0

Movimento de Mulheres do PDT também abraça a candidatura de Fábio Câmara

“Pré-pré-candidato” a prefeito de São Luís reuniu-se em Brasília com a presidente nacional do segmento pedetista, Kariadne Maia, que o recebeu “de forma otimista” e “com expectativa muito boa” de inclusão das minorias no debate sucessório da capital maranhense

 

Fábio Câmara conversou com Kariadne sobre o movimento feminista no Maranhão e em São Luís…

O ex-vereador e “pré-pré-candidato” pedetista a prefeito de São Luís, Fábio Câmara, foi recebido nesta quinta-feira, 26, na sede do partido em São Luís,  pela presidente nacional do Movimento de Mulheres do PDT, Kariadne Maia, que mostrou-se “muito otimista com o projeto do partido para a capital maranhense”.

Ao blog Marco Aurélio d’Eça, Kariadne, que também é maranhense, disse que a pré-candidatura de Fábio Câmara “traz esperança de atrair para o debate os movimentos que vivem à margem da discussão político-eleitoral”.

– Uma expetativa muito boa, não apenas no movimento de mulheres, mas também entre os negros e outras minorias; abre uma possibilidade muito grande de ampliar a participação desses segmentos – disse a presidente do Movimento de Mulheres.

O apoio do segmento das mulheres soma-se a outros movimentos do PDT, como o de Negros, o Comunitário, o do Meio Ambiente, que também já manifestaram apoio ao ex-vereador.

…E entregou a ela a rosa vermelha do PDT, símbolo da sua pré-campanha a prefeito de São Luís

Fábio Câmara esteve em Brasília no início da semana, em agendas com as lideranças do PDT em, âmbito estadual e nacional.

Ele já se reuniu com o senador Weverton Rocha, que o apresentou como “pré-candidato do PDT ao ministro da Previdência Social, Carlos Lupi, presidente nacional licenciado do partido.

O objetivo do “pré-pré-candidato” é fechar 2023 como a chancela de todos os setores do PDT…

0

Imagem do dia: Fábio Câmara entrega símbolo de sua pré-campanha a Weverton

De volta a Brasília – onde sua movimentação como “pré-pré-candidato” a prefeito começou – ex-vereador reuniu-se novamente com o senador Weverton Rocha e entregou-lhe a rosa vermelha, símbolo do PDT, que ele tem distribuído a militantes, populares e lideranças políticas na capital maranhense

 

Weverton com Erlânio Xavier recebendo a rosa vermelha do PDT, símbolo da campanha de Fábio Câmara

Quase 30 dias depois de ter sido recebido por Weverton Rocha – no encontro que demarcou o início de sua “pré-pré-candidatura” a prefeito de São Luís – o ex-vereador Fábio Câmara retornou nesta terça-feira, 24, ao gabinete do senador, que preside o seu partido, o PDT.

Ao lado do secretário-geral pedetista, prefeito Erlânio Xavier, e do assessor parlamentar Zé Maranhão, Fábio Câmara percorreu os corredores do Senado e reuniu-se com Weverton em seu gabinete.

– Senador eu estou vindo do Maranhão trazendo a rosa do PDT. O PDT que o senhor esteve a vida inteira; sei do seu amor não apenas pelo PDT, mas pela cidade de São Luís por isso, trago esta rosa – declarou Câmara.

O “pré-pré-candidato” pedetista com o senador Weverton, Erlânio Xavier e Zé Maranhão, nos corredores do Senado

Em resposta, Weverton falou de Jackson, de Brizola e do socialismo, de todos que fizeram a história do PDT em São Luís.

– Todos que carregam esta rosa, um símbolo do partido, sabem a importância que têm ao falar do legado de um partido que tem história, como o PDT; muito obrigado – declarou o senador.

Foi a partir do encontro com Weverton, em 27 de setembro, que Fábio Câmara ganhou a chancela para buscar a militância, os históricos e a direção do PDT para seu projeto em São Luís.

E hoje tem a chancela irrestrita de todos os setores do partido…

0

Em paz, Weverton e Flávio Dino já têm planos para 2026…

Após afastar-se durante as eleições de 2022, senador do PDT é hoje um dos principais interlocutores do ministro da Justiça entre as lideranças políticas maranhenses; os dois já planejam juntos passos nas eleições de 2024 e projetam alianças também para 2026

 

Flávio Dino e Weverton Rocha voltaram a conversar já em Brasília, após as eleições de 2022, e reforçaram os laços de amizades e os projetos para 2026

Numa espécie de processo de reaproximação que vem desde o início de 2023 em Brasília, o ministro da Justiça Flávio Dino (PSB) e o senador  Weverton Rocha (PDT) estão de novo juntos politicamente.

