3

Edivaldo Júnior no cenário político

Ex-prefeito de São Luís dá sinais claros de que pretende continuar no foco das discussões de poder no Maranhão, ao visitar o presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto

 

Edivaldo com Othelino: conversas sobre o passado e o futuro político do Maranhão

Repercutiu fortemente a visita do ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Júnior (PDT), ao presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto (PCdoB).

Foi o primeiro encontro político do pedetista desde que deixou a prefeitura.

Sinal de que pretende continuar ativo nos bastidores.

E a Assembleia, com ou sem pandemia, ainda é um importante desaguadouro das questões relativas ao Maranhão.

Com forte popularidade ao final do mandato, o prefeito deve manter importante recall para o pleito de 2022.

que deve se refletir nas primeiras pesquisas sobre a sucessão do governador Flávio Dino (PCdoB).

É aguardar e conferir…

4

Edivaldo encerra gestão com cerca de 6 mil obras realizadas

Ao longo de oito anos à frente da Prefeitura de São Luís o prefeito Edivaldo Holanda Junior executou mais de 6 mil obras. Todas estas obras urbanizaram mais de 200 bairros, ampliaram a infraestrutura urbana da cidade, melhoraram a prestação de serviços à população, deram fim a alagamentos, tornaram o trânsito mais fluído e levaram mais bem estar e qualidade de vida para a população.

Foram implantados mais 700 km de nova pavimentação, 100 km de rede de drenagem profunda, rede drenagem superficial (meio-fio e sarjetas), 50 intervenções viárias , interbairros e construção de pontes para melhorar a mobilidade urbana e feita a reconstrução de 10 mercados.

Os bairros ficaram mais bonitos com a construção de mais de 200 praças com quadras poliesportivas, áreas de recreação infantil e lazer. O Centro Histórico foi requalificado com a restauração dos seus principais logradouros.

Edivaldo também reestruturou as redes de ensino e saúde com a reforma de escolas e construção de creches, a reforma de unidades da atenção básica bem como de urgência e emergência. Foram construídos 23 Ecopontos e o Centro Ambiental Ribeira.

Ao deixar a Prefeitura Edivaldo deixa como legado o maior volume de obras executado em São Luís nas últimas décadas, que transformaram a cidade em uma capital moderna e mais preparada para receber novos investimentos, garantindo desenvolvimento social, econômico e urbano.

2

Em inédito fim de mandato, Edivaldo sai forte em todos os setores

Prefeito que recebeu a prefeitura em 2013 com salários em atraso consegue chegar ao final de sua gestão em dia com o funcionalismo, forte entre a população e reconhecido na classe política; e com legados marcantes em diversas áreas, o que nunca ocorreu em São Luís

 

Em paz com a vida e com o mandato, Edivaldo se diverte na grama de uma das praças entregues em sua gestão

O prefeito de São Luís, Edivaldo Júnior (PDT) encerra nesta quarta-feira, 30, toda a sua folha de pagamentos de sua gestão, com salários totalmente em dia.

É mais um legado da gestão do pedetista, que deixa o posto com altíssimos índices de popularidade e bem avaliado em todas áreas.

Só para efeito de comparação, o próprio Edivaldo recebeu a Prefeitura de São Luís, em 1º de janeiro de 2013, com a folha de pagamentos da gestão de João Castelo (PSDB) em atraso, chegando a ter que parcelar salários. (Relembre aqui)

Mas este é apenas um aspecto do encerramento do mandato de Edivaldo, que segue festivo e com obras e serviços entregues em todos os setores, numa conclusão de gestão nunca antes vista na capital maranhense.

Edivaldo é hoje o político mais popular do Maranhão, embora suas ações ainda sejam restritas a São Luís.

Além de entregar diversas obras, ainda terá boa parte a ser entregue já na gestão de Eduardo Briade (Podemos), que deve chamá-lo para compartilhar as inaugurações.

