0

O poderoso padrinho de Carlos Brandão em Brasília…

Ex-presidente da República José Sarney passou a ser o principal interlocutor do governador maranhense com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com influência para atrair recursos e obras para o estado, mas, sobretudo, na busca das posições político-eleitorais desejadas pelo afilhado nas eleições de 2026

 

Brandão ao lado de Lula, com Sarney, seu principal apoiador na relação com o governo do PT

Em 14 de julho de 2023, este blog Marco Aurélio d’Eça publicou o post “A guerra entre Flávio Dino e Sarney por Brandão em Brasília…”.  

À época, com a já estremecida relação do então ministro da Justiça com o governador  do Maranhão, o ex-presidente passou a ser o canal de articulação entre Brandão e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Ministro da Justiça tenta criar a ideia de que só ele é o caminho para Lula na capital federal – e até tem convencido disso algumas lideranças; mas o governador maranhense tem recorrido ao ex-presidente, que ainda mostra forte influência (…)”, afirmava o post.

O tempo passou, Flávio Dino virou ministro do Supremo Tribunal Federal e viu seu grupo esvaziado na gestão brandonista, enquanto Sarney e seu grupo ganharam importante influência no Palácio dos Leões e na relação deste com o Palácio do Planalto.

  • Parte de Sarney os principais pedidos do governo Brandão a Lula, segundo afirmou o próprio presidente;
  • É Sarney também quem trata das relações político-eleitorais de Brandão com Lula e com o PT nacional.

Enquanto Brandão avança na relação com Lula, seus aliados eventuais e possíveis adversários em 2026 preferem manter silêncio, ainda tentando entender os movimentos do governador, como este blog Marco Aurélio d’Eça também mostrou, em maio, no post “Lideranças silenciam sobre aproximação de Brandão com Lula…”.

Nesta relação o governador já começa a mostrar ao presidente, inclusive, outras opções para o PT maranhense em 2026, diferentes das estabelecidas quando a relação com o grupo de Flávio Dino ainda era mais conistente.

Mas esta é uma outra história…

0

Zé Inácio destaca reunião entre Lula e Brandão em Brasília e ações do governo federal no MA

Durante pronunciamento realizado nesta quinta-feira (9) na Assembleia Legislativa do maranhão, o deputado estadual Zé Inácio subiu à tribuna para destacar a importante parceria entre o governo do presidente Lula e o governo do Maranhão, liderado pelo governador Carlos Brandão.

Em seu discurso, ele enfatizou a reunião recente entre o governador e o presidente, que aconteceu em Brasília e serviu para discutir ações de desenvolvimento, tanto para o estado do Maranhão quanto para o Brasil como um todo.

Zé Inácio ressaltou que a relação entre os dois líderes não é apenas uma questão protocolar, mas sim uma amizade entre dois aliados políticos comprometidos em trabalhar pelo progresso do Maranhão e do país. Ele elogiou a postura do governador Brandão, que aproveitou a ocasião para agradecer o apoio e as ações desenvolvidas pelo governo federal no Maranhão.

O deputado também destacou os avanços e benefícios resultantes dessa parceria, como a visita de diversos ministros ao estado para trazer melhorias para a população, bem como as entregas recentes de casas populares em Chapadinha e a conclusão de obras importantes, como a BR-226.

“Agradecer as 868 casas que foram recentemente entregues em Chapadinha, agradecer a entrega da BR-226 entre Caxias e Timon, agradecer a vinda recente do Ministro dos Transportes, que realizou visita in loco nas BRs que foram danificadas pelas fortes chuvas aqui no Maranhão, bem como a recuperação da BR no trecho Santa Inês/Santa Luzia, Bom Jesus da Selva/Buriticupu, dentre tantas outras ações”, destacou.

Zé Inácio ressaltou os resultados positivos da gestão atual, como a redução do desemprego no país, o controle da inflação e o crescimento econômico, que levam o Brasil a retomar seu lugar entre as maiores economias do mundo. O deputado finalizou sua fala destacando o investimento previsto para o Maranhão com o novo PAC, atingindo cerca de 93% da população maranhense, e totalizando R$ 94 bilhões, e agradeceu ao governador Carlos Brandão por sua dedicação em garantir benefícios ao estado.

