3

Imagem do dia: pulando a fogueira…

Os vereadores Astro de Ogum (PMN) e Isaias Pereirinha (PSL) conseguiram pular uma fogueira judicial O  juiz Clésio Coelho Cunha, respondendo pela 7ª Vara Criminal de São Luís, indeferiu pedido do Ministério Público e rejeitou dilatar o prazo para a continuidade das investigações sobre o chamado Caso Bradesco. Instaurado em 2014, o inquérito apurava supostos crimes cometidos por vereadores na relação com o Bradesco. “O longo tempo, quase um lustro, para conclusão de um inquérito policial que apura um caso de pequena complexidade, é um caso evidente de constrangimento ilegal”, apontou o magistrado, que determinou o trancamento do inquérito.

1

Wellington convida população para XI Reunião do Parlamento Amazônico, em Imperatriz…

O Secretário de Direitos Humanos do Parlamento Amazônico e deputado estadual Wellington do Curso (PP) convida, todos os maranhenses para a XI Reunião Ampliada do Colegiado de Deputados do Parlamento Amazônico que será realizado às 9h, desta quinta-feira, 27, na Câmara Municipal de Imperatriz.

– É um evento que trata de quatro temáticas de suma importância para a Região Amazônica e, inclusive, para a região Tocantina e o Maranhão. Os temas são expostos para serem discutidos e analisados por todos, apresentando assim, os pontos negativos e positivos, onde a participação da sociedade civil, inclusive, acadêmicos e estudantes da UFMA, UEMA e das demais universidades será de grande valia. Todos os estudantes terão direito a certificados de participação com direito a horas. Por isso, convidamos todos os maranhenses para juntos, debatemos sobre o Parlamento Amazônico – disse Wellington.

O Parlamento Amazônico é formado por deputados estaduais dos nove estados que compõem a Amazônia Legal Brasileira: Amazonas, Acre, Amapá, Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Pará, Maranhão e Tocantins.
Maranhão.

E tem o objetivo de discutir e buscar soluções para os problemas vivenciados na Região Amazônica e, assim, articular possíveis soluções, buscando o desenvolvimento econômico e sustentável.

1

É mesmo, Cafeteira?!? Quem diria, né?!?

Depois de tripudiar com as “histórias não confirmadas” do delator Paulo Roberto Costa contra a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB)…

Depois de espalhar nas redes sociais mentiras contra os Sarneys – a quem ele muito serviu…

Depois de apontar dedo para adversários dos eu novo rei, o governador Flávio Dino (PCdoB)…

Agora, que o comunista se vê pilhado como recebedor de caixa 2 na mesma Lava Jato, eis que o deputado Rogério Cafeteira (PSC) aparece com este pensamento vivo acima.

É simples assim…

6

Eduardo Braide vê maldade de Flávio Dino em veto a projeto de autistas….

Flávio Dino alegou vício de constitucionalidade para derrubar a aprovação da proposta, que iria garantir a capacitação a professores para tratar com a questão nas escolas

 

Desumanidade
Eduardo Braide lamentou a atitude do governador contra o projeto do autista

O deputado Eduardo Braide (PMN) repudiou o veto do governador Flávio Dino (PCdoB) a um projeto de sua autoria, que previa a capacitação dos professores da rede pública para atuar com portadores do Transtorno do Espectro Autista.

– É desumana a atitude do governador – lamentou Braide.

Para a parlamentar, a atitude do governador foi covarde, de pura perseguição política, já que o projeto não tiraria um centavo de recursos públicos.

– Veja a maldade do governador: no dia 2 de abril comemoramos o Dia Mundial do Autista. O governador foi para a mídia inaugurar um espaço para autistas; foi lá, tirou fotos, reuniu com pais e mães de autistas; e agora ele veta essa lei, que não iria gastar um centavo do governo – lamenta.

Braide explica que a Lei prevê a capacitação daqueles que já fazem parte do quadro do próprio governo, sem custos para o estado.

Flávio Dino alegou vício de inconstitucionalidade para vetar o projeto de Braide.

O deputado respondeu, duro, na tribuna da Assembleia:

– Inconstitucional é o imposto que o governador fez essa Casa aprovar; inconstitucionalidade é você aprovar uma Lei que beneficia uma única empresa no Maranhão, que já é milionária; inconstitucional é você rasgar o Estatuto do Magistério, que prevê a gratificação dos professores. Fica aqui o nosso repúdio e a nossa tristeza em relação ao veto do governo – declarou o parlamentar.

