1

Rua da Vala no João Paulo: antes e depois de Edivaldo Júnior….

Moradores enfrentavam uma realidade há 40 anos agora podem conviver em ambiente de melhor qualidade de vida, com as obras de fechamento da galeria a céu aberto, o que deu sentido ao nome Rua da Felicidade

 

Rua da Felicidade recebe obras de urbanização para fechamento do canal, o que dará condições sanitárias e de saúde aos moradores, além de mobilidade urbana

Moradores da Rua da Felicidade, entre o João Paulo e o Coroado, vivam há 40 anos sem motivo algum para ser feliz; tanto que todos a conheciam apenas por “Rua da Vala”.

Esta realidade mudou agora, com as obras de limpeza e cobertura da galeria a céu aberto que cortava toda a via.

O prefeito Edivaldo Júnior (PDT) está concluindo a obra de revitalização da rua, importante via de ligação entre os dois bairros.

O blog Marco Aurélio D’Eça, um dos maiores cobradores das obras de urbanização da região mostra neste post o antes e o depois da obra.

Mesmo com o nome Rua da Felicidade, era assim que viviam os moradores da região entre o João Paulo e o Coroado

Com a cobertura da vala, que ganhará também espaço para circulação de veículos – a partir de uma rampa na altura da Avenida São Marçal, no João Paulo, 

A ressignificação da área – que completa o conjunto de obras de drenagem e asfaltamento do pólo João Paulo/Coroado – dá novo sentido ao nome da via.

Que, agora sim, pode ser chamada de Rua da Felicidade…

3

Núcleo de Edivaldo vai de neutralidade à “leve” torcida por Braide

Relação de animosidade com alguns candidatos da base do governo Flávio Dino e aproximação com o projeto de poder do vice-governador Carlos Brandão podem levar o prefeito de São Luís a uma postura vinculada entre 2020 e 2022

 

Edivaldo está cada vez mais alinhado ao vice-governador Carlos Brandão; e não apenas nas vestes parecidas

A movimentação de bastidores no círculo mais próximo do poder na Prefeitura de São Luís apontam um caminho diferente do esperado para o prefeito Edivaldo Júnior (PDT) nas eleições da capital maranhense.

Segundo apurou o blog Marco Aurélio D’Eça, Edivaldo resiste a apoiar os principais candidatos da base do governo Flávio Dino (PCdoB) com os quais tem algum tipo de animosidade pessoal – Duarte Júnior (Republicanos), Neto Evangelista (DEM) ou Rubens Júnior (PCdoB).

Nas conversas com os auxiliares mais próximos do prefeito, o titular do blog Marco Aurélio D’Eça percebe, inclusive, uma certa expressão de desejo pela vitória de Braide ainda no primeiro turno.

Na semana passada, blogs ligados ao Palácio dos Leões chegaram a noticiar que Edivaldo apoiaria Rubens Júnior já no primeiro turno, mais um tiro que saiu pela culatra na campanha comunista.

Pereira Júnior apoiou Braide contra Edivaldo no segundo turno de 2016 e se manteve crítico ao prefeito após exoneração de aliados na gestão municipal.

O apoio a Duarte Júnior seria natural pela aproximação do prefeito com o vice-governador Carlos Brandão – de olho nas eleições de 2022 – mas a relação com o deputado republicano também é ruim, diante das críticas à gestão na capital.

Além disso, o próprio Brandão tende a cruzar os braços se o seu afilhado político não figurar na disputa contra Eduardo Braide.

Para Edivaldo Júnior, hoje um dos principais cabos eleitorais de São Luís, portanto, uma vitória de Eduardo Braide – em primeiro ou segundo turno – seria natural, e até benéfica, em um processo casado com 2022.

Por isso a insistente neutralidade do prefeito…

0

Edivaldo antecipa mais uma vez e paga salário de setembro quarta-feira

O prefeito Edivaldo Holanda Junior confirmou que o salário do mês de setembro estará na conta dos servidores públicos municipais na quarta-feira (30).

“Pagamento antecipado, mais uma vez”, destacou Edivaldo por meio das redes sociais.