Além disso, o Governador Carlos Brandão esteve com o Ministro dos Transportes Renan Filho, onde o governo do Presidente Lula se comprometeu em federalizar as rodovias a MA-014, de Vitoria do Meari a Pinheiro, a MA-106, de Pinheiro até Santa Helena e de Santa Helena até Governador Nunes Freire, e a MA-006 de Tasso Fragoso a Alto Parnaíba.

Zé Inácio enalteceu a sólida aliança entre o governo federal e o governo estadual, ressaltando os impactos positivos dessa parceria para o desenvolvimento do Maranhão e o progresso do Brasil, algo bem diferente do que foi observado nos quatro anos do governo Bolsonaro.

Da Assessoria

0

Iracema destaca primeiro encontro a sós de Brandão com Lula em Brasília

Presidente da Assembleia Legislativa vê reunião – que tratou de investimentos no estado, obras federais e também dos cenários políticos no Brasil e no Maranhão – como fortalecimento da parceria entre os dois líderes; É a primeira vez que o governador maranhense é recebido sozinho pelo petista desde a posse dos dois, em janeiro de 2023

 

Brandão esteve a sós com Lula pela primeira vez desde a sua posse; encontro marca o início de uma interlocução própria do governador com o presidente

A presidente da Assembleia Legislativa, deputada Iracema Vale (PSB) destacou nesta quarta-feira, 8, a reunião entre o governador Carlos Brandão (PSB) e o presidente Luzi Inácio Lula da Silva (PT), em Brasília.

Foi a primeira reunião pessoal de Brandão com Lula desde a posse dos dois governantes.

Momento marcado pela cordialidade e diálogo produtivo, onde o governador abordou questões fundamentais para o desenvolvimento do estado, destacando projetos de infraestrutura viária, habitação e investimentos federais”, afirmou Iracema.

Desde o início do mandato, o governador maranhense sempre dependeu da interlocução do agora ministro do Supremo Tribunal Federal Flávio Dino para sua relação com Lula; o encontro pessoal desta quarta-feira, 8, é um marco na relação dos dois líderes, por isso o destaque dado por Iracema, principal aliada política do governador no Maranhão.

Durante o encontro, Brandão pediu a Lula que conheça pessoalmente as obras federais em execução no estado; são elas:

  • Conclusão da BR-226 em Timon, já entregue pelo ministro Renan Filho;
  • Projetos do Novo PAC Seleções na infraestrutura e abastecimento d’água;
  • 868 moradias no município de Chapadinha no programa Minha Casa, Minha Vida;

O presidente recebeu com muita sensibilidade nossas demandas de melhorias das condições das BRs no Maranhão, para garantir mais segurança na mobilidade dos cidadãos. Não tenho dúvidas de que nossa forte parceria com o Governo Federal vai continuar garantindo o atendimento das necessidades do nosso estado”, afirmou o governador.

 

No encontro Brandão falou também sobre as eleições municipais e os cenários para 2026, reforçando a importância da unidade na base lulista

Brandão e Lula, ainda segundo Iracema Vale, conversaram também sobre as eleições municipais e os cenários para as eleições de 2026; o governador reforçou a importância da unidade da base lulista em todos os municípios.

A expectativa é que o encontro garanta ao governador a abertura de uma interlocução própria com Lula, independentemente dos demais aliados lulistas maranhenses, como o senador  Weverton Rocha, o deputado federal Márcio Jerry (PCdoB) e o vice-governador Felipe Camarão (PT).

Mas esta é uma outra história…

Com informações da Agência Assembleia

0

Prefeituras vão paralisar atividades no dia 30 de agosto…

Adesão dos municípios maranhenses ao ato “Sem FPM não dá, as prefeituras vão parar” foi anunciado nesta terça-feira, 22, pelo presidente da entidade, prefeito Ivo Rezende, diante da queda no repasse do Fundo de Participação dos Municípios

 

Em coletiva de imprensa, Ivo Rezende anunciou que os municípios farão paralisação das atividades

O presidente da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem), prefeito Ivo Rezende (PSB), anunciou nesta terça-feira, 22, que as prefeituras maranhenses vão fazer paralisação de advertência no dia 30 de agosto.