Mas esta é uma outra história…

0

Edivaldo na última semana: gestão com agenda cheia

Após oito anos de gestão o prefeito Edivaldo Holanda Junior se prepara para passar a faixa no próximo dia 1º de janeiro e iniciou a última semana da sua gestão com uma agenda intensa de trabalho, inaugurando obras por toda a cidade.

Nesta segunda-feira (28) ele entregou mais duas obras no Centro de São Luís: a reforma do Teatro da Cidade, importante equipamento cultural, e a restauração de um casarão na Rua Portugal para uso por órgãos da administração municipal.  À tarde, o chefe do executivo municipal inaugurou sistema simplificado de abastecimento de água na comunidade Cabral Miranda, na zona rural, e praças nos bairros Recanto dos Vinhais, Jardim América e Planalto do Vinhais, que também ganhou uma quadra.

Até o dia 31 Edivaldo seguirá entregando obras emblemáticas para a cidade como a entrega de novas praças, reconstrução de mercados, reformas de escolas entre outras como a urbanização da região da Fonte do Bispo. O local, que é uma das áreas de maior fluxo de pessoas e veículos no Centro de São Luís, era um espaço em degradação urbana e social.

Com obras sendo realizadas praticamente em tempo integral Edivaldo transformou a região, que passará a ser mais um cartão-postal para cidade, oferecendo espaços de lazer, convivência, contemplação e prática esportiva para os moradores do entorno, a população em geral e turistas.

Assim como fez com a região da Fonte do Bispo Edivaldo também realizou uma verdadeira transformação em toda São Luís. Quando assumiu a Prefeitura, em 2013, ele encontrou uma cidade com muitos problemas financeiros, administrativos, de infraestrutura e sociais a serem superados.

Demonstrando habilidade política e administrativa, ele reorganizou a máquina, equilibrou os gastos públicos e iniciou uma trajetória que tem como legado o maior volume de obras de infraestrutura executados na cidade nas últimas décadas, urbanizando mais de 200 bairros desde o Centro à zona rural, incluindo áreas onde o poder público chegou pela primeira vez na gestão Edivaldo.

A São Luís que será entregue no dia 1º de janeiro com certeza é mais organizada e desenvolvida que a de 2013. Com robustos investimentos em rede de drenagem, modernização do sistema de transporte urbano, revolução na área social, reestruturação das redes de ensino e de saúde, avanços na limpeza urbana e tantas outras melhorias.

Este é um legado do compromisso assumido por Edivaldo com a cidade e a sua população.

4

“Foi a gestão que mais fez por São Luís”, diz Pedro Lucas, sobre Edivaldo

Deputado federal que atuou como aliado do prefeito na Câmara de São Luís até 2018 ressaltou que o pedetista soube enfrentar os desafios para transformar a realidade da capital maranhense

 

Pedro Lucas foi recebido por Edivaldo Júnior na condição de deputado federal e de aliado do prefeito

O deputado federal Pedro Lucas (PTB) manifestou-se publicamente em reconhecimento á gestão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) em São Luís.

Pedro Lucas ressaltou em suas redes sociais que o prefeito teve muitos desafios ao longo dos dois mandatos, mas soube reverter a adversidade para mudar a realidade da capital maranhense.

– Sem dúvida foi a gestão que mais fez por São Luís nos últimos anos. parabéns prefeito! Missão cumprida – afirmou o parlamentar, que foi vereador da base de Edivaldo até 2018.

O reconhecimento público de Pedro Lucas reforça ainda mais a popularidade inédita com que Edivaldo Júnior deixa o comando de São Luís.

A posse do novo prefeito, Eduardo Braide (Podemos), será sexta-feira, 1º.