Uma gestão fiscal equilibrada e financeiramente ajustada são marcas de Edivaldo nestes oito anos à frente da Prefeitura de São Luís. Neste período ele manteve em dias o pagamento do funcionalismo, inclusive antecipando os vencimentos.

Este ano, ele também já pagou antecipadamente a primeira parcela do 13º salário, enquanto muitas prefeituras pelo país viram seu planejamento financeiro ser desajustado por causa dos impactos econômicos da pandemia.

Mesmo com a crise gerada pelo novo coronavírus, Edivaldo mantém as contas equilibradas e injeta recursos na economia, o que é muito importante neste momento para que o comércio possa recuperar os meses parados e a cidade continue gerando empregos.

3

Coroado recebe drenagem e asfaltamento de todas as ruas…

Prefeitura recupera galerias danificadas, cobre a vala da Rua da Felicidade, que desce do João Paulo e pavimenta 100% das vias do bairro, que estava há mais de cinco anos sem receber obras de porte

 

A pavimentação asfáltica contempla todas as ruas do Coroado, além de recuperação de drenagem e limpeza de galerias

A Prefeitura de São Luís está realizando uma força-tarefa no Coroado, com limpeza e cobertura da vala que desce do João Paulo, recuperação de galerias e drenagem, além do asfaltamento de todas as ruas do bairro.

O trabalho – realizado a pedido do vereador Astro de Ogum (PL), sob a coordenação do líder comunitário Bello Luca – é a primeira grande obra no Coroado em 15 anos.

De acordo com a prefeitura, os serviços incluem a limpeza e cobertura da vala que da Rua da Felicidade – também conhecida por Rua da Vala – que desce do João Paulo e vai até a avenida dos Africanos.

As obras devem durar até o início de outubro, contemplando todo o bairro do Coroado

Os moradores esperam que seja recuperada também a rua Dr. Carlos Macieira, uma das mais importantes do bairro, que liga a Africanos à Jordôa, com acesso também à feira do João Paulo.

– Essa rua já teve as galeiras de drenagem desobstruídas e recuperadas; e agora está pronta para receber o asfaltamento – garantiu Belo Luca.

O trabalho da prefeitura faz parte do conjunto de obras que a gestão Edivaldo Júnior está implementando em diversos bairros de São Luís.

O asfaltamento do Coroado deve estar concluído até o início de outubro…

3

Edivaldo Júnior aumenta popularidade na reta final do mandato

Números do Ibope divulgados esta semana apontam o prefeito de São Luís com quase 60% de aprovação do mandato, o que reflete o bom momento administrativo do pedetista

 

Em lua de mel com a população, Edivaldo segue colecionando índices inéditos de aprovação popular em São Luís

A pesquisa Ibope divulgada esta semana pela TV Mirante – com os números da corrida eleitoral em São Luís – revelou também que o prefeito Edivaldo Júnior (PDT) tem inédita aprovação popular para um gestor em final de mandato.,

De acordo com o levantamento, a aprovação do prefeito é de 57%.

Na avaliação de analistas, a boa aprovação de Edivaldo Júnior é resultado direto do volume inédito de obras na cidade, beneficiando mais de uma centena de bairros.

Asfaltamento, drenagem profunda, construção de pontes, praças, reconstrução de mercados, reformas de escolas e unidades de saúde, implantação de novos acessos viários estão entre os investimentos históricos de sua gestão.

É a primeira vez que um prefeito da capital chega ao final do mandato com índice de aprovação neste patamar.

Capaz, inclusive, de influenciar o resultado das eleições…

4

Edivaldo Júnior em céu de brigadeiro…

Com leque vasto de obras e serviços nunca antes realizados em uma reta final de mandato, prefeito de São Luís se dá ao luxo de não apoiar ninguém em primeiro turno e, mesmo assim, consegue a proeza de administrar sem críticas de nenhum dos candidatos,

 

Adorado pela população, Edivaldo Júnior se dá ao luxo de passar o primeiro turno sem candidato e, mesmo assim, não recebe críticas de nenhum deles

O prefeito Edivaldo Júnior (PDT) chega ao final do seu mandato com um cacife nunca antes visto na história política de São Luís.