Os dois planejam juntos os passos eleitorais de 2024 e já projetam também a sucessão do governador Carlos Brandão (PSB), em 2026; embora não se mostrem ainda publicamente entrelaçados, Dino e Weverton trocam figurinhas diárias em Brasília.

O senador do PDT é hoje o principal interlocutor do ministro da Justiça entre os políticos do Maranhão.

Este blog Marco Aurélio d’Eça tratou desta reaproximação ainda em agosto, no post “o cachimbo da paz entre Weverton e Flávio Dino…”

Antes disso, ainda na campanha de 2022 – quando Flávio Dino decidiu optar pela candidatura do seu então vice-governador Brandão – este blog Marco Aurélio d’Eça também mostrou a maior afinidade entre o socialista e o pedetista, no post “Pauta de centro-esquerda tende a aproximar agendas de Weverton e Flávio Dino…”

O projeto eleitoral de Flávio Dino e Weverton – surgido quando o ministro ainda nem era cotado para a vaga no Supremo Tribunal Federal – também foi revelado, pela primeira vez, no blog Marco Aurélio d’Eça, no post “A doce ilusão que Flávio Dino cria em aliados de Weverton e Eliziane…”.

Esta aliança, hoje, está definitivamente refeita e já com projeções para 2026.

É preciso entender que, nas próximas eleições estaduais, Dino não precisa disputar nenhum cargo, e tem o vice-governador  Felipe Camarão (PT) como nome para o governo; Weverton aposta que pode ser o candidato da chapa ao Senado, ao lado de Brandão, por exemplo, mesmo com a forte movimentação do agora ministro André Fufuca (PP).

O blog Marco Aurélio d’Eça já ponderou sobre esta possível chapa com o próprio Weverton e com seus interlocutores e os de Flávio Dino; e todos confirmam a renovação da aliança em 2026.

Seja qual for o cenário político no Maranhão…

0

Com Fábio Câmara, PDT pode garantir o segundo turno em São Luís…

Candidatura do suplente de deputado federal é vista até por adversários como fundamental para consolidar a disputa em duas rodadas nas eleições de 2024 e quebrar o favoritismo do prefeito Eduardo Braide, que trabalha para vencer em primeiro turno; e devolve ao partido, novamente, a condição de protagonista na capital maranhense

 

Fábio Câmara recebeu o aval e Weverton Rocha para se movimentar no PDT; e alcançou exposição maior que a de todos os pré-candidatos

Análise da Notícia

Nenhum outro pré-candidato a prefeito de São Luís alcançou o nível de exposição midiática e política que o suplente de deputado federal e “pré-pré-candidato” do PDT, Fábio Câmara, alcançou nas últimas semanas.

O termo “pré-pré-candiato é usado pelo próprio Câmara, para justificar que só ganhará a condição de pré-candidato quando “receber a outorga de autorização” do próprio PDT.

Apresentado como opção a partir de uma conversa com o senador Weverton Rocha, em Brasília, divulgada neste blog Marco Aurélio d’Eça, Câmara ganhou a mídia em todos os seus segmentos; foi parabenizado, ovacionado, destacado, criticado e até vilipendiado.

Mas ocupou espaços importantes entre os nomes da disputa.

Ao que tudo indica, com todas as dificuldades enfrentadas pelos interessados em concorrer à Prefeitura de São Luís, a disputa deve se resumir mesmo entre quatro nomes: Eduardo Braide (PSD), Duarte Júnior (PSB), Edivaldo Júnior (sem partido) e alguém que consiga a chancela pedetista, capaz de influenciar diretamente o segundo turno.

A ressignificação do PDT em São Luís pode levá-lo de volta ao protagonismo vivido nas eleições municipais nos últimos 35 anos

O PDT viveu dois momentos nessa pré-campanha:

Primeiro, a possibilidade de repetição da aliança de 2020 com o deputado Neto Evangelista (União Brasil), hipótese descartada com o afastamento do próprio parlamentar, que optou pela base de Carlos Brandão (PSB); a outra possibilidade seria o presidente da Câmara Municipal, Paulo Victor (PSDB), mas este optou por sair da disputa.