3

Edivaldo é recebido com carinho pela população e turistas

Durante realização da última Feirinha São Luís de 2020, prefeito constatou a popularidade em alta, faltando cinco dias para deixar o mandato

 

O prefeito Edivaldo Holanda Junior visitou a edição deste domingo (27) da Feirinha São Luís, na Praça Benedito Leite, Centro Histórico da capital, onde mais uma vez recebeu o carinho dos feirantes e frequentadores do local. A recepção calorosa é mais uma mostra da popularidade com que ele deixará a Prefeitura na próxima sexta-feira (01).

Após oito anos de uma gestão de desafios superados, Edivaldo se prepara para deixar a Prefeitura de São Luís no fim desta semana e aproveitou o último domingo do ano para prestigiar a Feirinha São Luís, sendo recebido entre abraços e palavras de carinho pela população.

A boa recepção vista por quem estava na Feirinha São Luís neste domingo é o que vem sendo observado nos últimos meses em todos os bairros por onde Edivaldo passou para lançar, vistoriar e inaugurar obras.

Com um grande volume de trabalho que fez de São Luís uma capital mais moderna, com melhor infraestrutura urbana e tendo resolvido problemas históricos da cidade, Edivaldo é o prefeito a deixar o cargo com melhor índice de popularidade nas últimas décadas, o que é algo pouco comum para político em fim do segundo mandato consecutivo já que o longo tempo à frente do Executivo costuma vir acompanhado de um desgaste natural da imagem junto à população.

Não foi o que aconteceu com Edivaldo.

À medida que os investimentos de sua gestão se consolidaram e os resultados positivos no dia a dia da população foram sendo percebidos sua popularidade aumentou bem como o carinho das ruas, sobretudo em bairros mais periféricos e da zona rural, áreas antes praticamente esquecidas pelo poder público e que nos últimos oito anos receberam muitas obras.

É com todo este respaldo que Edivaldo pode sair às ruas tranquilamente nos últimos dias de sua gestão e visitar espaços com grande fluxo de pessoas como a Feirinha São Luís, um programa exitoso implantado pela sua gestão e que se consolidou como parte do calendário cultural da cidade.

4

Weverton nega “candidatura intransigente” e cita Edivaldo como opção

Conciliador, senador maranhense disse que só concorrerá ao governo se houver viabilidade eleitoral e consenso na base; e afirma aceitar qualquer nome indicado pelo governador Flávio Dino que demonstre viabilidade eleitoral

 

Em paz com seu projeto político, Weverton reafirma comando de Dino na sucessão e cita Edivaldo Júnior como opção ao governo

O senador Weverton Rocha (PDT) deu mais uma mostra de sua maturidade política, nesta quarta-feira, 16, ao afirmar em entrevista à rádio Educadora que não há intransigência em sua candidatura ao governo.

– Eleição majoritária não é eleição de projeto pessoal. Eleição majoritária é grupo, não é sozinho. E tem que ouvir o povo. Vamos ver o que o povo vai dizer. E o líder desse grupo é o governador Flávio Dino (PCdoB) – ensina o senador.

Para Rocha, é equivocada e “pouco inteligente” a estratégia do grupo do grupo do vice-governador Carlos Brandão (Republicanos), de tentar afastá-lo de Flávio Dino.

– É claro que o grupo do vice-governador tenta nos afastar de Flávio Dino, de forma equivocada, penso eu, por conta de disputas internas. Para a eles, numa conta simples, mas não inteligente, é mil vezes melhor tentar me afastar, achando que isso me enfraquecerá – disse.

Brandão tem forçado a barra para ser candidato de qualquer jeito, mesmo tendo menos de dois dígitos nas pesquisas de intenção de votos já divulgadas; ele também hostiliza Weverton como adversário no grupo. (Relembre aqui e aqui)

Mesmo assim, Rocha aceita apoiar qualquer nome indicado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) que demonstre mais viabilidade eleitoral e que tenha consenso na base; e cita o prefeito Edivaldo Júnior como exemplo:

– Eu sempre construí política tendo a leitura de que não se pode construir projetos pessoais. Se Flávio Dino disser: “Weverton, Brandão nós temos o nome do prefeito Edivaldo bem avaliado, que pode unificar vocês”. Qual o problema de eu fazer parte deste projeto? – perguntou 

Weverton concluiu, reafirmando sua maturidade:

– O que não vou fazer é ir de qualquer jeito para um projeto pessoal, que não represente grupo. Se tivermos esta construção, não vejo problema nenhum. Repito: o projeto é do grupo –  afirmou o senador do PDT. 

