3

Governo erra o tom e campanha contra a CoVID choca mais do que alerta

Vídeo entoado pelo clássico “Naquela Mesa”, de Sérgio Bittencourt, tinha o objetivo de alertar para o riscos de perdas para o coronavírus, mas apenas machuca quem já está sofrendo pela morte de um ente querido

A imagem impactante do governo maranhense: dor e tristeza a quem já está sob dor e tristeza pela perda para o coronavírus

Análise de conjuntura

O impacto é fulminante.

A campanha do Governo do Estado sobre a CoVID-19 mostra famílias enlutadas sofrendo com a falta de parentes à mesa, sob o som de “Naquela Mesa”, de Sérgio Bittencourt.

Mas, se o governo esperava conscientizar para os riscos de exposição ao coronavírus, a campanha teve um efeito colateral agressivo às famílias que perderam entes queridos para a doença.

– Naquela mesa “tá” faltando ele/E a saudade dele “tá” doendo em mim – é o refrão da canção.

Copiado de uma peça publicitária do Governo da Bahia, a peça não tem qualquer impacto sobre quem precisa ser conscientizado; mas – quase onipresente na TV – amplia a dor de quem está enlutado.

As críticas já ganharam as redes sociais e há quem defenda denunciar o uso inadequado de um clássico da música brasileira.

O que não dá para discordar é que o governo errou ao mão com o comercial…

0

Semana decisiva para o MDB em São Luís…

Partido da ex-governadora Roseana Sarney estimou para esta terça-feira, 25, o anúncio do seu apoio nas eleições de 2020, o que deve mudar drasticamente o quadro da propaganda eleitoral para o candidato escolhido

 

Roberto Costa e Roseana Sarney vão decidir o destino do MDB nas eleições de São Luís

O MDB deve anuncio nesta terçã-feira, 25, o apoio a um dos candidatos da prefeito de São Luís.

O anúncio do partido gera expectativa pelo fato de agregar ao escolhido estrutura partidária e bom tempo na propaganda eleitoral.

O partido trabalha hoje com a possibilidade de quatro alianças: com Neto Evangelista (DEM), Eduardo Braide (Podemos), Duarte Júnior (Republicanos) ou Carlos Madeira (Solidariedade).

Dos quatro, apenas Evangelista já manifestou interesse em ter o partido em sua aliança, declarando “estar de portas abertas”.

O MDB anunciou que iria balizar sua decisão em pesquisa qualitativa sobre a sucessão em São Luís.

Mas tem uma exigência: a garantia do vice para o partido…

0

Questão estrutural pode inviabilizar candidatura de Wellington no PSDB

Partido comandado pelo senador Roberto Rocha tem, sozinho, algo em torno de 30 segundos na propaganda eleitoral, mas está sem perspectiva de aliança com outras legendas, sofre assédio de Eduardo Braide e pressão dos candidatos a vereador

 

Wellington até recebeu garantias de apoio de Roberto Rocha, mas a falta de alianças e a pressão dos vereadores por estrutura são empecilhos á campanha

O deputado estadual Wellington do Curso continua apostando suas fichas na viabilização de sua candidatura pelo PSDB, partido controlado no Maranhão pelo senador Roberto Rocha.

O senador já até aceitou a candidatura do deputado, mas o projeto esbarra em uma questão estrutural.

Os tucanos têm algo em torno de 30 segundos na propaganda eleitoral, mas não têm perspectiva alguma de aliança com outras legendas. Além disso, pré-candidatos a vereador pressionam por estrutura de campanha, que nem o partido, nem o pré-candidato a prefeito, mostram-se dispostos a dar.

Apesar de ter Wellington no PSDB, Roberto Rocha se mantém próximo de Braide, sua aposta para vencer a eleição em primeiro turno

O PSDB é alvo do deputado federal Eduardo Braide (Podemos), líder nas pesquisas, que pretende montar coligação capaz de fortalecer seu favoritismos.

Hoje, além do Podemos, Braide conta com o PMN, PSC e PSD, que lhe garantem algo em torno de 1 minuto na propaganda; com o PSDB, esse tempo quase dobraria.

As convenções que definirão os candidatos a prefeito e a vereador serão definidas entre os dias 20 de julho e 5 de agosto.

Até lá, Roberto Rocha, Wellington do Curso e Eduardo Braide viverão essa questão envolvendo o futuro do PSDB…

0

Empresas de outdoors fazem campanha por anúncios públicos e privados

Exibidoras de cartazes da Grande São Luís se unem para mostrar aos poderes e órgãos públicos e às grandes empresas da iniciativa privada a importância de utilizar os mil painéis disponíveis tanto na pandemia quanto após a quarentena

 

Jorge Maciel mostra a força das mil placas de outdoor existentes em São Luís e nos demais municípios da Região Metropolitana

As seis principais empresas exibidoras e outdoor’s na Grande São Luís se uniram em uma campanha de sensibilização dos poderes e órgãos públicos e das grandes empresas da iniciativa privada nesta pandemia.