O nome de Fábio Câmara surgiu exatamente no momento de desistência de Paulo Victor, ganhou as bases pedetistas, alcançou históricos importantes e recebeu a chancela do senador Weverton Rocha, além do aval do presidente municipal Raimundo Penha.

Com a militância pedetista histórica e a experiência de ter vencido todas as eleições em São Luís nos últimos 35 anos, o PDT pode, em 2024, definir exatamente se haverá ou não segundo turno na capital maranhense.

Com amplas chances de estar novamente presente…

0

Movimento Eco-Trabalhismo do PDT também reforça apoio a Fábio Câmara

Lideranças do segmento tomaram café da manhã com o pré-candidato a prefeito oferecido pelo restaurante Torres do Sol, evento comentado pelo senador Weverton Rocha, que destacou a articulação da base pedetista em suas redes sociais

 

Fábio Câmara com lideranças históricas e comunitárias do PDT de São Luís

Em mais uma etapa de diálogo com as bases do PDT – que antecede o encontro com o presidente municipal do partido, vereador Raimundo Penha – o pré-candidato a prefeito Fábio Câmara foi recebido nesta sábado, 7, para um café da manhã no Restaurante Torres do Sol.

Do evento, participaram também lideranças pedetistas históricas

– Trago esta rosa para simbolizar minha relação histórica e meu carinho a todos do partido – ressaltou Câmara, que distribuiu rosas vermelhas, símbolo maior do PDT.

Na sexta-feira, 6, o ex-vereador já havia se reunido com os representantes dos movimentos sociais ligados ao partido, em almoço no restaurante Porto Seguro; o encontro com Raimundo Penha está previsto para esta segunda-feira, 9.

A reunião com os representantes do Eco-trabalhismo do PDT foi comentado nas redes sociais do senador  Weverton Rocha, presidente regional pedetista.

– O PDT está sempre pronto para o debate e é muito bom ver nossa militância mobilizada e discutindo os rumos de São Luís. Como nesse café da manhã, oferecido pelo Garotinho, do Torre do Sol Boteco, que reuniu o jovem líder Fábio Câmara, as lideranças pedetistas Júlio França, Sebastião Santos, Antônio Carlos, presidentes de associações de moradores do centro e representantes dos projeto HF da Vila Bessa, e vários presidentes de associações do centro. Nosso partido segue empenhando em ajudar a pensar boas soluções para São Luís – comentou o senador, que publicou uma imagem do evento.

A Rosa vermelha, símbolo maior do PDT, tem sido distribuída por Fábio Câmara em seus eventos, o que já virou uma marca de sua pré-campanha

Weverton recebeu Fábio Câmara na semana passada em seu gabinete em Brasília, ocasião em que gravou um vídeo mostrando a opção do PDT para a militância do partido em São Luís.

Após o encontro com Penha, Fábio Câmara tem agenda marcada ainda com lideranças pedetistas históricas.

0

Para Aziz Santos, com Fábio Câmara o PDT retoma seu caminho natural…

Líder histórico do partido manifestou entusiasmo em artigo divulgado nesta quarta-feira, 4, diante da posição adotada pelo senador Weverton Rocha, de liberar o ex-candidato a prefeito de São Luís a seguir em busca de reunir condições para se viabilizar na sucessão do prefeito Eduardo Braide

 

Weverton Rocha sinaliza com a possibilidade de ter Fábio Câmara á f rente da campanha do PDT em São Luís, o que agrada à base do partido

Repercutiu fortemente nos bastidores do PDT a posição adotada pelo senador Weverton Rocha (PDT), após receber o ex-candidato a prefeito Fábio Câmara e, não apenas liberá-lo, mas estimulá-lo a buscar viabilização para a sucessão do prefeito Eduardo Braide (PSD).

O encontro entre Weverton e Câmara foi registrado, com exclusividade pelo blog Marco Aurélio d’Eça, no post “PDT ainda tem muito a contribuir em São Luís…”.

Uma das principais lideranças históricas do partido, o ex-secretário Abdelaziz Santos, mostrou forte entusiasmo com a nova posição de Weverton e disse que a movimentação de Fábio Câmara – conversando com lideranças e possíveis candidatos – é um bom início de pré-campanha.

– Em 1985, quando Jackson Lago concorreu pela primeira vez à Prefeitura de São Luís, depois de ter sido candidato a deputado federal, ele adotou a estratégia de se reunir com as  lideranças das centenas de bairros da Capital. Foram cerca de 500 reuniões que antecederam as eleições. Com isso, ficou pra lá de conhecido  na cidade, o que lhe deu o passaporte para ganhar as eleições de 1988 – comparou Aziz.