Simples assim…

1

A mulher por trás da nova imagem de Edivaldo Júnior

Discreta, operacional e conciliadora, a secretária de Comunicação Conceição Castro conseguiu ampliar fortemente a mídia em torno da gestão do prefeito pedetista, dialogando com todas as vertentes da imprensa, sem sectarismos ou represálias a críticas

 

Edivaldo Júnior deixará a prefeitura com imagem de líder forte e seguro, bem diferente daquela que iniciou o mandato

Opinião

O prefeito Edivaldo Júnior (PDT) chega ao final do seu período de oito anos de mandato como um dos líderes políticos mais carismáticos e populares da história da Prefeitura de São Luís. 

O feito é ainda mais extraordinário quando se compara o Edivaldo de dezembro de 2020 ao de janeiro de 2012, quando ele assumiu o primeiro mandato.

Por trás desta mudança na imagem está uma mulher: a secretária de Comunicação Conceição Castro.

Discreta, workaholic extremamente ativa, conciliadora e serena, Castro conseguiu, em quatro anos, transformar a imagem de Edivaldo, de garoto inexperiente e inseguro em gestor de habilidade política indiscutível.

E potencializou o natural carisma do prefeito, que o fizeram chegar a 2020 com aprovação nas alturas, como nunca antes na história desta cidade.

É claro que o prefeito fez a sua parte, projetando o maior volume de obras e serviços jamais vistos em um final de mandato na capital maranhense, construindo legados em diversos setores; mas tudo isso poderia ter ficado perdido sem a habilidade de sua auxiliar para potencializar a publicidade, sem sectarismos.

A repercussão midiática dos atos de Edivaldo é tamanha que, há 15 dias do fim do mandato, as notícias em torno dele superam até mesmo as informações referentes ao novo prefeito, Eduardo Braide (Podemos), que toma posse em 1º de janeiro. 

Conceição Castro aproximou Edivaldo de críticos de sua gestão – incluindo o blog Marco Aurélio D’Eça – ampliou os espaços publicitários em veículos influentes, como TV Mirante e jornal O EstadoMaranhão, além de atuar diretamente nas agências responsáveis pela imagem do prefeito, algumas extremamente hostis a ela no início de sua gestão.

Conceição Castro em rara imagem com Edivaldo; discrição e eficiência na construção da imagem do prefeito

É claro que a postura aberta de Conceição Castro irritou sectários da mídia, que defendem reserva de mercado e só conseguem atuar se em guerra com adversários; mas só estes – por razões auto-explicativas – fazem hoje críticas à postura da chefe da Secom.

Edivaldo Júnior precisou de três secretários de comunicação ao longo de oito anos para se tornar o líder promissor que deixa a gestão no dia 31 de dezembro.

Mas foi uma mulher, enfrentando todos os preconceitos e obstáculos – muitos deles meramente machistas – aquela capaz de encaminhá-lo rumo ao futuro político no Maranhão.

Futuro que, agora, só depende dele próprio…

2

Feiras e mercados: outra marca da gestão Edivaldo…

Prefeito entregará o cargo em 1º de janeiro à frente do maior programa de recuperação destes logradouros públicos na história de São Luís, legado que se junta a outras marcas da gestão do pedetista na capital maranhense

 

Edivaldo acena para populares no Mercado do São Francisco; prefeito é o gestor em fim de mandato mais popular da história política de São Luís

Sexto logradouro deste tipo entregue totalmente reformado pelo prefeito Edivaldo Júnior (PDT) – de um total de 10 que devem ser concluídos até o fim de dezembro – o Mercado do São Francisco representa um avanço significativo na história das feiras na capital maranhense.