Uma campanha publicitária para mostrar a importância de se anunciar nas mil placas disponíveis nos municípios de São Luís, Raposa, Paço do Lumiar e São José de Ribamar uniu as seis grandes do ramo.

– Estamos querendo mostrar para o mercado a força que tem o outdoor. Na verdade, o outdoor é um veículo de grande impacto, de alta comunicação. E são mais de mil placas nos quatro municípios. Essas seis empresas se juntaram para mostrar essa força – justificou o empresário Jorge Maciel, da Impacto Outdoor.

Além da Impacto, fazem parte da campanha ArtPainel, Palmer,  A7, Panda, e Max outdoor.

De acordo com Maciel, a ideia é mostrar para as agências de propaganda, para os órgãos públicos e empresas privadas a importância do uso do veículo outdoor.

– O veículo outdoor tem métrica, tem resultados, ele comunica, ele é diuturnamente, ele não guarda em garagem e tem várias empresas que tem placas iluminadas. São impressoras de alta qualidade. O veículo outdoor evoluiu muito em São Luís – explicou Jorge Maciel.

Além de utilizar as próprias placas, as empresas irão divulgar seu projeto nas redes sociais e aplicativos de troca de mensagens.

É uma forma também de alavancar os negócios também para após o fim do isolamento.

– Com essa esperança é que nós nos preparamos, preparamos a campanha, as placas, o estoque de papel e de tinta, para esperar você – concluiu o empresário.

3

Jair Bolsonaro, sua incapacidade e o fracasso da “Grande Imprensa”…

Ao mesmo tempo em que gasta milhões com publicidade internacional – onde tem imagem tosca – presidente elege como inimiga setores da mídia que o ajudaram a se eleger, tentando forçar uma divisão ideológica no Brasil e manter a base de apoio

 

BOLSONARO: MEDÍOCRE, DESPREPARADO, IGNORANTE, PRECONCEITUOSO, SEM A MÍNIMA VISÃO DE MUNDO; e nenhum gasto milionário em propaganda fará o mundo mudar essa percepção

A “grande imprensa” noticiou na semana que passou uma forte campanha publicitária do governo Bolsonaro, no exterior, para tentar reverter a imagem tosca que o presidente tem no mundo civilizado.

– O esforço começa na semana que vem e será uma campanha permanente, sem data pra acabar. Nossos leads serão meio ambiente e agronegócio. Mapeamos notícias negativas sobre o Brasil no mundo todo, inclusive em redes sociais, continuaremos a monitorar este noticiário que não corresponde à realidade e vamos combatê-lo diretamente – declarou o secretário de publicidade da Presidência da República, Glen Valente. (Leia aqui)

Ao mesmo tempo em que faz esforço milionário para melhorar a imagem no exterior, Bolsonaro elege a “Grande Imprensa” como inimiga o seu governo.

– Nossa inimiga: a Grande Imprensa. Ela não no deixará em paz. Se acreditarmos nela será o fim de todos – afirmou Bolsonaro, em seu perfil no Twitter, num claro esforço de manter o moral da tropa que ainda acredita nele.

Bolsonaro é tosco, ignorante, autoritário, com visão estreita de mundo moderno e com valores medievais em todos os aspectos.

Mas, se deve agradecer pela sua eleição, é exatamente a mesma Grande Imprensa que hoje lhe torce o nariz.

O PRESIDENTE EM SEU PERFIL NO TWITTER: declaração de guerra à mesma Grande Imprensa que o ajudou a se eleger e hoje percebe a sua incapacidade para a presidência

Foi a Grande Imprensa – ao demonizar a esquerda e potencializar o discurso de ódio – a responsável pela ascensão do medíocre deputado de gestos histriônicos ao papel de potencial comandante do país.

Felizmente,  essa Grande Imprensa abriu os olhos para o elementar: Bolsonaro é só um boçal despreparado para o cargo que ocupa.

E o estrebucho do agora presidente só reforça a convicção de que ele nunca deveria ter estado onde está.

E nem mesmo uma campanha internacional fará o mundo mudar esta convicção.

Só é lamentável o gasto milionário de dinheiro público com este objetivo…

3

Cinco agências levaram R$ 23,6 milhões do governo Flávio Dino em 2018..

Empresas responsáveis pela propaganda do governo – algumas com atuação na própria campanha comunista – dividiram quantia milionária enquanto outras áreas sofrem com falta de recursos

 

Algumas das ações publicitárias de Flávio Dino confundem governo com campanha; e recebem muito dinheiro

Em meio à crise de caixa provocada pelo governo comunista de Flávio Dino no Maranhão – resultando até em saques do Fundo de Aposentadoria e Pensão (Fepa) – cinco agências publicitárias dividiram nada menos que R$ 23,6 milhões em 2018.