Com índices altíssimos de aprovação popular, à frente de um programa de obras e serviços nunca antes visto em um final de mandato na capital maranhense, e com um cacife eleitoral de peso, ele se dá ao luxo de não ter candidato no primeiro turno.

E mesmo assim, pelo menos até agora, passa sem críticas de nenhum dos postulantes a prefeito.

Edivaldo não recebe questionamento nem mesmo de membros da oposição ao seu governo, como o favorito Eduardo Braide (Podemos) e o deputado Adriano Sarney (PV).

Na base do governo Flávio Dino (PCdoB) todos os candidatos sonham com o apoio do prefeito – do democrata Neto Evangelista, que tem aliança com o PDT, ao republicano Duarte Júnior, passando pelo socialista Bira do Pindaré e pelo comunista Rubens Pereira Júnior.

De todos os candidatos, Rubens Júnior é, aliás, o que mais acena para Edivaldo, tentando convencer a população de que é a continuidade das ações do prefeito pedetista.

Mais Edivaldo Júnior só deve mesmo se posicionar em um eventual segundo turno.

Ou não, dependendo dos nomes que foram para uma nova rodada de disputa…

4

“Tiramos São Luís do atraso”, diz Edivaldo Júnior…

À frente do maior volume de obras e serviços já postos em prática na história de São Luís, prefeito ressalta que o seu sucessor terá em mãos uma cidade financeiramente equilibrada; e diz que o melhor nome para a prefeitura “é aquele que dê prosseguimento ao trabalho” hoje realizado

 

As obras comandadas por Edivaldo se espalham por toda São Luís, dos bairros mais nobres às comunidades mais distantes

Com a presença em palanque cobiçada por todos os candidatos em São Luís, o prefeito Edivaldo Júnior (PDT) constrói um legado para o sucessor que ele próprio não teve ao assumir a capital em 2013.

Além do maior volume de obras já realizadas na cidade, o prefeito garante que entregará um município financeiramente equilibrado e pronto para continuar o desenvolvimento.

E do alto de sua influência indica a melhor opção para o eleitor ludovicense:

– O melhor nome para administrar São Luís é aquele que dê prosseguimento ao trabalho que estamos fazendo, colocando o desenvolvimento da cidade e o bem-estar da população como prioridade – disse, em entrevista ao jornal O Imparcial.

Com forte popularidade, o prefeito tem também forte influência na indicação de um candidato à sua sucessão, o que só deve fazer em segundo turno

As obras que Edivaldo realiza em São Luís têm transformado a cidade em todos os seus aspectos.

É um trabalho tão significativo que nem mesmo os candidatos de oposição têm usado sua propaganda para criticar o prefeito; pelo contrário, todos o querem em palanque.

– Não resolvemos tudo. Nenhum gestor vai conseguir esgotar a demanda urbana, mas tiramos São Luís do atraso – afirmou.

O mais provável é que Edivaldo Júnior mantenha-se neutro no primeiro turno, optando por um dos dois que chegarem ao segundo turno…

1

Edivaldo entrega obras de mais um mercado, o do Anil

Menos de 15 dias após inaugurar o novo mercado do Coroadinho, que foi totalmente reconstruído, o prefeito Edivaldo entregou hoje as obras de ampliação do mercado do Anil. Com a ampliação o mercado passou a contar com praça de alimentação e os boxes da nova ala foram totalmente reformados, beneficiando feirantes e consumidores.

Edivaldo segue com obras estruturantes em outros mercados da cidade e antecipou que já em setembro serão feitas novas entregas. Este é o maior pacote de intervenções já executado nos mercados públicos de São Luís. Ao todo, serão 10 mercados totalmente novos entregues à população.

A medida garante mais dignidade aos feirantes, mais qualidade dos produtos aos consumidores, ajuda a dinamizar a economia dos bairros onde os mercados ficam localizados e moderniza o sistema de abastecimento da cidade.

Este é mais um eixo do macroprograma São Luís em Obras por meio do qual Edivaldo tem transformado a cidade com obras de infraestrutura urbana.

