2

Imagem do dia: com todos, menos com Dino…

zeO ex-governador e atual deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB) está em São Luís para passar o feriadão de São Pedro. Ele esteve no Arraial da Cidade, a convite do senador Roberto Rocha (PSB), e fez questão de cumprimentar o vereador Astro de Ogum, organizador do espaço. E até posou para fotos com a ex-mulher, Alexandra Tavares. José Reinaldo só não se encontrou com o governador Flávio Dino (PCdoB), reforçando a ideia de atrito entre criador e criatura

2

Feira do Anil: atraso em obras já dura 1 ano e meio…

Vereadora Rose Sales cobrou da Prefeitura de São Luís solução para conclusão da reforma no mercado, paralisadas há um ano meio

 

Rose Sales e os feirantes, com Lula Fylho...

Rose Sales e os feirantes, com Lula Fylho…

A vereadora Rose Sales (PP) reuniu-se com representantes de feirantes do Anil para cobrar do secretário de Governo Municipal, Lula Fylho, a conclusão das obras de reestruturação e adequação da feira do bairro.

A reforma do mercado está parada há 1 ano e meio.

– Eles começaram a obra e não concluíram, ou seja, o comércio teve uma queda, porque as pessoas evitam frequentar o local, com medo que alguma coisa aconteça, ficam receosas, e a gente não tem outro local para vender as mercadorias. Já está passando do prazo para concluir a reforma e a prefeitura sequer fez a transferência dos feirantes. Só queremos trabalhar com mais dignidade. Mas sem estrutura adequada fica difícil – frisou Jefferson  Carlos, vice-presidente da feira.

..E um dos aspectos da feira do anil; sem qualquer tipo de proteção...

..E um dos aspectos da feira do anil; sem qualquer tipo de proteção…

A reforma do Mercado do Anil foi conquistada pela própria Rose Sales feirantes e moradores do Anil, dos bairros vizinhos. As obras foram iniciadas em 12 de fevereiro de 2014, com previsão de serem concluídas em 90 (noventa) dias. Até agora estão por terminar, paradas.

O secretário Lula Fylho se comprometeu a chamar os representantes da Secretaria Municipal de Obras e a Secretaria Municipal de Agricultura , Pesca e Abastecimento para solucionar o problema.

3

Flávio Dino cada vez mais enrolado com a Igreja Católica…

Covardia do governador contra um padre da Pastoral Carcerária foi repudiada pela Aruqidiocese de São Luís, por intermédio da Comissão Justiça e Paz

Se o governador Flávio Dino (PCdoB) pensava que o padre Roberto Perez era só mais um daqueles que ele insulta – com acusações de interesses financeiros – quando confrontam os dados mentirosos do seu governo, o comunista deu um tiro no próprio pé.

E comprou um briga com a própria Igreja Católica no Maranhão.

– É de nosso conhecimento que o Padre Roberto Perez Cordova teve um contrato com o Governo do Maranhão, para atuar junto aos presídios, dando assistência religiosa aos presos e presas, o que pode ser comprovado com o testemunho de todos os membros da Pastoral Carcerária, pelos próprios apenados e apenadas do Complexo Penitenciário de Pedrinhas e de todo o Maranhão, trabalho que exerceu, com seriedade e compromisso cristão – diz a nota da Comissão Justiça e Paz, da Arquidicocese de São Luís, que leva a assinatura do próprio arcebispo dom Belisário.

Portanto, o termo  “mensalinho” usado por Flávio Dino para se defender das c ríticas do padre em relação à política do governo em Pedrinhas, foi apenas mais uma covardia do governador.

Abaixo, a nota da Arquidiocese:

nota

4

Cartas de Pedrinhas…

Blog recebe relato de suposto detento demonstrando exatamente aquilo denunciado pela Pastoral Carcerária e pela revista Carta Capital, e ignorado pelo governador, para  quem tudo está às mil maravilhas

 

O caos em Pedrinhas, que apenas o governo Dino insiste em não ver...

O caos em Pedrinhas, que apenas o governo Dino insiste em não ver…

exclusivoUm suposto detento, que obviamente terá a identidade preservada, encaminhou ao blog relato desesperador da situação no Complexo Penitenciária de Pedrinhas, que o governo Flávio Dino (PCdoB) insiste em contrapor com estatísticas.

A situação revelada é praticamente a mesma apontada pela Sociedade de Direitos Humanos, pela Pastoral Carcerária e pela revista Carta Capital, e constada por deputados da CPI Carcerária, enquadrados por Dino em reunião no Palácio dos Leões.