– Às prefeituras das cidades maranhenses vão paralisar no dia 30 de agosto aderindo ao movimento nacional – anunciuou Rezende, que é prefeito de São Mateus.

O ato tem o objetivo de cobrar do Governo Federal o compromisso de aumentar os repasses às administrações municipais.

As quedas têm sido constantes desde a divulgação do resultado do Censo 2022 pelo IBGE…

0

André Fufuca ganha ainda mais força no PP…

Além de articular presença no governo Lula, deputado federal maranhense já trabalha o aumento das bancadas do partido na Câmara Municipal e na Assembleia Legislativa, com vistas às eleições de 2024

 

Fufuca reuniu-se com vereadores na Câmara Municipal de São Luís

Presidente do PP maranhense, o deputado federal André Fufuca é hoje um dos homens fortes do PP na Câmara Federal.

É dele a responsabilidade de articular aliança do partido com o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O parlamentar ganhou carta branca do presidente nacional Ciro Nogueira (PI) para abrir diálogo com Lula e os aliados, o que deve levar á participação importante no primeiro escalão.

Além da articulação nacional, André Fufuca já trabalha o fortalecimento do PP para as eleições municipais; além de conversas com futuros candidatos a prefeito, ele também quer montar uma chapa de peso para crescimento das bancadas na Assembleia Legislativa e na Câmara Municipal.

Nesta quinta-feira, 5, ele reuniu vereadores para discutir a filiação na legenda e a montagem da chapa para as eleições de 2024.

O PP deve ter peso importante no processo eleitoral…

6

Os revezes de Flávio Dino em Brasília…

Governador perdeu auxiliares indicados a postos-chave do seu futuro Ministério da Justiça, amargando críticas por falta de experiência na convivência política em Brasília; e ainda recebeu mais críticas pelo jantar com o ministro do STF Gilmar Mendes, o que levantou suspeitas de tráfico de influência

 

Diante de vetos aos seus indicados no Ministério da Justiça, Flávio Dino terminou a semana em jantar com ninguém menos que Gilmar Mendes, do STF

O ex-governador maranhense Flávio Dino (PSB) chegou a Brasília, após ser eleito senador pelo Maranhão, com status de intelectual da política, apontado como nome certo na equipe presidencial e futuro sucessor do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva.

Mas bastou ser anunciado para o Ministério da Justiça e começou a esvaziar esses conceitos.

Em duas semanas, o senador eleito teve que engolir o veto a pelo menos três auxiliares de sua equipe ministerial, demonstrando falta de conhecimento do perfil dos subordinados e inabilidade para o jogo político de bastidor no poder de Brasília.

Seu ex-secretário  de Fazenda no Maranhão Marcellus Ribeiro, foi vetado para comandar a poderosa Receita Federal.

O diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal, Edmar Camata, foi “desnomeado” após críticas duras do PT e dos aliados de Lula pelas suas ações em defesa da prisão do ex-presidente.

E o indicado para comandar o setor penal no ministério, coronel Nivaldo César Restivo, teve que pedir para sair por ter atuado no massacre do Carandiru, em 92.

Diante de críticas nas redes sociais e na imprensa, Flávio Dino se viu acuado e foi buscar amparo no amigo e ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes, em um restaurante de Brasília.

Mais um motivo para críticas duras nas redes sociais, desta vez por levantar suspeitas de tráfico de influência.

É assim que Dino vai vivendo a transição em Brasília.

Às voltas com as dores de iniciante no poder federal.

0

Roseana quer mais espaço para as mulheres no governo Lula…

Deputada federal eleita cobrou publicamente em suas redes sociais maior participação feminina no futuro ministério, espaço ainda majoritariamente ocupado apenas por homens

A cobrança pública de Roseana por participação feminina no ministério de Lula

A ex-governadora e deputada federal eleita Roseana Sarney (MDB) veio a público nesta quinta-feira, 15, para cobrar do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT), a presença de mulheres no ministério.

– Presidente Lula, e as mulheres? – perguntou Roseana, em seu perfil no Twitter.

Apesar da participação feminina ativa na campanha do petista, ainda não houve divulgação de nenhuma delas no ministério, cujos postos vêm sendo ocupados exclusivamente por homens.