Um dos principais auxiliares em todas as gestões do ex-governador e ex-prefeito Jackson Lago, Aziz Santos vinha criticando a postura omissa do PDT no debate em São Luís; e mostrava preocupação com o definhamento do partido.

Para ele, bem articulado e com um nome do porte de Fábio Câmara encabeçando a campanha, com apoio público e efetivo do senador Weverton, o PDT tem muito a dizer à população de São Luís.

– Quem sabe tal estratégia usada por Jackson poderia ser repetida agora com o apoio dos movimentos organizados que estão em todo lugar? – questionou o ex-secretário.

Fábio Câmara tem reunido apoios internos no PDT exatamente nos segmentos sociais do partido, como o dos negros, que em 411 anos de São Luís nunca teve um represnetnate na prefietura.

– Ouvir a militância e os movimentos organizados é o caminho da boa política. As informações que me chegam dão conta de que isso começa a acontecer. Maravilha! – concluiu Aziz Santos.

Abaixo, a íntegra do artigo:

O PDT retoma seu caminho natural

Por Aziz Santos

O senador Weverton Rocha deu um norte na questão da disputa eleitoral de 2024 em São Luís, em que  a população vai às urnas eleger o seu novo prefeito. Dito por ele mesmo: “Num recado direto às lideranças pedetistas que já se manifestaram sobre a sucessão municipal de 2024, senador deixa claro que as preferências pessoais não podem suplantar o debate interno com a militância, que precisa ser ouvida para tomada de decisões sobre o futuro do partido”. E mais: “O PDT tem uma história que não pode ser apagada apenas com uma posição pessoal; o PDT é a militância, está em cada canto da cidade”. (blog do Marco Aurélio D’eça).

A sua fala foi simples e direta. O PDT tem história, é aguerrido, tem militância organizada que está em cada canto da cidade e vai à luta com o seu acervo de realizações ao  tempo do Dr. Jackson Lago.

Sucintamente e de memória:

Drenagem profunda  e pavimentação de bairros inteiros da cidade;

Retirada das palafitas da Lagoa da Jansen,  com transferência das famílias para o conjunto residencial Ana Jansen.

Ampliação das matrículas a rede escolar de 30 para 70 mil vagas

Construção de sistema de abastecimento de água do Coradinho;

Elaboração do Projeto SIT – Sistema Integrado de Transportes e sua estruturação;

Construção da Av. São Sebastião no Anil

Reforma do Parque do Bom Menino

Construção do Mercado da Liberdade e reformas do Mercado Central e do Mercado da Praia Grande.

Construção da Praça e Memorial Maria Aragão

Construção da Av. São Luís Rei de França (implantação de 2,5 Km de drenagem profunda, pavimentação, calçadão, ciclovia, iluminação pública);

Criação da Fundação Municipal de Cultura e da Fundação de Turismo

Fábrica São Luís – adquirida para implantar Espaço Cultural  múltiplo: Centro de Convenções, Teatro, Museu do Negro, Museu  do Índio e etc.

Implantação e funcionamento do serviço de remoção de urgência e emergência (São Luís Urgente, hoje conhecido como SAMUR do Ministério da Saúde)

Implantação do hospital de urgência e emergência Clementino Moura (Socorrão II); e

Soerguimento da autoestima da população da cidade pela austeridade da gestão, em que a confiança no Poder Público constituiu a marca principal de suas três exitosas administrações.           

            Além de obras e serviços, a postura altaneira, íntegra, o cultivo da civilidade, a preocupação com a humanização da cidade, tudo isso é o legado histórico das administrações que marcaram a vida dos ludovicenses.

            A militância vibra, a sede do Partido se enche de gente pronta para a luta. Os movimentos sociais se reúnem, todos juntos começam a se organizar para o bom combate.

            Era tudo  o que queríamos. O comando firme do nosso senador. Vamos à luta.

Tenho lido e ouvido de vários colegas pedetistas que o Fábio  Câmara, ex-vereador, suplente de deputado federal já com uma boa história na nossa agremiação se dispõe a disputar a prefeitura de São Luís. Soube pela imprensa que já conversou com o senador Weverton, que o liberou e o estimulou à luta, conversa agora com os possíveis candidatos a prefeito,  começa a reunir lideranças aqui e acolá, enfim, um bom início de pré-campanha.

