centro de Lançamento de Alcântara como norte para as discussões em relação aos Lençóis, principalmente no que diz respeito ao deslocamento das comunidades que vivem no Parque.

“Nossa preocupação é com a defesa dessas famílias. Uma empresa visará o lucro, deixando, como de costume, o fator humano de lado. Assim como nossas discussões sobre Alcântara, faremos o mesmo em relação aos Lençóis. Juntamente com a bancada federal executaremos uma discussão ampla e plural, buscando ouvir todos os envolvidos, para proteger um dos nossos maiores bens, que é este parque, de belas piscinas naturais e dunas”, finalizou Rafael Leitoa.

0

Governo tenta ludibriar credores de precatórios, diz Edilázio…

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) denunciou na Câmara Federal, manobra do governador Flávio Dino (PCdoB) contra os credores de precatórios no Maranhão.

Ele falou da aprovação de um projeto de lei, de autoria do Executivo Estadual na Assembleia Legislativa que autoriza o Estado a adquirir empréstimo de R$ 623 milhões para o pagamento de precatórios.

Apesar disso, o parlamentar ressaltou que a inexistência de linha de crédito para esse tipo de movimentação financeira.

“O governador comunista do Maranhão joga para a plateia, numa forma de ludibriar esses credores, uma vez que ele está já inadimplente desde setembro de 2018, com uma dívida de mais de R$ 200 milhões em precatórios”, disse.

Edilázio também lembrou que o Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais divulgado pelo Tesouro Nacional no ano passado, rebaixou de B para C a nota do Maranhão, o classificando como mau pagador. A nota dificulta o recebimento de garantia da União para o recebimento de empréstimos.

O parlamentar também lembrou que o projeto de lei aprovado ontem no Legislativo Estadual e que supostamente garantiria o empréstimo de R$ 623 milhões para o pagamento de precatórios, foi apresentado justamente na semana em que o corregedor nacional do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Humberto Martins, esteve no estado para correição.

“Foi uma tentativa de maquiar o CNJ”, finalizou.

1

Gastão quer financiamento imobiliário a maiores de 60…

Pessoas maiores de sessenta anos têm encontrado dificuldades para contratar financiamento imobiliário mesmo com a possibilidade de dar em garantia imóveis ou outro bem.

“A idade não pode ser o único limitador para o crédito”, diz o autor.

A Câmara passa analisar o Projeto de Lei 2825/19 de autoria do deputado federal Gastão Vieira (PROS) que possibilita a pessoas maiores de 60 anos a obtenção de crédito para financiamento imobiliário.

“Nosso projeto busca permitir garantias reais para que a idade da pessoa não seja o único limitador de crédito. Nesse sentido, a pessoa idosa pode optar por garantias que minimizem os riscos dos bancos, como um imóvel quitado, terreno ou o próprio bem financiado”, explica Gastão Vieira.

Atualmente, alguns atos normativos autorizam a limitação de oferta de financiamento e seguros habitacionais quando a idade somada ao prazo de financiamento seja igual ou superior a 86 meses.

“Pretendemos também dar às instituições financeiras e seguradoras segurança jurídica para que conduzam análises sobre cada operação com pessoas maiores de sessenta anos, levando em consideração não apenas a sua idade, mas também outros fatores que possam influenciar cálculos sobre probabilidade de inadimplência”, disse o deputado.

Tramitação

O PL 2825/19 aguarda despacho do presidente da Câmara para seguir para a análise das comissões permanentes da Casa.

0

Boi de Axixá será homenageado na Câmara de São Luís…

Por Davi Max

O Bumba meu Boi de Axixá, sotaque de orquestra, será homenageado na Câmara de São Luís, na próxima segunda-feira, dia 20 de Maio. O autor da honraria é o vereador Sá Marques. Neste ano, o grupo completa 60 anos de história, e sob o comando de Leila Naiva, a brincadeira é formada por 120 brincantes, entre índias, vaqueiros campeadores, vaqueiros de fita e orquestra.

Ao justificar a homenagem, o parlamentar ressaltou e parabenizou o grupo pelos 60 anos de história e brilhantismo. “O Boi de Axixá merece todas as homenagens. São 60 anos de brilhantismo. São 60 anos levando o nome do estado para o Brasil a fora. Nada mais justo em fazer essa homenagem a esse batalhão mais antigo em atividade”, disse.

Durante a sessão, o vereador Marquinhos também usou a palavra e destacou a homenagem. “Quero parabenizar o Boi de Axixá pelos seus 60 anos de história e tradição. Nossa cultura é rica e com toda certeza o Boi de Axixá é um dos grupos que se destacam no Maranhão e no Brasil”, afirmou.

Já o vereador Joãozinho Freitas falou do legado deixado por Francisco Naiva.

“O fundador do Boi de Axixá, saudoso Francisco Naiva, deixou o seu legado e semente plantada. Hoje o grupo é muito bem dirigido pela querida Leila Naiva que com o seu tamborim vem abrilhantando o nosso São João”, disse.

O vereador Marcial Lima, que também é ligado a cultura falou da honraria.