– A realidade aqui no Maranhão é uma opressão nunca vista: spray de pimenta, castigos em solitárias, chingamentos (sic) dos monitores. (…) São várias tentativas de fuga que não são divulgadas e os presos vão para a sessão de triagem, onde ficam no castigo – disse o preso, que se declara como provisório.

Segundo o preso, a relação com os monitores gera ódio e desperta desejos animais.

– O pensamento das pessoas aqui ´só de matar os monitores e o chefe da disciplina – disse o preso que, mesmo sendo provisório, é obrigado a conviver com ladrões e assassinos já condenados.

por fim, o preso revela;

– Só não me identifico por sei que os diretores tem coragem até de me matar se souberem que estou divulgando o caos que está isso aqui. Só quero ter logo minha audiência e sair livre.

E assim vai seguindo o inquestionável governo da mudança…

7

Flávio Dino e as igrejas…

Dino  entre evangélicos na campanha: navegação entre católicos e evangélicos

Dino entre evangélicos na campanha: navegação entre católicos e evangélicos

Tido como ateu até 2008, quando disputou a primeira eleição majoritária de sua trajetória política, o governador Flávio Dino (PCdoB) reforçou mais os laços com as igrejas durante a campanha eleitoral de 2012, quando apoiou o evangélico Edivaldo Júnior (PTC) para prefeito de São Luís.

Foi a partir de então que ele começou a se declarar comunista-cristão, saiba-se lá o que isso quer dizer.

O epíteto criado por Dino foi alvo de críticas do jornalista Roberto Kenard, no artigo “Flávio Dino precisa se definir: ou é comunista, ou é coroinha”, publicado neste blog em 31 de julho de 2013. (Releia aqui)

Na campanha de 2014, Dino navegou, ora pelo catolicismo fervoroso – com direito a Tau no pescoço e recebimentos de bênçãos e unção de padres -, ora como evangélico fundamentalista, declarando-se “Servo do Senhor”, em discursos no interior do estado.

A autodenominação “Servo do Senhor”, gerou, inclusive, críticas deste e de outros blogs, censurada pelo comunista com ações na Justiça Eleitoral. (Relembre aqui)

Leia também:

Ainda sobre o Dino “servo do Senhor”…

O comunismo e a religião…

As doutrinas do “intelectual” Flávio Dino…

Flávio Dino ontem e hoje…

Eleito governador, começaram os problemas, sobretudo com a Igreja Católica, mais ativista e com membros mais preparados socialmente que a igreja evangélica – em grande parte alienada pela cultura da “espera pelos céus”.

Símbolo da oposição do Cristianismo ao Comunismo

Símbolo da oposição do Cristianismo ao Comunismo

Logo no início, sua política de Segurança foi criticada por setores da igreja ligados aos direitos humanos, após documento da Sociedade Maranhense de Direitos Humanos apontar que Dino estaria dando “licença para matar” aos policiais maranhense, como ação de combate à violência. (Releia aqui)

A violência é, portanto, o principal ponto de atrito entre Dino e a igreja católica no Maranhão.

Crise esta que culminou com a crítica do padre Roberto Perez e a tentativa do governador de desmoralizá-lo, utilizando-se da rede de comunicação financiada pelo estado e em seu próprio perfil na rede social Twitter.

Mas tudo perpassa pela confusão intelectual do próprio Dino, que não se decide se é ateu, comunista, cristão, evangélico, católico.

Ou simplesmente governador…

4

Para líder na Câmara, Holandinha “começou a acertar o gol”…

Osmar Filho com Edivaldo mem visita aos bairros: "pavimentação reforça chances"...

Osmar Filho com Edivaldo em visita aos bairros: “pavimentando” as chances

O líder do governo municipal na Câmara de São Luís, vereador Osmar Filho (PSB), diz reconhecer as dificuldades da gestão do prefeito Edivaldo Júnior (PTC). Mas afirma que Holandinha vive novo momento.

– E já mostrou que, se depender de esforços, começou a acertar o gol – afirmou Omar,  quando em compromisso público ao lado do prefeito, semana passada, segundo o blog de Antonio Martins. (Leia aqui)

Para o líder governista, o prefeito “tem feito das tripas,coração” para garantir os serviços à população, mas o resultado é uma São Luís hoje “com nova feição”.

O vereador acredita que, assim, Holandinha pavimenta, literalmente, suas chances de reeleição…

9

Frase do dia: São João marcado pelo medo…

sarneyEste foi um dos poucos São João que não passei em São Luís. Disseram-me que o mês foi triste. O povo gostaria de acompanhar o boi, mas está com medo de sair de casa diante de tanta violência: só no último fim de semana 9 homicídios, no mês passado 89 mortes violentas, e no interior as quadrilhas estão explodindo caixas eletrônicos e assaltando bancos e casas”

José Sarney, ex-presidente, em sua coluna dominical, publicada em O EstadoMaranhão (leia a íntegra aqui)

1

Glalbert cumpre agenda em Codó e Bom Jesus das Selvas…

Em Bom Jesus, com a prefeita Cristiane e lideranças do município...