O deputado pediu apoio dos colegas para derrubar o veto em plenário…

3

Eliziane faz campanha contra projeto de abuso de autoridade…

Deputada federal prega participação popular nas redes sociais para impedir que a proposta seja aprovada no Senado; para ela, trata-se de uma tentativa de acabar com a Operação Lava Jato

 

A deputada federal Eliziane Gama (PPS) iniciou uma série de vídeos na internet em que prega participação popular contra o projeto de Abuso de Autoridade, que deve começar a ser votado na Senado Federal.

– É claro que ninguém está acima da lei. mas aprovar este projeto neste momento ó tem um objetivo: acaba com a operação Lava Jato – diz a parlamentar.

Eliziane explica que, a partir do projeto, qualquer investigado poderá processar os operadores que atuam no combate à corrupção, ora em curso no país.

– Por isso é muito importante o seu engajamento. Vá às redes sociais e deixe o seu protesto; ligue para o seu senador e peça que ele vote contra o projeto – pregou Eliziane…

Veja o vídeo acima

 

 

2

Com Lula, em Brasília, Zé Inácio participa de ação das lideranças indígenas…

Lula com os indígenas em Brasília; Zé Inácio acompanha o ex-presidente

O deputado Zé Inácio participou, na segunda-feira, 24, em Brasília, de reunião com lideranças indígenas de todo o país, conduzida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Os índios estão ocupando Brasília contra os retrocessos e ameaças a seus direitos e ao meio ambiente, resultado de uma política repressiva do governo Michel Temer (PMDB).

– Não podemos admitir retrocesso na legislação que trata sobre as demarcações de terras indígenas. Já basta a tentativa do governo golpista de extinguir a FUNAI – enfatizou, Inácio, ressaltando o que chama de caráter golpista do governo.

Durante a reunião, a liderança indígena pediu o apoio de Lula e da bancada no Congresso para pauta federal e nos Estados. O ponto principal é o medo de retrocesso e violência contra os lideres indígenas.

Inácio também defendeu a paralisação da próxima sexta-feira, 28, que pode se transformar na maior mobilização de trabalhadores da história do país.

As centrais sindicais e movimentos sociais vão protestar contra as reformas do governo Temer…

0

Raimundo Louro sinaliza com apoio a Maura Jorge…

Raimundo Louro com lideranças, em Pedreiras

Do blog do Carlinhos

No último final de semana, o blog do Carlinhos conversou com o ex-deputado estadual Raimundo Louro.

Na rápida conversa, o líder político da região do Médio Mearim e pai do deputado estadual Vinícius Louro (PR) sinalizou a possibilidade de apoiar Maura Jorge ao governo do estado em 2018.

Louro não estaria satisfeito com o tratamento que vem recebendo do atual governo do Estado e disse que o apoio a Maura Jorge “seria algo perfeitamente natural.”

– Nós temos mantido um comportamento fiel ao governo de Flávio Dino, acompanhando ele em todas as prerrogativas, principalmente na Assembleia; porém, sinto que somos tratados como adversários, aqui na região. Acredito que não estamos recebendo atenção merecida do Governo do Estado. As indicações em nossa região estão resumidas em duas pessoas; claro que a gente quer mais espaços, mas caso não seja possível, paciência… – disse.

– Em relação a Maura Jorge, o nosso apoio a candidatura dela ao governo do estado seria algo natural: Maura foi uma deputada estadual atuante em nossa região e eu reconheço isso; prefeita de Lago da Pedra, município da região, onde ela realizou uma grande administração e elegeu o seu sucessor com grande votação; em uma possibilidade de não continuarmos no grupo de Flávio Dino, o nosso apoio natural seria para Maura Jorge. Por conta desse detalhe regional, seria injusto não apoiá-la. Já pensou, como seria bom para o Médio Mearim ter Maura Jorge Governadora do Maranhão? Eu abraçaria de coração esse projeto – declarou Raimundo Louro com todas essas letras.

Maura Jorge se colocou a disposição para uma conversa com Raimundo Louro e seu filho, o deputado Vinicius Louro.