8

Edivaldo quebra “maldição” do fim de mandato e tem aprovação recorde

Diferentemente dos últimos prefeitos da capital maranhense – que deixaram a cidade abandonada no último ano de  mandato – pedetista continua com múltiplas frentes de trabalho, no maior pacote de obras da história

 

O carinho com que foi recebido no Vinhais acompanha Edivaldo em todos os bairros onde entrega obras ou visita a execução de serviços

Executando o maior pacote de obras de infraestrutura das últimas décadas em São Luís, o prefeito Edivaldo Junior (PDT) caminha para encerrar seu mandato com índice recorde de aprovação.

– Nossos últimos prefeitos no final do mandato deixavam a cidade abandonada. Mas o senhor continuou trabalhando e está de parabéns – disse um morador do Vinhais, bairro onde Edivaldo entregou um conjunto de oito praças no fim de semana, pondo fim há 40 anos de espera. (Veja vídeo)

Com o volume de obras e serviços, Edivaldo quebra também a chamada “maldição do último ano de mandato”, que marcou as últimas gestões em São Luís.

A forma como Edivaldo está encerrando sua gestão é um desafio também para quem sucedê-lo na Prefeitura.

Jovem no Vinhais manifesta satisfação com o prefeito, e lembra que ele conseguiu superar os antecessores, que abandonava a cidade no final do mandato

Ele demonstrou habilidade política e administrativa para superar uma crise econômica e fazer os investimentos que a cidade aguardava há décadas; e quem chegar ao comando de São Luís em janeiro, terá que manter o ritmo para ganhar o apoio da população.

Os resultados da gestão de Edivaldo, aliado ao seu carisma pessoal, garantem uma aprovação inédita para político em fim de mandato na capital.

E continuará a movimentar a gestão em pleno período eleitoral…

1

Edivaldo dá sinais de que se manterá neutro no 1º turno

Ao entregar mais uma das inúmeras obras de sua gestão, prefeito de São Luís diz que não fala sobre política e que focará no encerramento do mandato de forma a marcar a história da capital maranhense, o que, de uma forma ou de outra, terá peso eleitoral significativo em um eventual segundo turno

 

Edivaldo entregou a nova Praça da Bíblia, mais uma obra de sua gestão, mas deixou claro: “não falo de política”

O prefeito Edivaldo Júnior (PDT) praticamente confirmou as análises do blog Marco Aurélio D’Eça ao sinalizar, nesta terça-feira, 4, que não se posicionará eleitoralmente no primeiro turno das eleições de São luís.

– Não falo sobre política – respondeu Edivaldo, ao ser questionado por repórteres da rádio Mais FM,  na entrega da Praça da Bíblia, mais uma das inúmeras obras do seu mandato.

Este blog tem apontado sistematicamente – e até de forma crítica – que Edivaldo Júnior terá postura neutra no primeiro turno das eleições, diante das várias candidaturas alinhadas ao seu grupo político. (Relembre aqui, aqui, aqui e aqui)

Ao focar seu mandato num conjunto de obras sem precedentes – além de construir um legado histórico – ele adquire, também, musculatura poderosa para influenciar em um eventual segundo turno.

São obras estruturantes, de forte apelo histórico-cultural, urbanístico e turístico, não apenas no Centro, mas em diversos bairros de São Luís; não há registro de ações deste tipo desde o retorno das eleições diretas na capital, em 1985.

O prefeito tem espalhado obras estruturantes por toda São Luís, que se aliam ao seu carisma pessoal na construção de um legado poderoso na capital maranhense

Dentre os candidatos a prefeito, pelo menos dois demonstram interesse em ter Edivaldo como aliado: o comunista Rubens Pereira Júnior, candidato do governador Flávio Dino (PCdoB); e o democrata Neto Evangelista,  apoiado pelo presidente do partido do prefeito, o senador Weverton Rocha (PDT).

Pelo que disse Edivaldo Júnior durante a entrega da Praça da Bíblia, Pereira Júnior e Evangelista terão que se virar para garantir um segundo turno.

Se chegarem lá, o resultado da gestão de Edivaldo terá como falar por eles.

Simples assim…