“O Boi de Axixá mais uma vez está de parabéns. São 60 anos de tradição. Em todos os eventos juninos que faço, o batalhão de orquestra é presença confirmada”, disse.

História do Boi de Axixá

O Boi de Axixá foi fundado em 1º de janeiro de 1959, por Francisco Naiva, não por pagamento de promessa, mas por amor à brincadeira, à cultura popular. Era composto pelos personagens soldados, caboclos de flecha, índios e campeadores.

As mulheres eram proibidas de brincar. Depois da saída dos índios e soldados, elas foram inseridas, também como índias, sendo assim até a atualidade.

Por ser um dos percussores do Bumba-meu-boi de Orquestra no Maranhão, o Boi de Axixá segue tradicionalmente o ciclo da manifestação, ensaios, batismo, apresentação e morte, envolvendo comunidades do município de Axixá e de São Luís/MA.

1

Projeto de Andreia Rezende inclui Balsas no Turismo Religioso…

Foi aprovado na Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão, o Projeto de Lei (168/2019) que insere o Festejo de Santo Antônio, tradicional da cidade de Balsas, no roteiro de turismo religioso do estado do Maranhão.

Para a parlamentar e autora do PL, “ é uma satisfação imensa poder inserir esse grande evento religioso do sul do Maranhão junto às maiores festas religiosas do nosso estado. Os eventos, a sua rica história que conta um pouco da vida do sertanejo, do balsense, sem dúvida irá fortalecer ainda mais a cultura e a economia, reunindo mais fiéis de todo Maranhão”, destacou Andreia.

O Festejo de Santo Antônio foi idealizado em homenagem ao padroeiro da cidade de Balsas e ocorre tradicionalmente durante 13 noites ininterruptas (de 01 a 13 de junho), consagrando-se sempre como um grande evento de devoção e fé da igreja Católica na região.

0

Pedro Lucas é destaque na TV Câmara sobre cortes nas universidades…

No dia em que professores e estudantes de todo o país fazem paralisação em defesa da Educação, parlamentar maranhense  abre programação jornalística emissora cobrando presença do ministro da Câmara e recebe elogios da própria base do governo Bolsonaro

 

O deputado maranhense Pedro Lucas Fernandes, líder do PTB na Câmara Federal, foi um dos destaques da programação jornalística da TV Câmara, nesta quarta-feira, 15, dia de paralisações nacionais em defesa da Educação pública.

Como líder de bancada, o parlamentar foi chamado para dar sua opinião sobre a decisão do governo Bolsonaro, de cortar em mais de R$ 1 bilhão o orçamento das universidades para 2019.

O parlamentar defendeu a exigência da presença do ministro da Educação Abraham Weintraub na Casa.

– Nós precisamos ouvir o ministro. primeiro era corte, depois falou-se de contingenciamento. Depois da convocação do ministro, passou-se a dizer que tinha sido suspenso o contingenciamento. O ministro deve sim estar aqui, dando explicações. O governo precisa dizer o que pensa da Educação – afirmou o parlamentar maranhense.

Pedro Lucas posicionou-se claramente em defesa da convocação do ministro.

– Apoiamos a convocação do Ministro da Educação para dirimir todas as dúvidas dos parlamentares e da sociedade quanto a destinação de recursos às universidades brasileiras . Um Brasil grande se faz com Educação de qualidade – afirmou Pedro Lucas.

2

Ricardo Murad pronto para o embate de 2020…

Ex-deputado alcança importantes vitórias na Justiça Eleitoral que consolidam seus direitos políticos e o coloca na linha de frente da sucessão em sua principal base eleitoral, onde deve comandar partido de peso nacional

 

RICARDO ESTÁ AFASTADO DA VIDA PÚBLICA, mas vitórias consecutivas na Justiça Eleitoral abrem espaços para articulações políticas

O ex-deputado estadual, ex-deputado federal, ex-prefeito de Coroatá, ex-presidente da Assembleia e ex-secretário de Saúde Ricardo Murad está pronto para um retorno à política maranhense já em 2020.

Afastado da vida pública desde as eleições de 2018, Murad alcançou duas vitórias consagradoras no âmbito da Justiça Eleitoral em menos de uma semana. (Entenda aqui)

Vitórias que o colocam de volta ao jogo político.

E já em 2020, se quiser. Sobretudo em sua base eleitoral, Coroatá.

Segundo apurou o blog, com os direitos políticos retomados em duas significativas vitórias, o ex-deputado já articula sua filiação ao PSDB maranhense.

Mas esta é uma outra história…

1

Com Juscelino Filho, Assis Ramos viabiliza projetos para Imperatriz…

Prefeito esteve com o chefe da Casa Civil Onyx Lorenzoni e garantiu recuperação e melhorias da infraestrutura do município; na Caixa Econômica garantiu recursos para aterro sanitário

 

COM LORENZONI, AO LADO DE JUSCEL.INO FILHO, ASSIS RAMOS apresentou pleitos para recuperação de Imperatriz

O prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM) voltou a Brasília nesta semana.