Antes dele, Edivaldo já havia inaugurado os mercados do Coroadinho, Santo Antônio e Monte Castelo, que foram totalmente reconstruídos, além do Mercado do Anil, que passou por ampliação, e do Mercado das Tulhas, restaurado em sua arquitetura histórica.

Juntam-se a estes espaços os mercados da Liberdade e da Vila Palmeira, entregues ainda no primeiro mandato.

Os mercados reformados juntam-se a outros programas de destaque na gestão de Edivaldo.

A reforma e construção de praças em diversos bairros trouxe segurança, qualidade de vida e lazer para as comunidades, como mostrado pelo blog Marco Aurélio D’Eça, no post “A importância das praças construídas por Edivaldo Júnior”.

Reformada na gestão de Edivaldo, a Praça do Panteão faz parte do complexo Deodoro, todo recuperado pelo prefeito

Outro legado é a recuperação de logradouros do Complexo Deodoro, desde a Praça da Bíblia até a Praça Pedro II, passando pelo Parque do Bom Menino, Praça Deodoro, Rua Grande e Praça João Lisboa. (Saiba mais aqui, aqui, aqui e aqui)

Não há na história política de São Luís um prefeito que tenha chegado ao último mês de mandato com um volume de obras e serviços tão grande quanto o de Edivaldo Júnior, que promete trabalho até o último dia no cargo.

Essa marca será importante capital político para o prefeito, que se prepara para voos mais altos a partir de 2022.

Mas esta é uma outra história…

0

Edivaldo e Osmar Filho inauguram novo Mercado do São Francisco

 

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior e o vereador Osmar Filho, ambos do PDT, inauguraram, na manhã deste sábado (12), o novo Mercado do São Francisco, um dos mais tradicionais e populosos bairros de São Luís.

O novo equipamento público era uma reivindicação antiga dos comerciantes e moradores e foi um pleito feito por Osmar, ao longo do seu mandato, ao prefeito, que o atendeu.

“A construção do novo Mercado era uma reivindicação dos moradores há cerca de 30 anos. Além de oferecer melhor infraestrutura aos feirantes e consumidores, este novo equipamento público fomentará, sobremaneira, a economia do São Francisco e região. Agradeço o prefeito Edivaldo pela sensibilidade e por ter atendido o nosso pedido”, afirmou Osmar Filho.

Edivaldo destacou que a obra integra a maior intervenção em Feiras e Mercados já vista na história da cidade. “Estamos indo além das reformas. Estamos reconstruindo os mercados”, pontuou o prefeito, ressaltando que agora os feirantes podem trabalhar com dignidade e os consumidores têm um espaço que oferece condições de segurança alimentar.

Após dezenas de reuniões para ouvir os comerciantes locais sobre suas necessidades, as obras foram iniciadas em janeiro deste ano. Para não terem prejuízos, durante a execução dos serviços, os mais de 250 feirantes foram removidos para um espaço provisório, localizado no próprio bairro, onde puderam comercializar os seus produtos até a entrega do novo Mercado.

O equipamento público ganhou novo sistema hidráulico, boxes padronizados, iluminação moderna, sistema de câmera de vídeo e sistema de drenagem, dentre outras benfeitorias. Além disso, toda a sua área terá acessos para pessoas com mobilidade reduzida.

Também participaram da inauguração a primeira-dama Camila Holanda; o vice-prefeito Júlio Pinheiro (PC do B); o promotor de Justiça Cláudio Cabral; secretários municipais, feirantes e moradores do São Francisco e entorno.

Vale destacar, ainda, que o prefeito Edivaldo já reinaugurou os Mercados do Coroadinho, Santo Antônio e Monte Castelo, que foram totalmente reconstruídos; o Mercado do Anil, que passou por ampliação; e o Mercado das Tulhas, que teve sua arquitetura histórica restaurada.