0

Em 100 dias à frente da Famem, Cleomar Tema muda realidade da entidade…

Data pode ser comemorada com uma das jogadas mais ousadas neste período: a mobilização da bancada federal maranhense contra a decisão do Governo Federal de cortar cerca de R$ 224 milhões do Fundeb no Maranhão

 

Cleomar Tema após posse na Famem: revitalização

Quando assumiu o comando da Federação dos Municípios do Maranhão, no início do ano, o prefeito de Tuntum, Cleomar Tema Cunha (PSB), encontrou um caos na entidade.

Falida, sem representatividade e esvaziada, a Famem caminhava para o fechamento.

Passados 100 dias, Tema Cunha levou a representação dos prefeitos a outro patamar, após o caos que se estabeleceu na gestão do ex-prefeito Gil Cutrim (PDT).

Leia também:

Eleição na Famem consolida liderança de Tema Cunha…

Tema Cunha dá novo ritmo à Famem…

Tema busca unidade da bancada em prol dos municípios…

O presidente da Famem com os deputados da bancada maanhense

Essa revitalização da Famem pode ser comemorada nesta quarta-feira, durante a entrevista coletiva convocada para falar de uma da mais importantes ações da entidade nestes 100 dias: a articulação com a Bancada Maranhense para impedir a perda de mais de R$ 220 milhões do Fundeb no Maranhão.

– Graças ao empenho da bancada maranhense e a sensibilidade do governo federal, conseguimos ultrapassar este obstáculo, que poderia inviabilizar a educação de todo o Maranhão – disse Tema, após articulação com os deputados.

Foi exatamente com esta articulação que o presidente da Famem tem conseguido alcançar avanços importantes para os municípios…

0

Sousa Neto cobra títulos de terra a moradores do Residencial Nova Esperança, em Paço do Lumiar…

Governo do Estado quer construir uma unidade da Funac na área onde está a comunidade; Dutra usou moradores na campanha e não cumpriu promessa

 

O deputado estadual Sousa Neto (PROS) denunciou, na sessão plenária da última segunda-feira, a situação das cerca de 500 famílias do Residencial Nova Esperança, em Paço do Lumiar, ameaçadas de perderem suas casas, já que no local, o Governo do Estado quer construir uma sede da Funac.

– A situação dos moradores do Nova Esperança é triste. São trabalhadores que moram naquela comunidade há mais de 20 anos. Eles foram enganados pelo atual prefeito Dutra e pelo governador Flávio Dino, e estão na eminência de serem expulsos do local, onde, agora, querem construir uma Funac. Em fevereiro, estivemos lá, e estamos cobrando do governador Flávio Dino que dê a propriedade de terra a essas pessoas, assustadas com a possibilidade de serem retiradas de lá. O que esses cidadãos querem é dignidade – disse o parlamentar.

Sousa Neto falou da promessa feita pelos comunistas durante campanha eleitoral, e, sob aplausos dos moradores que ocupavam a galeria da Assembleia, disparou:

– Durante a campanha eleitoral, foi prometido pelo então candidato Dutra, hoje prefeito daquela cidade, que eles teriam seus títulos de terra, o que era o sonho deles. Todos votaram nele e agora recebem um pedido de reintegração de posse. É porrada em cima deles, e isso é inaceitável. Não vamos abaixar a guarda, não vamos nos intimidar.

O Governo do Estado entrou com pedido de reintegração de posse da área, concedido pela 1ª Vara da Comarca de Paço do Lumiar.

4

Prefeitura nega aumento do IPTU…

Ao dizer que reajuste na alíquota do imposto, na base de cálculo e o valor do metro quadrado precisam de aprovação da Câmara, assessoria de Edivaldo Júnior explica que haverá atualização obrigatória, com base na variação do IPCA

 

IPTU chega em 2017 com a obrigatória atualização do IPCA

A Prefeitura de São Luís negou que haverá aumento do IPTU em 2017, conforme noticiando nesta terça-feira, 25, em setores da mídia.

 – Para um aumento real – da alíquota, no metro quadrado e na base de cálculo – é preciso que haja um projeto a ser votado na Câmara Municipal, o que não existe – explicou o secrtário de Fazenda, Delcio Rodrigues.

Ainda segundo as informações do secretário, com base nos dados da Secretaria de Fazenda, este tipo de aumento real não ocorre em São Luís desde 2005.

 – Por força da Lei nº 3.945/2010, a prefeitura é obrigada a atualizar anualmente o valor do IPTU, de acordo  com a variação do IPCA. Em 2017, o imposto terá atualização de 7,86% no valor da tarifa, correspondente à variação do IPCA – explica.