E desta vez esteve ao lado do presidente regional de sua legenda, o deputado federal Juscelino Filho, com quem visitou importantes gabinetes do Governo Federal.

– Tenho certeza que vamos levar projetos positivos para a nossa cidade – disse o prefeito, em vídeo gravado ainda no Palácio do Planalto, onde foi recebido pelo ministro Onyx Lorenzoni.

Assis Ramos foi também à Caixa Econômica Federal, onde garantiu recursos para o aterro sanitário de Imperatriz.

Veja vídeo acima…

1

Pensando em 2022, Flávio Dino pode mesmo deixar o PCdoB…

Governador tenta viabilizar o projeto de ser candidato a presidente da República e já abre possibilidades de se transferir para PDT ou PSB como forma de viabilizar-se na esquerda

 

FLÁVIO DINO TRABALHA INTENSAMENTE POR SEGUIR OS PASSOS QUE SARNEY ALCANÇOU sem maiores movimentos

Em 23 de janeiro último, o blog Marco Aurélio D’Eça publicou o post “O projeto nacional de Flávio Dino”, em que analisa os movimentos do governador maranhense rumo à polarização com o presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Dentre as sentenças do post, destaca-se agora uma delas:

Representante da esquerda nacional – e único entre os líderes de PDT, PT, PSB e PCdoB com espaço de poder garantido até 2022 – Dino só ficará fora do embate na sucessão de Bolsonaro se tiver uma de suas ações eleitorais julgadas antes disto. (Releia a íntegra aqui)

Passados quatro meses, o blog O Antagonista confirma a movimentação de Dino rumo ao Palácio do Planalto e revela sua intenção de deixar o PCdoB.

– Na busca por um sucessor de Lula, a esquerda brasileira trabalha com o nome de Flávio Dino: hoje no PCdoB, o governador do Maranhão poderá disputar o Planalto em 2022 pelo PDT (se Ciro Gomes abrir espaço) ou pelo PSB – revela o site, em podcast de Diego Amorim. (Saiba aqui)

O blog Marco Aurélio D’Eça tem convicção de que Dino é uma opção e peso para a presidência, representando a esquerda.

Mas também sabe que, no PCdoB, ele será bombardeado ideologicamente.

E não poderá ir para o PT por causa da sombra de Lula…

3

Escutec mostra consolidação de Neto Evangelista na base governista…

Único candidato do grupo de Flávio Dino e Edivaldo Júnior com viabilidade política e partidária já garantida, deputado estadual polariza o segundo lugar e tem ainda a vantagem de ser um dos menos rejeitados

 

COM PARTIDO FORTE GARANTIDO, NÚMEROS CONSOLIDADOS E MENOR REJEIÇÃO, EVANGELISTA É O CANDIDATO GOVERNISTA mais bem posicionado na disputa pela Prefeitura de São Luís

Se a pesquisa do Instituto Escutec divulgada nesta terça-feira, 14, pelo blog de Neto Ferreira, mostrou um patamar de mais de 70% de votos para os candidatos oposicionistas, também consolidou o deputado Neto Evangelista (DEM) entre os aliados do governo Flávio Dino (PCdoB) e da gestão de Edivaldo Júnior (PDT).

O democrata, que já tem o aval do partido para a disputa, mantém-se sempre entre os principais candidatos, polarizando o segundo lugar com Wellington do Curso (PSDB) na maioria dos cenários.

E ainda é o menos rejeitado dentre todos os nomes postos, com apenas 3,5% de eleitores que dizem não votar nele em nenhuma hipótese.

Em apenas um cenário pesquisado, Evangelista aparece atrás de um governista, o também deputado estadual Duarte Júnior (PCdoB), que fica em segundo, com 11,6%.

A questão é que, diferentemente do candidato do DEM, Duarte não conta com o apoio partidário necessário para se viabilizar.

Em todos os demais cenários, Neto Evangelista fica tecnicamente empatado com o segundo colocado, Wellington do Curso – e à frente dos demais candidatos da base holandinista.

No cenário sem Duarte Júnior, o pré-candidato do DEM chega a 9,2% dos votos, empatado tecnicamente com Wellington e à frente de Bira do Pindaré (7%), Rubem Júnior (2,8%) e Osmar Filho (1,8%).

Quando são retirados da disputa tanto Duarte Júnior quanto o pedetista Osmar Filho e o comunista Rubem Júnior – preferido do Palácio dos Leões – Neto se aproxima ainda mais da segunda posição, chegando a 9,4%, contra 9,8% de Wellington.

Este terceiro cenário é o mais provável de se consolidar, com dois principais candidatos oposicionistas – Eduardo Braide (PMN) e Wellington do Curso – e dois governistas: o próprio Neto e Bira.

A pesquisa Escutec aponta os cenários atuais para uma disputa que só se dará em um ano e meio; mas é equívoco afirmar que ainda é cedo para discutir o assunto.

Tanto que é exatamente os candidatos já consolidados em suas legendas – Eduardo Braide e Neto Evangelista – os que se mostram mais competitivos.

E esta competitividade também tende a se consolidar no decorrer do tempo.

É aguardar e conferir…