Glalbert, em Bom Jesus, com a prefeita Cristiane e lideranças do município…

O deputado Glalbert Cutrim (PRB) realizou, esta semana, uma intensa agenda de trabalho nos municípios de Bom Jesus das Selvas e Codó.

Acompanhado da prefeita Cristiane Damião e de várias outras lideranças políticas e comunitárias da cidade, dentre eles os vereadores Irmão Candido, Letícia Lira, Toinha Tainá e Renatinho, Glalbert participou da programação do festejo junino e visitou obras que estão sendo executadas pela administração municipal, tais como construção do novo centro administrativo da prefeitura, pavimentação de vias e implantação de sistema de abastecimento de água.

O deputado também participou da solenidade de entrega de dois automóveis para o setor da assistência social da cidade.

Em Codó, com o prefeito Zito, Glalbert esteve reunido com representantes de agremiações folclóricas da cidade.

…E em Codó, com o prefeito Zito, e representantes de agremiações folclóricas da cidade

Glalbert Cutrim realizou, ainda, reuniões com a classe política do município, oportunidade na qual ratificou o seu compromisso na Assembleia Legislativa no sentido de levar mais benefícios para Bom Jesus das Selvas e seu povo.

Cristiane Damião agradeceu a visita do deputado, a segunda que ele fez a Bom Jesus das Selvas somente este ano.

De acordo com a prefeita, Glalbert é um parlamentar municipalista que sempre está em contato direto com os gestores públicos municipais objetivando contribuir para melhorar os índices sociais das cidades maranhenses.

Codó

Em Codó, acompanhado do prefeito Zito Rolim, o deputado participou da entrega de benefícios financeiros para as agremiações folclóricas que estão participando do São João da cidade.

Glalbert, em entrevista concedida a veículos de comunicação do município, aproveitou para fazer um breve balanço do seu trabalho na Assembleia, em especial as ações direcionadas aos codoenses.

– Recentemente, solicitamos ao governo estadual a implantação, em Codó, de uma unidade do Viva Cidadão. Além disso, estamos pleiteando outras ações, tais como recursos para pavimentação de vias da cidade – explicou  o deputado.  

1

Chantagem e humilhação para subjugar deputados, diz Ricardo, sobre Dino…

Ex-deputado compara a ação de Márcio Jerry em relação às emendas, ao mensalão que ocorreu no Congresso Nacional, e cobra uma postura do governador

 

muradO ex-deputado Ricardo Murad (PMDB) voltou a criticar a retaliação do governador Flávio Dino (PCdoB) aos deputados Cabo Campos (PP), Zé Inácio (PT), Wellington do Curso (PPS) e Júnior Verde (PRB), que votaram a favor da ajuda federal no sistema de Segurança do Maranhão.

Murad lembrou que a própria deputada Andrea Murad já havia alertado que este tipo de postura de Dino iria acotnecer, mais cedo ou mais tarde.

– Esse comportamento de Flávio Dino só não foi surpresa para a deputada Andrea, que após a votação do requerimento avisou aos deputados do governo que seriam retaliados. Dito e feito – disse o ex-secretário de Saúde.

Flávio Dino deixou o quatro parlamentares de fora do direito de receber as emendas espciais, de R$ 150 mil, para aplicação em projetos do São João em suas bases.

– Mas, o grave disso tudo, é a constatação de uma prática que venho denunciando desde o início do governo que precisa ser combatida por todos aqueles que não aceitam um estado único, de exceção, onde os cidadãos perdem o direto de opinião, são privados pelo medo do maior de seus direitos que é o de viver com liberdade, sem temer seus governantes. A denúncia que a deputada Andrea fez contra o secretário Márcio Jerry, de Articulação Política, é tão séria que já mereceria do governador, se ele não fosse o mentor dessa postura, o afastamento imediato dele da secretaria. A deputada denunciou o crime do uso do dinheiro público para manipulação e cooptação de apoio na Assembleia num esquema igual ao mensalão do Congresso Nacional – afirmou Murad.

Para o ex-secretário, os parlamentares da base retaliados precisam refletir sobre a relação com o governo

– Espero que isto sirva para uma reação dos parlamentares e de todos as pessoas que não aceitam restrição à liberdade de quem quer que seja, porque isso é só o começo – concluiu.