            Em 1985, quando Jackson Lago concorreu pela primeira vez à Prefeitura de São Luís, depois de ter sido candidato a deputado federal, ele adotou a estratégia de se reunir com as  lideranças das centenas de bairros da Capital. Foram cerca de 500 reuniões que antecederam as eleições. Com isso, ficou pra lá de conhecido  na cidade, o que lhe deu o passaporte para ganhar as eleições de 1988.

Quem sabe tal estratégia poderia ser repetida agora com o apoio dos movimentos organizados que estão em todo lugar?

A propósito, quando me referi em artigo recente que as nossas lideranças não conversavam e não ouviam a militância quis me referir especificamente ao nossos queridos dirigentes deputado Osmar Filho, então presidente do Diretório Municipal de São Luís e ao vice-presidente regional do Partido, o prefeito Erlânio Xavier. Ambos me tratam divinamente bem, e sou agradecido por isso.

Mas, a questão é outra: é do partido como um todo. Ouvir a militância e os movimentos organizados é o caminho da boa política. As informações que me chegam dão conta de que isso começa a acontecer. Maravilha!

0

O encontro de Duarte Júnior e Fábio Câmara em Brasília…

Suplente de deputado federal e ex-candidato a prefeito foi recebido pelo pré-candidato do PSB em seu gabinete, e com o aval do senador  Weverton Rocha, presidente regional do PDT maranhense, partido ao qual Câmara é filiado

 

Fábio Câmara foi recebido por Duarte Júnior no gabinete do deputado federal, em Brasília

O suplente de deputado federal Fábio Câmara (PDT) esteve toda a semana passada toda em Brasília, em articulações do seu instituto que atende comunidades indígenas na área da Saúde e em contatos políticos para as eleições de 2024.

Um dos encontros mais significativos foi com o deputado federal Duarte Júnior (PSB), pré-candidato a prefeito de São Luís.

Numa reunião fora  da agenda – e após Fábio Câmara ter-se reunido com o senador Weverton Rocha, presidente regional do partido, o ex-vereador e o deputado conversaram sobre as eleições de 2024.

Fábio Câmara tem defendido que o PDT entre na disputa pela Prefeitura de São Luís em condições de protagonismo, situação que agrada ao senador  Weverton.

Weverton, inclusive, deu aval para a convcersa com Duarte Júnior…

0

Iracema cobra de Dino apoio a empréstimo pretendido por Brandão…

Pega de surpresa com visita do ministro da Justiça à Assembleia Legislativa em pleno final de tarde da sexta-feira, 29, deputada lembrou que ele próprio – além da ex-governadora Roseana Sarney – governaram com recursos de empréstimos o que justificaria mobilização pelo atual governador

 

Indo de surpresa ao gabinete de Iracema, Flávio Dino também foi pego de surpresa com cobrança por apoio a empréstimo de Brandão

Obrigada a receber o ministro da Justiça Flávio Dino (PSB), de surpresa, em uma agenda no final da tarde da sexta-feira, 29 – e sem pauta – a deputada Iracema Vale (PSB) transformou o encontro em uma reivindicação.

Ela cobrou do ministro apoio ao pedido de empréstimo de R$ 3,5 bilhões que o governador Carlos Brandão pretende fazer ainda em 2023.

O blog Marco Aurélio d’Eça apurou que Iracema lembrou a Flávio Dino o fato de ele próprio – e a governadora Roseana Sarney (PSB)  – terem governado com recurso de empréstimo.

Revelado em primeira não neste blog Marco Aurélio d’Eça, ainda em agosto, o empréstimo de R$ 3,5 bilhões foi confirmado na semana que passou pelo próprio governador, em visita à Assembleia.

Deputados da base governista veem Dino, além do senador Weverton Rocha (PDT), como empecilhos à obtenção dos recursos pretendidos por Brandão.

O próprio Weverton já declarou que pretende “analisar bem” o pedido do Maranhão antes de votar no Senado Federal, como revelou este blog Marco Aurélio d’Eça, em post sobre o assunto.