A informação é do blog de Gilberto Léda.

O maior valor foi dispensado à Clara Comunicação: R$ 12.633.685,49; na lista estão ainda:

– Informe Comunicação – R$ 4.488.942,09

– C. A. Mallman – R$ 3.689.869,93

 – Eurofort – R$ 2.021.728,69

 – Texto e Arte – R$ 737.836,65

Alguma destas empresas participaram de campanha eleitorais de Flávio Dino ou e seus aliados, em 2014, 2016 e 2018.

A Eurofort é do mesmo grupo da Leiaute Comunicação, que já tem ligações com Flávio Dino desde 2010. (Relembre aqui, aqui, aqui e aqui)

E esta conta deve aumentar em 2019.

De acordo com o mesmo Gilberto Léda, o valor estimado no orçamento do governo comunista para 2019 é de R$ 63,5 milhões.

Uma bolada e tanto para um estado em crise…

0

Weslley Safadão e Jupi: sucesso garantido!

O garoto propaganda da Jupi, Weslley Safadão, gravou uma série de comerciais de TV para a empresa de alimentos que está nos melhores supermercados e comércios dos estados do Piauí, Maranhão e Ceará.

Gravados em Fortaleza, no Ceará, durante um dia inteiro, os vídeos vão ganhar as TVs do Nordeste, com muita identidade e leveza ainda este ano e também em 2019.

Logo, os fãs de Weslley Safadão e da Jupi vão poder se deliciar com comerciais de TV e material de propaganda feitos com todo capricho!

2

As diferenças da Justiça Eleitoral no Maranhão e no Brasil…

Enquanto o TSE aplica multas de até R$ 500 mil caso o PT simplesmente mostre Lula em sua propaganda, no Maranhão o TRE aplica multas insignificantes para delitos bem mais graves de Flávio Dino e sua turma, estimulando o deboche comunista

 

Com multas insignificantes, Dino debocha da Justiça Eleitoral cometendo crimes sucessivos

Sempre houve uma gigantesca diferença entre o entendimento dos ministros do Tribunal Superior Eleitoral e os seus correlatos no Maranhão, que compunham o pleno do Tribunal Regional Eleitoral.

Essa diferença gritante no entendimento da legislação fazia com que decisões correntes do TRE contra imprensa, contra lideranças políticas e, muitas vezes, favoráveis a determinados setores da política, acabassem derrubadas no TSE.

Este blog, inclusive, é prova viva dessa diferença de interpretação, como se pode ver aqui, aqui e também aqui.

Nestas eleições, a diferença entre TSE e TRE chega a níveis alarmantes.

Enquanto Dino faz de tudo com multas irrisórias, PT pode pagar R$ 500 mil ao dia se exibir Lula

Um exemplo é a multa aplicada pelo TSE, de R$ 500 mil por dia, caso o PT insista em apresentar Lula candidato a presidente; e olha que ainda nem foram esgotados todos os recursos no próprio tribunal.

Aqui, no Maranhão, as multas aos incontáveis delitos eleitorais cometidos por Flávio Dino e sua campanha chegam a ser ridículas – na casa de apenas R$ 1 mil – o que estimula os comunistas a continuarem seus crimes, debochando da própria Justiça.

Detalhe: Dino foi declarado inelegível e segue incólume graças ao efeito suspensivo de um recurso de primeiro grau.

Segue o mesmo caminho de Lula, portanto.

E fatalmente chegará ao TSE.

Simples assim…

1

Eduardo Braide e o olhar para frente…

Este blog teve acesso com exclusividade à inserção partidária do PMN, que só vai ao ar no horário partidário gratuito na próxima segunda-feira, 13. Nela, ao contrário do que especulou este blog, o deputado Eduardo Braide deixa claro que pode sim entrar na disputa majoritária. Veja o vídeo abaixo:

 

0

Procuro valorizar as pessoas, diz Graça Paz, em inserção do PSL…

Deputada protagoniza propaganda do partido para agradecer recondução ao quarto mandato e destaca que também atua para beneficiar, primeiro, os que mais necessitam

 

A deputada estadual Graça Paz voltou a protagonizar a propaganda partidária do PSL, que está sendo apresentada no rádio e na TV.

– Agradeço ao povo do meu estado, que me reconduziu ao quarto mandato. Além de reconhecer, procuro retribuir com trabalho, respeito e atenção – diz a parlamentar.

A deputada faz questão de ressaltar que o trabalho do PSL também é este, de atuação pelos que mais precisam.

A propaganda do PSL começou a ser veiculada nesta segunda-feira, 22…