Apenas a cantora Margareth Menezes já foi confirmada, no Ministério da Cultura.

Estiveram ao lado de Lula as senadoras Eliziane Gama (Cidadania) e Simone Tebet (MDB), a ex-ministra Marina Silva (Rede), e diversas outras mulheres com expressão nacional, além da própria Roseana, que participou da campanha no Maranhão.

Mas até agora, nenhuma mulher no ministério…

1

Investigação do Ministério Público pode envolver Flávio Dino, Bolsonaro e Carlos Brandão com empresa acusada de fraude

Procuradoria da República vai investigar denúncias de favorecimento à construtora maranhense Engefort, acusada de fraudar licitações na Codevasf e que, só no Maranhão, recebeu quase R$ 100 milhões em obras

 

O próprio ex-secretário Clayton Noleto anunciou obras em favor da Engefort, acusada de fraudar licitações em todo o país

O PSOL apresentou à Procuraodria-Geral da República, nesta terça-feira, 12, denúncia contra a empreiteira maranhense Engefort, acusada de fraudar licitações no governo Jair Bolsonaro (PL).

A empresa, que é de Imperatriz, também atuou no governo Flávio Dino/Carlos Brandão (ambos do PSB), onde ganhou obras de mais de R$ 60 milhões, desde 2019.

Segundo denúncia do jornal Folha de S. Paulo, a Engefort usava uma empresa de fachada para fraudar as concorrências no governo Bolsonaro, sobretudo na Codevasf, onde ganhou mais de 70% das licitações, em vários estados.

No Maranhão, a empreiteira atuou na recuperação da MA-020, no trecho Coroatá e Vargem Grande, e na MA-006.

A representação do PSOL pede que sejam investigadas as relações da empreiteira – e seus sócios –  com o presidente Jair Bolsonaro, com o ex-ministro do desenvolvimento Regional, Marcelo Moreira, e com o presidente da Codevasf.

Caberá á PGR decidir se abre ou não investigação…

1

Auxílio de R$ 600 beneficiou mais de mil mortos no Maranhão

Dinheiro do Governo Federal que deveria ajudar as pessoas sem renda suficiente durante a pandemia de coronavírus beneficiou já falecidos e até funcionários públicos de todos os níveis no estado

 

Nada menos que 1,3 mil mortos receberam o auxílio emergencial do Governo Federal no Maranhão.

O dinheiro, que vem sendo pago desde abril, foi uma forma de garantir aos que não têm renda suficiente um recurso a mais durante o período em que as atividades estiveram paralisadas no Brasil.

Mas o auxiliou acabou abastecendo até mesmo contas bancárias de servidores públicos federais, estaduais e municipais.

As irregularidades constam de auditoria preliminar encaminhado aos ministros do Tribunal de Contas da União (TCU).

E ainda podem aumentar, diante do cruzamento com outras fontes de dados…

2

Vídeo denuncia asfalto sem qualidade do DNIT na BR-135…

Motorista mostra que a pavimentação feita pelo órgão federal virou lama menos de três meses depois no trecho entre Miranda do Norte e São Mateus; ele critica também a omissão do governo Flávio Dino

 

Em um vídeo encaminhado ao blog Marco Aurélio D’Eça, empresário da capital maranhense denunciou a péssima qualidade dos serviços de pavimentação feitos pelo DNIT na BR-135.

Ele mostra que o trecho entre Miranda do Norte e São Mateus, feito há menos de três meses, já virou lama e poeira.

– Olha o que o DINT do Maranhão faz com o dinheiro público. Colocaram um quebra galho que saiu antes da chuva. E isso aqui não é coisa de mil, é de milhões – afirmou o motorista, que classificou de irresponsável quem assumiu a obra “e deve ter comido o dinheiro”.

O motorista, que mostra a dificuldade de carretas e caminhões trafegarem na região, criticou também a omissão do governador Flávio Dino, que deveria exigir melhor qualidade dos serviços do órgão federal no Maranhão.

– Isso aí era para o governador do nosso estado cobrar do Governo Federal. Chegar lá e mostrar a irresponsabilidade – disse o empresário.

Enquanto isso, quem sofre é a população, com fretes mais caros, combustível mais caro, tudo por causa da péssima qualidade das rodovias.