Também pego de surpresa com a pauta apresentada por Iracema, Dino disse estar pronto para ajudar o Maranhão neste pelito…

0

Weverton ganha força de articulador em Brasília…

Jantares organizados pelo senador maranhense reúnem a nata da política brasileira, membros dos tribunais superiores e muitas lideranças políticas do Maranhão, em encontros marcados por fortes articulações, definições de pautas políticas e conversas de pé de ouvido que podem juntar lulistas e bolsonaristas e definir rumos do poder na capital federal

 

Anfitrião dos círculos de poder em Brasília, Weverton Rocha tem se tornado referência da bancada maranhense na capital federal (imagem ilustrativa)

Passados quase nove meses de governo Lula (PT), o senador Weverton Rocha (PDT) passou a ser o membro da bancada maranhense mais bem articulado em Brasília; em torno do maranhense circula gente de todos os espectros políticos e poderosos dos tribunais superiores.

Os jantares oferecidos por Weverton – como o que ocorreu esta semana – têm virado tradição em Brasília e servido para definição de rumos políticos, negociações de pautas e articulações em todos os níveis, da Política e do Judiciário.

Os maranhenses que visitam o senador em Brasília e são convidados para os convescotes em sua casa ficam impressionados com a presença dos círculos mais poderosos do poder.

Na última terça-feira, 26, por exemplo, estavam presentes o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), o ex-presidente Davi Alcolumbre (União-AP), além dos senadores Eduardo Gomes, Sergio Moro, Augusta Brito, Cid Gomes, Ana Paula Lobato, Mauro Carvalho Junior, Hiran Gonçalves, Laércio Oliveira, Dorinha Seabra, Marcos Rogério e Jayme Campos.

Do STF passaram pela casa de Weverton Rocha o ministro Cristiano Zanin – ex-advogado de Lula – que esteve pela primeira vez em um ambiente social com o agora senador Sérgio Moro (Podemos-PR), responsável pela condenação do presidente.

A festa promovida por Weverton tinha um objetivo: homenagear os nomes indicados para o Superior Tribunal de Justiça; e ainda concorria com outro comes-e-bebes de peso na capital federal: o aniversário do senador Rena Calheiros.

O senador do PDT reforçou sua relação com o presidente Lula (PT) após as eleições de 2022 e ganhou força como um dos amis queridos membros do Congresso Nacional, o que lhe dar condições de novas perspectivas a prtir de 2024, em Brasília.

Mas esta é uma outra história…

0

Ao lado de Fábio Câmara, Weverton garante: “PDT ainda tem muito a contribuir em São Luís”

Num recado direto às lideranças pedetistas que já se manifestaram sobre a sucessão municipal de 2024, senador deixa claro que as preferências pessoais não podem suplantar o debate interno com a militância, que precisa ser ouvida para tomada de decisões sobre o futuro do partido

 

Weverton e Fábio Câmara pregaram novos rumos para o PDT maranhense em conversa em Brasília

O senador Weverton Rocha deu um recado direto às lideranças do PDT, nesta quarta-feira, 27, ao receber em seu gabinete o ex-vereador e ex-candidato a prefeito de São Luís, Fábio Câmara, também filiado ao partido.

– O PDT tem uma história que não pode ser apagada apenas com uma posição pessoal; o PDT é a militância, está em cada canto da cidade – afirmou o senador.

Embora não tenha citado nomes, o posicionamento de Weverton é uma espécie de contraponto ao posicionamento o deputado estadual Osmar Filho e do vereador Raimundo Penha, que já manifestaram publicamente apoio à candidatura do presidente da Câmara Municipal Paulo Victor (PSDB).

Penha vem se alinhando com Victor desde o ano passado, como mostrou o blog Marco Aurélio d’Eça no post “Penha confirma tendência de apoio do PDT a Paulo Victor…”.

Osmar Filho, por sua vez, seguiu o mesmo caminho, nesta mesma quarta-feira, 27, ao dizer à TV Mirante que também defende aliança com Paulo Victor.

Ex-candidato a prefeito e suplente de deputado federal pelo PDT, Fábio Câmara defende maior protagonismo do partido em São Luís

Ex-candidato a prefeito de São Luís e atual suplente de deputado federal pelo PDT, Fábio Câmara é considerado uma das mais preparadas lideranças políticas de São Luís no que diz respeito ao conhecimento da cidade.

– São Luís precisa dar uma oportunidade a aluguém que realmente conheça, que tenha estudado a cidade – disse o ex-parlamentar, que disputou a prefeitura em 2016.

Tanto Weverton quanto Fábio Câmara declararam confiar no poder da militância e da articulação interna do PDT para que o partido siga o melhor rumo nas eleições de 2024.

E que todos sigam juntos com o partido…